Bolsonaro indica desembargador Evandro Pereira para vaga de ministro do TST
Foto: Divulgação

O desembargador Evandro Pereira Valadão Lopes, do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro (TRT-RJ), foi indicado para ocupar a vaga de ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), pelo presidente Jair Bolsonaro. A vaga era destinada à magistratura, aberta com a aposentadoria da ministra Maria de Assis Calsing. O desembargador será sabatinado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado. O nome deverá ser aprovado pelo plenário do Senado.

 

Natural do Rio de Janeiro, Evandro Pereira Valadão Lopes ingressou na magistratura do trabalho em 1989 no cargo de juiz do Trabalho substituto e, em 1993, foi promovido a juiz titular. Atuou em varas do Trabalho na capital, em Nova Iguaçu, Macaé e Nilópolis. Em 2003, foi promovido a desembargador, onde presidiu a Comissão Examinadora da Prova de Sentença e dirigiu a Escola Judicial no biênio 2013/15.  Também foi presidente da Amatra-1 de dezembro de 1999 a dezembro de 2001.

Histórico de Conteúdo