Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Ju Paes relata crise de ansiedade na pandemia: 'Senti meu coração bater de um jeito'
Foto: Reprodução / YouTube

A atriz Juliana Paes foi a convidada do canal Rap 77, no YouTube, divulgado nesta quinta-feira (14), e contou que desenvolveu crise de ansiedade na pandemia da Covid-19. "Nunca tinha vivido, nunca tinha experimentado, ironizava, às vezes, pessoas que passam por isso por pura ignorância. Esses meses de pandemia fizeram eu viver uma experiência de um quadro de ansiedade que eu nunca tinha imaginado viver", confessou.

 

"Primeiro, porque sempre fui uma pessoa zero ansiosa. O pessoal do meu escritório falava: 'Ai, Ju, está entrando um orçamento', 'Existe a possibilidade de um personagem', e eu esqueço. Não sou aquela pessoa que fica sem dormir. E sempre me dei muito bem com pressão. Trabalhar na Globo é pressão, protagonizar novela de horário nobre é pressão. E eu sempre fui uma pessoa de segurar muito o rojão", admitiu.

 

A global disse que 2020 seria seu ano de descanso da emissora, mas, assim como boa parte da população mundial, teve que ficar em casa. "No fim do ano, me tiraram a minha endorfina, que é o trabalho. Eu gosto daquela pressão, daquela loucura. Aí eu viajei com as crianças em janeiro e em março veio a pandemia. Aí chegou março e eu não saía de casa, não saía para trabalhar, não levava os filhos na escola, não tinha tempo para fazer as minhas coisas", relembrou.

 

"Eu tinha que dar conta do ensino à distância, cheguei a cogitar tirar meu filho por achar que não ia dar em nada. Eu estava errada porque deu. Meus filhos até conseguiam aprender o conteúdo, mas eu fiquei mal. Eu fiquei bem esquisita", assumiu. A atriz é mãe dos pequenos Antonio e Pedro, que são fruto do seu relacionamento com Carlos Eduardo Baptista.

 

No material, ela contou que procurou seu médico após achar estar tendo um problema cardíaco. "Lá para maio, junho, eu comecei a deitar na cama e sentir meu coração bater de um jeito... Liguei para o meu cardio: 'olha só: estou com problema de coração aqui'. E ele me disse: 'Você está, provavelmente, tendo uma crise de ansiedade'. Mas a antecipação (traz) um descompasso. Antes de passar pelo crivo analítico, nosso cérebro dispara descargas que você não sabe o que é (...) Eu tinha descompasso de batimentos", concluiu. Assista:

Histórico de Conteúdo