Andréia Sadi recusa convite da Globo de migrar da política para o entretenimento
Foto: Reprodução / Globo

A jornalista Andréia Sadi recusou o convite da Globo de sair da área de política para se dedicar a um novo projeto de entretenimento. Segundo o site Na Telinha, a ideia da emissora era fazer algo semelhante ao que ocorreu com Fernanda Gentil - que deixou o esporte -, porém para um programa em estágio embrionário.

 

Ainda de acordo com a publicação, a comunicadora ouviu a proposta, mas preferiu seguir na área que já atua por não querer trocar "o certo pelo duvidoso". Atualmente, ela atua na Globo News no ‘Em Foco, com Andréia Sadi” e compõe a equipe do  Jornal Hoje. Além disso, tem o blog Papo de Política no G1

 

A ideia de levar Sadi para o entretenimento teria surgido após recentes entrevistas que ela concedeu para veículos de imprensa e em programas, como o "Altas Horas". Isso porque a platinada percebeu que ela é bem aceita nas redes sociais e possui linguagem mais informal. A jornalista não se pronunciou sobre as informações.

 

Nos últimos anos, a emissora realizou procedimento semelhante com outros comunicadores da casa. Além de Gentil, Tiago Leifert também deixou o esporte para comandar atrações da linha de show. Já Patrícia Poeta saiu do Jornal Nacional com a promessa de um programa solo que até o momento não foi concretizado. Atualmente ela apresenta o É de Casa e cobre férias de outros colegas. O caso de maior sucesso é o de Fátima Bernardes, que saiu do Jornal Nacional após 14 anos para comandar o Encontro, onde está desde 2012. Após início complicado, a atração diária se firmou na programação da Platinada. 

Histórico de Conteúdo