Morre aos 89 anos procurador que conduziu operação 'Mãos Limpas' na Itália
Foto: Antonio Calanni/ AP / Reprodução

Responsável por comandar a operação anticorrupção “Mãos Limpas” na Itália, o ex-procurador Francesco Saverio Borrelli faleceu, neste sábado (20), aos 89 anos, no Instituto Nacional de Tumores de Milão, de acordo com informações do G1. Bastante debilitado, Borrelli já estava por um longo tempo internado. 

 

Entre os anos de 1992 e 1999, época da operação “Mãos Limpas”, Francesco chefiou a Procuradoria-Geral de Milão e ao lado de Antonio Di Pietro descobriu um forte esquema ilegal entre políticos e empresários.

 

As últimas atividades do Borelli dentro da magistratura foi a frente das investigações que apuraram suspeitas de corrupção entre equipes do Campeonato Italiano de Futebol desde 2006. Na época, ele comandou o departamento de investigação da Federação Italiana de Futebol.

Histórico de Conteúdo