Após afastamento de desembargadores, TRT-BA aguarda intimação para adoção de medidas
Foto: Bahia Notícias

Com a decisão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) de afastar os desembargadores do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-BA) que foram acusados de operar um esquema de venda de sentenças e tráfico de influência, a corte informa que aguarda a intimação da decisão proferida para adotar as providências cabíveis. A decisão do conselho foi tomada em sessão realizada na manhã desta terça-feira (24), em Brasília (veja aqui).

 

Os desembargadores envolvidos no caso são Maria Adna Aguiar, Esequias Oliveira, Maria das Graças Boness, Norberto Frerichs e Washington Pires Ribeiro. Além deles, o juiz Thiago Barbosa também foi afastado de suas funções.

 

Com exceção da desembargadora Maria das Graças, os outros cinco magistrados foram alvo da Operação Injusta Causa, deflagrada pela Polícia Federal (PF) no último dia 11 (saiba mais aqui). A investigação apura o mesmo esquema, mas eles negam as acusações.

Histórico de Conteúdo