Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Bolsonaro nomeia Daniel Macedo para chefiar Defensoria Pública da União
Foto: Divulgação

O presidente Jair Bolsonaro nomeou Daniel de Macedo Alves para assumir o cargo de defensor público-geral federal. A nomeação foi publicada nesta segunda-feira (11). O mandato será de dois anos à frente da Defensoria Pública da União, podendo ser reconduzido uma única vez. 

 

O defensor havia sido indicado para o cargo em 8 de setembro de 2020, após ter seu nome escolhido pelo presidente em lista tríplice elaborada por membros da carreira de defensor público federal. Também figuraram na lista Gabriel Faria Oliveira e Leonardo Cardoso de Magalhães. 
 
 

Em 15 de dezembro do ano passado, Macedo passou por sabatina na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado Federal, tendo sido aprovado para exercer o cargo. Em seguida, foi também aprovado pelo plenário da Casa. 
 
 

Daniel Macedo atua há 14 anos como defensor de 2ª Categoria na unidade da DPU no Rio de Janeiro, destacadamente em ações na área de saúde. Ocupou também a função de defensor regional de direitos humanos no Rio de Janeiro. 

Histórico de Conteúdo