TJ-BA produz mais de 126 mil atos na primeira semana de teletrabalho
Foto: Cláudia Cardozo/ Bahia Notícias

Na primeira semana após a instituição do regime de teletrabalho, o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) contabilizou a produção de 126,4 mil atos. De 16 a 25 de março, foram proferidas 21.543 decisões, realizados 4.919 julgamentos, baixados 31.522 processos e produzidos 68.485 despachos. As medidas foram adotadas pelo TJ-BA para evitar a propagação do coronavírus. Os dados de produtividade serão divulgados semanalmente. 

 

Os números demonstram que Poder Judiciário baiano não paralisou as atividades no meio da crise. Segundo o tribunal, toda a equipe de magistrados e servidores têm se empenhado para atender as necessidades da população, dentro dos limites impostos, respeitando as orientações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), da Organização Mundial de Saúde (OMS) e dos gestores governamentais, diante a pandemia do coronavírus. 

 

Desde então, Decretos e Atos Conjuntos orientam o funcionamento do Judiciário e o atendimento ao público; as unidades judiciais e administrativas atuam em regime de teletrabalho; os prazos processuais foram suspensos até o dia 30 de abril; um hotsite criado pelo TJ-BA dá orientações para servidores e magistrados sobre prevenção do Covid-19, com esclarecimentos feitos pela equipe médica do Tribunal; foi disponibilizada sala com equipamento de videoconferência para uso de magistrados e servidores; foi desenvolvido ferramenta de automação para auxiliar nos trabalhos dos Juizados Especiais; entre outras ações. 

Histórico de Conteúdo