Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Blogueiro bolsonarista recorre ao STF contra quebra de sigilo imposta pela CPI da Covid
Foto: Alessandro Dantas / PT no Senado

O bolgueiro bolsonarista Allan dos Santos, dono do canal Terça Livre, no YouTube, recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) na última quinta-feira (12) contra a ordem da CPI da Covid-19 para a quebra dos seus sigilos telefônico, telemático e bancário. A informação é do colunista Ancelmo Gois, do jornal O Globo. 

 

Os senadores suspeitam que o youtuber recebeu recursos públicos para apoiar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na divulgação de informações negacionistas em relação ao isolamento social e a vacinas contra a Covid-19.

 

De acordo com a publicação, Santos pede, em caráter liminar, para suspeitar as ordens para quebra dos sigilos, aprovado no dia 30 de junho. Caso as informações já tenham sido repassada à Comissão, o blogueiro pede que os dados sejam mantidos em segredo.

 

Allan dos Santos é um dos investigados no inquérito das fake news no STF.

Histórico de Conteúdo