Defensoria Pública da Bahia lança cartilha sobre direitos de pessoas com deficiência
Foto: Agência Brasil

A Defensoria Pública da Bahia lança na sexta-feira (6) a cartilha “Direitos das Pessoas com Deficiência”. O objetivo da cartilha é esclarecer algumas dúvidas dos cidadãos, como os termos corretos, se são deficiente, portador de deficiência, portador de necessidades especiais ou pessoa com deficiência. A cartilha será lançada na versão impressa e audiobook.

 

O lançamento será realizado durante o seminário “A (des)construção do olhar sobre as pessoas com deficiência: inclusão e protagonismo”, que será promovido das 9h às 18h, no auditório da Escola Superior da Defensoria (Esdep), na Rua Pedro Lessa, nº 123, no bairro do Canela, em Salvador.

 

Como parte do trabalho de educação em direitos desenvolvido pela Instituição, a cartilha educativa foi elaborada pela Especializada de Proteção aos Direitos Humanos e Itinerante da DP-BA e traz, em suas 36 páginas, diversas informações voltadas para as pessoas com deficiência, seus familiares e com quem faz parte de sua convivência sobre os direitos, as formas de garanti-los e as instituições que podem ajudar neste processo.

 

“A finalidade desta cartilha não é trazer todos os dados a respeito de cada direito, mas facilitar, como dito, o acesso à informação, para que, a partir daí, se possa buscar a sua garantia e efetivação, alcançando-se, desse modo, o direito à igualdade e à não discriminação, o direito à dignidade humana e a uma vida acessível e plenamente inclusiva, em todas as suas perspectivas”, diz um dos trechos da cartilha, que tem como autora a defensora pública Cláudia Ferraz.

Histórico de Conteúdo