Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quarta, 24 de Novembro de 2021 - 12:12

Comissão Eleitoral da OAB-BA proíbe uso de carros de som no Centro de Convenções

por Cláudia Cardozo

Comissão Eleitoral da OAB-BA proíbe uso de carros de som no Centro de Convenções
Foto: Cláudia Cardozo / Bahia Notícias

A Comissão Eleitoral da Ordem dos Advogados do Brasil - Seção Bahia (OAB-BA) proibiu o uso de carros de som e bandinhas de fanfarra no estacionamento do Centro de Convenções. As duas chapas principais que disputam a eleição da seccional baiana, nesta quarta-feira (24), utilizam os carros de som e as bandinhas na mobilização por votos da advocacia.

 

A representação foi movida pelas chapas "OAB pra Valer", liderada pelo ex-presidente da Ordem, Dinailton Oliveira, e a chapa "União pela Advocacia", liderada por Daniela Borges. A representação foi contra a chapa "OAB de Coração", liderada por Ana Patrícia Dantas, atual vice-presidente da Ordem. Eles alegam que a chapa contratou terceiros para veiculação e exibição de bandeiras, bandeirolas e assemelhados, conduta vedada pelo Provimento nº 146/2011 em seu art. 10, § 11.

 

Os representantes pediram à comissão para que a chapa de Ana Patrícia "se abstenha, imediatamente, de utilizar terceiros contratados, que, fora do local de votação, bem como a utilização de carro de som, charanga, e pessoal contratado com bandeiras e balões".

 

Na decisão, a Comissão, para "zelar pela boa imagem da instituição", declarou que "não há dúvida de que a manutenção de tal expediente é suficiente para induzir o eleitorado quanto a sua preferência de voto, gerando desequilíbrio na disputa". A decisão é estendida para todas as chapas.

 

No início da manhã, houve uma confusão envolvendo um carro de som, estilo paredão, contratado pela chapa "OAB de Coração", encabeçada pela candidata Ana Patrícia Dantas Leão, e a Polícia Militar chegou a ser acionada para retirada do equipamento.

 

Foto: Cláudia Cardozo / Bahia Notícias

Histórico de Conteúdo