Advogado acusado de fraudes comparece a audiência fantasiado de Harry Potter
Foto: Divulgação

Um advogado acusado de diversas fraudes apareceu fantasiado de um personagem de Harry Potter, em julgamento, na última semana, no tribunal de Manchester, na Inglaterra.  Segundo o jornal Metro, Alan Blacker, de 45 anos, é acusado de fraude de benefícios. Ao aparecer fantasiado, o advogado deixou o júri irritado.  Por conta do comportamento, o júri declarou que, caso o advogado apareça novamente fantasiado ao julgamento, será detido.  De acordo com o jornal, o advogado já deixou de comparecer a uma audiência, afirmando que era seu aniversário, e atualmente passou a fazer "exigências". Algumas delas dizem respeito a seus ‘nomes de tratamento’, já que quer ser chamado de “Doutor Honorável” e “Senhor Harley do Conselho Mais Venerável de Jerusalém". O advogado também teria mentido sobre sua formação profissional e não envia documentações solicitadas por órgãos públicos. O juiz David Wynn Morgan relembrou um período em que dividiu um caso com o advogado em 2014, na Corte de Cardiff Crown. “Blacker ia trabalhar com distintivos e medalhas penduradas em suas roupas e pescoço, nunca vi um profissional sério fazer esse tipo de coisa”, ressaltou.  Morgan ainda definiu que o 'advogado Harry Potter' deverá comparecer ao tribunal somente no dia 7 de janeiro do ano que vem.

Histórico de Conteúdo