Defensoria Pública empossa mais 15 novos defensores para atuar no interior
Foto: DP-BA

A Defensoria Pública da Bahia (DP-BA) deu posse a mais 15 novos defensores públicos na última terça-feira (4). Os empossados integrarão comarcas no interior que estão previstas para receber a Defensoria em 2020, entre elas, Cachoeira, Camacan, Ipiaú, Luís Eduardo Magalhães, Poções e Seabra. A convocação supre também vagas abertas por aposentadorias e pela migração de defensores para outras carreiras jurídicas.

 

De acordo com o defensor público geral da Bahia, Rafson Saraiva Ximenes, essa posse tem um grande simbolismo para a Defensoria porque encerra um ciclo, com a convocação de praticamente todos os aprovados no último concurso, executado em 2016. “A Defensoria vive um momento muito feliz em um período que tudo indicava que poderia ser de tristeza. O que a gente vive aqui nessa posse é uma linda flor que nasceu no mais duro asfalto. É preciso reconhecer isso”, comentou Rafson Ximenes. 

 

Ele avalia como um ato de luta e coragem o salto que a Defensoria deu no período de crise, nomeando defensores, servidores e estagiários para ofertar mais serviços à população. Desde 2015, a Defensoria dobrou o número de comarcas que atende, com a previsão de estar presente em 46 após o fim do curso de formação de defensores.

 

Os novos defensores e defensoras são Amanda Sales Alvarenga, Bruno de Sá Araújo, Daniel Macedo Costa, Fábio Sebastião Soares de Oliveira, Felipe Silva Ferreira, Guilherme Freitas Pereira, João Gabriel Soares de Mello, Leonardo Brito Pirajá de Oliveira, Matheus Augusto de Almeida Cardozo, Natália Camboim Leão, Priscila Andrade Prisco Paraíso, Priscila da Silva Rodrigues Moura, Rafael Bezerra Campos Lossio, Rafael Vasconcelos Moitinho Vilela e Tiago Brito Carvalho. A partir de agora, eles darão início ao Curso de Formação à Carreira, para acumular conhecimento teórico e prático sobre o dia a dia da Defensoria Pública e atender melhor a população em situação de vulnerabilidade. 

Histórico de Conteúdo