Rodrygo celebra marca de 50 jogos pelo Santos e cita desejo por título
Foto: Divulgação / Santos FC

O jovem Rodrygo, de 17 anos, completa neste domingo (23) a marca de 50 jogos com a camisa do Santos, quando a equipe enfrenta o Cruzeiro, no Mineirão, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Titular do time comandado por Cuca, ele celebrou o número conquistado no alvinegro praiano.

 

"É uma marca muito importante e que foi bem mais rápido do que esperava. Estou procurando viver cada momento intensamente, sem ficar pensando muito no futuro. 50 jogos ainda muito jovem, nem 18 anos, e isso só me motiva a querer evoluir sempre, dividindo este momento com todos no Santos", afirmou.

 

Já vendido ao Real Madrid por 45 milhões de euros (R$ 193 milhões), ele espera ficar marcado no Santos com um título antes de ser apresentado no clube espanhol.

 

"Tenho quase metade da minha vida no Santos e isso me deixa muito satisfeito e gratificado. Digo sempre que a ficha ainda não caiu, pois tudo aconteceu muito rápido. Queria muito um título e vou em busca disso enquanto estiver aqui. Ser ídolo é algo que não depende só de mim, mas com certeza quero, de alguma forma, ficar marcado na história do clube", indicou.

 

Desde que estreou entre os profissionais, Rodrygo soma dez gols marcados em 49 partidas.

Domingo, 23 de Setembro de 2018 - 10:30

Alex Sandro diz que CR7 está motivado após expulsão na Liga dos Campeões

por Folhapress

Alex Sandro diz que CR7 está motivado após expulsão na Liga dos Campeões
Foto: Reprodução / Twitter

A polêmica expulsão de Cristiano Ronaldo no primeiro tempo da partida entre Valencia e Juventus, pela Liga dos Campeões, na última quarta-feira (19), dividiu opiniões, mas não desmotivou o craque português. Segundo o brasileiro Alex Sandro, companheiro de CR7, o atacante está motivado para retornar aos gramados.

"Depois da expulsão contra o Valencia, vejo que ele (Cristiano Ronaldo) está motivado. É um jogador com muita experiência e sabe que o que aconteceu na quarta-feira faz parte do passado. Agora tem de olhar para a frente e mal pode esperar por dar a resposta dentro de campo", disse Alex Sandro em entrevista à Sky Sport da Itália.

Expulso aos 28 minutos do primeiro tempo de jogo contra o Valencia, após se envolver em confusão com o zagueiro Murillo, Cristiano Ronaldo cumprirá um jogo de suspensão automática na Liga dos Campeões, e não enfrenta o Young Boys, na próxima terça-feira (02/10), na Itália. O português ainda pode levar suspensão mais dura, caso a Uefa decida aumentar sua punição.

Convocado para defender a seleção brasileira nos amistosos contra Arábia Saudita e Argentina, em outubro, o lateral-esquerdo Alex Sandro também comentou sobre o convívio com Cristiano Ronaldo.

"Chegou para ajudar a equipe e trouxe qualidade ao elenco. Estou aprendendo a jogar com ele, a entender seus movimentos, como gosta de receber a bola e acho que, aos poucos, vou começar a dar algumas assistências", afirmou Alex Sandro.

A Juventus, líder do Campeonato Italiano, entra em campo no próximo domingo (22), quando enfrenta o Frosinone, fora de casa.

Domingo, 23 de Setembro de 2018 - 09:30

Grêmio cogita pedir desconvocação do atacante Everton

Grêmio cogita pedir desconvocação do atacante Everton

A segunda convocação do atacante Everton deixou o Grêmio insatisfeito. Chamado por Tite para atuar nos amistosos contra Arábia Saudita e Argentina, o "Cebolinha" vai desfalcar a equipe de Renato Gaúcho no jogo contra o Palmeiras, pelo Brasileirão. De acordo com o UOL Esporte, um pedido de desconvocação é estudado.

 

O clube gaúcho já tinha tentado a desconvocação no período dos amistosos contra Estados Unidos e El Salvador, quando Everton foi avisado de que seria chamado outra vez.

 

"Ficamos felizes pelo jogador, pelo reconhecimento do trabalho dele e do clube. Mas também tem o outro lado. O que indigna é a diferença de critério. O Grêmio é o único clube que perdeu seu principal jogador no Campeonato Brasileiro. O treinador (Tite) não considerou que o Grêmio disputa vaga na próxima Libertadores e título ainda. A gente fica indignado com isso e estamos estudando com o departamento jurídico, o presidente e o próprio jogador a possibilidade de pedir uma desconvocação", disse Alberto Guerra, diretor de futebol.

 

Com 22 anos, Everton é o artilheiro do Grêmio na temporada e vai estar em campo neste domingo (23), quando o Grêmio enfrenta o Ceará pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Após empate, Diego Aguirre se diz preocupado com as atuações do São Paulo
Foto: Divulgação

São Paulo e América-MG abriram a 26ª rodada do Campeonato Brasileiro no último sábado (22), no Morumbi, com um empate em 1 a 1. A igualdade no placar frustrou o tricolor paulista, que esteve na frente durante boa parte do jogo.

 

Após a partida, o técnico Diego Aguirre se mostrou preocupado com o desempenho da equipe. Segundo ele, será difícil conquistar a taça com o atual nível de apresentação.

 

"Vejo com preocupação, temos um objetivo importante e, jogando como hoje, é difícil. Temos que rapidamente recuperar nosso nível e voltar às vitórias. Ainda tem muito pela frente, mas podemos jogar melhor, como já fizemos em outras oportunidades", declarou.

 

Aguirre tentou explicar os motivos da queda de rendimento da equipe.

 

"É um pouco de tudo. Pode ser por algumas ausências, o time esteve um pouco desentrosado e não funcionamos como poderíamos. Também os rivais fazem seu posicionamento e fecham as chances para o nosso ataque. Eu não divido o time entre defesa e ataque. Somos todos um time. Se não fizemos outro gol hoje, a culpa não é dos atacantes, mas de todos", disse.

 

Com 51 pontos, o São Paulo lidera a competição nacional, mas pode ser ultrapassado pelo Internacional, que enfrenta o Corinthians na tarde deste domingo (23), na Arena Corinthians.

Domingo, 23 de Setembro de 2018 - 06:00

Vitória encara o Botafogo em confronto direto pelo Brasileirão

por Glauber Guerra

Vitória encara o Botafogo em confronto direto pelo Brasileirão
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O Vitória encara o Botafogo, neste domingo (23), às 18h, no Barradão, válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo é o famoso “jogo de seis pontos”. Os clubes tem a mesma pontuação na tabela – 29 pontos -, e ocupam a 13ª e 15ª colocação. O resultado afasta ou pode colocar um time na zona de rebaixamento.

 

O atacante Léo Ceará destacou a importância do jogo. “Contra o Botafogo, a gente vai jogar em casa, então temos que impor nosso ritmo. A gente precisa da vitória para se distanciar da zona do rebaixamento”, afirmou.

 

Para o volante Léo Gomes, o Vitória precisa impor o ritmo de jogo para conquistar os três pontos.

 

“Dentro de casa, a gente tem que ditar o ritmo de jogo. Fazer a bola rodar, buscar o gol a todo momento. Com o apoio da torcida, que sei que vai estar aqui presente, a gente vai conseguir sair com os três pontos”, disse o jogador.

 


Pelo lado do Botafogo, o volante Rodrigo Lindoso cobrou atenção redobrada de sua equipe.

 

“O Vitória tem um time muito forte em casa, que normalmente pressiona demais os seus adversários. Sabemos que eles vão tentar impor este estilo contra a gente no domingo e precisamos estar atentos a isso. Teremos que saber suportar esta pressão, mas, na verdade, sem aceitá-la de maneira passiva e sim procurando sair do nosso campo e jogar no campo deles. É uma estratégia que pode dar certo se valorizarmos a posse de bola e não ficarmos expostos quando avançarmos para tentar fazer o resultado. Respeitamos o time deles, mas podemos ganhar fora de casa”, declarou.

 

FICHA TÉCNICA
Vitória x Botafogo
Campeonato Brasileiro – 26ª rodada
Local:
Barradão, em Salvador (BA)
Data: 23/09/2018 (domingo)
Horário: 18h
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araújo (SP)
Assistentes: Bruno Salgado Rizo (SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)
Assistentes adicionais: José Ricardo Vasconcellos Laranjeira (AL) e Denis da Silva Ribeiro Serafim (AL) 

 

Vitória: Ronaldo; Lucas, Ramon, Lucas Ribeiro e Fabiano; Léo Gomes, Marcelo Meli, Yago e Lucas Fernandes; Neilton e Léo Ceará. Técnico: Paulo Cézar Carpegiani.

 

Botafogo: Saulo (Diego), Marcinho, Joel Carli, Igor Rabello e Moisés; Lindoso, Jean e Matheus Fernandes (Bochecha); Luiz Fernando, Erik e Kieza. Técnico: Zé Ricardo.

'Morrerei hoje se tiver sido racista', diz italiano que sofreu cusparada de Douglas Costa
Foto: Reprodução / Twitter

Federico Di Francesco fez um gol de calcanhar na vitória do Sassuolo sobre o Empoli por 3 a 1, mas nem mesmo um feito como este conseguiu desviar o foco das entrevistas. O jogador se viu obrigado a falar sobre a polêmica cusparada de Douglas Costa.

"Eu morrerei hoje se tiver dito uma frase racista. Eu não disse uma coisa deste tipo, já falei sobre isso e não quero passar o restante da minha carreira falando sobre isso", disse o jogador à Sky Sport, da Itália, na saída de campo.

O atleta disse que pretende não abordar mais este assunto, mas alega ter sido vítima de mentiras. "Fiquei decepcionado com as frases falsas que foram colocadas nas redes sociais, que me atacaram. São frases muito distantes da educação que recebi", desabafou.

Douglas Costa foi diagnosticado com suas lesões, mas o fato de não ter sido convocado por Tite para os amistosos da seleção brasileira também tem relação com a cusparada que deu no rosto de Di Francesco. O técnico do Brasil lamentou pela "falta de disciplina" do atleta da Juventus.

O jogador brasileiro foi punido e cumprirá suspensão nos próximos quatro jogos do Campeonato Italiano. A imprensa espanhola alega que Federico Di Francesco teria feito ofensas racistas a Douglas Costa, atitude que teria desencadeado a reação inflamada.

Técnico da Roma e pai do italiano, Eusebio Di Francesco descartou a hipótese antes mesmo de seu filho se manifestar. "Isso me deixou muitíssimo indignado, pelo que foi dito sobre ele e pelas palavras que as pessoas supõem que ele tenha dito", criticou.

Sábado, 22 de Setembro de 2018 - 16:30

Único clássico de São Paulo com duas torcidas tem só dois visitantes

por Alex Sabino | Folhapress

Único clássico de São Paulo com duas torcidas tem só dois visitantes
Foto: Folhapress

Dois policiais fazem a segurança do portão da torcida visitante na rua dos Trilhos, na Mooca. A entrada fica do lado oposto à principal no estádio Conde Rodolfo Crespi, conhecido como rua Javari.

"Não veio ninguém aqui ainda", afirma um deles.

Faltam 30 minutos para o início do jogo entre o time da casa e o Nacional, o único clássico da capital paulista em que a presença de torcedores dos dois clubes é permitida.

A partida é válida pela Copa Paulista, torneio organizado pela Federação Paulista para manter os pequenos em atividade no segundo semestre. Campeão e vice podem escolher entre disputar a Série D do Brasileiro ou a Copa do Brasil no ano seguinte.

O clássico Juvenal, como é conhecido, é dos mais tradicionais do Estado. Dentro da Javari, a Setor 2, torcida do Juventus, já canta: "Nacional, a sua torcida é muda e a nossa não vai parar."

Quando o árbitro Alessandro Darcie apitou o início da partida, a organizada Almanac (Alma Nacional) estava presente. A "caravana" era composta pelos estudantes de jornalismo Murilo Sarro e João Guilherme Portella, ambos de 22 anos. Chegaram apressados, de Uber, com receio de emboscada dos adversários que não aconteceu.

"A torcida deles [Juventus] tem sofrido influência de outras de equipes grandes. Já houve problemas em clássicos anteriores", constata Sarro.

Em outros jogos como visitante, o Nacional levou 30 pessoas. Contra o Juventus, apenas os dois tiveram o privilégio de estar na casa do rival.

O policiamento não viu qualquer risco na partida e manteve as ruas próximas ao estádio abertas para o tráfego. A medida de segurança pode parecer incomum em um torneio como a Copa Paulista, mas já aconteceu em confronto do Juventus contra a Portuguesa, por exemplo.

Os clássicos de São Paulo não têm torcida visitante desde abril de 2016, quando confronto entre integrantes da Mancha Alvi Verde, do Palmeiras, e Gaviões da Fiel, do Corinthians, deixou dezenas de feridos e um morto.

Levantamento da Polícia Militar aponta que houve redução no número de brigas ao mesmo tempo em que diminuiu o total de escoltas, policiais nos estádios e nos arredores após o veto. O Ministério Público considera a medida irreversível.

Nos primeiros meses, a decisão valia para os jogos que envolviam Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo. Depois foi estendida para o dérbi de Campinas, entre Guarani e Ponte Preta.

"É uma medida cega. As brigas hoje em dia acontecem, mas longe dos estádios. Isso [proibição de torcida visitante] é preguiça do Ministério Público", diz Sarro, que se orgulha de ter ido a todas as partidas do Nacional neste ano.

Os dois afirmam nunca terem brigado por causa do Nacional porque "não foi preciso". Creditam ao medo de problemas com os juventinos e ao horário do jogo (15h) o número reduzido de torcedores do time.

O público total foi de 816 pagantes.

Disputada desde 1936, a partida envolve rivalidade entre bairros da capital paulista. Da Barra Funda (zona oeste de São Paulo), onde está o Nacional, contra a Mooca, centro-leste, do Juventus.

"Daria a vida para te ver jogar", canta parte da torcida da casa, em uma das músicas inspiradas em cantos de de times argentinos. No caso, a "otra vez en primera van a ver a papá", do All Boys, hoje na terceira divisão do país.

Para provocar, Portella se vira para os adversários e coloca a mão em forma de concha atrás da orelha, como se não conseguisse escutá-los.

"Para com isso. Depois a gente vai ter problema para ir embora", repreende o amigo. "Tá bom. Vou parar."

A dupla privilegiada por ver um clássico como visitante se irrita com os constantes erros de passe dos jogadores, assim como se decepcionaria com a vitória do Juventus por 1 a 0, que classificou a equipe da Mooca para a segunda fase da Copa Paulista e eliminou o Nacional.

O jogo terminou 1 a 0 para o Juventus, resultado que classificou o time da Mooca e eliminou o da Barra Funda Rafael Hupsel/Folhapress O jogo terminou 1 a 0 para o Juventus, resultado que classificou o time da Mooca e eliminou o da Barra Funda    "Quando a gente foi campeão da Série A3 [a terceira divisão do Estadual, em 2017], fomos jogar a final em Limeira e estávamos em 30 pessoas. O estádio estava lotado com 20 mil. Cara, isso é bacana! Talvez este seja o propósito de ser torcedor", afirma Portella.

"Em um clube grande, se você não for no jogo, não faz a menor diferença. Se eu não estiver na partida do Nacional, isso faz diferença. Se você torce pelo Nacional, faz parte do espetáculo", diz Sarro.

Após o apito final, eles colocam em prática o plano de retirada: sacar o celular e chamar outro Uber. Sarro veste a camisa do Nacional. Portella está "à paisana", como ele mesmo define, para não chamar a atenção dos torcedores rivais.

Neste sábado (22), quando o time se despede da Copa Paulista em casa contra o Atibaia, os dois disseram que estarão presentes. Porque torcer pelos grandes do Estado é fácil. Fiéis, na verdade, são eles por seguirem o clube da Comendador Sousa.

Mas eles não eram os únicos no largo espaço separado para a torcida visitante. Havia também Marcos Vinicius Simoni, 69, que passou o jogo sentado sozinho e calado.

"Eu não torço para o Nacional. Sou corintiano. Moro aqui, do lado deste portão dos visitantes. Vou dar a volta no estádio para ir à entrada principal para quê?"

Após ser operado, Pedro agradece e avisa: 'Em breve estarei de volta'
Foto: Reprodução / Instagram

Depois de concluir a operação no ligamento do joelho direito, o atacante Pedro utilizou as redes sociais na última sexta-feira (21) para agradecer aos torcedores que enviaram mensagens de apoio. Em seu perfil no Instagram, o atleta do Fluminense publicou um vídeo com uma reverência, gesto tradicional em suas comemorações.

 

"Graças a Deus tudo ocorreu muito bem, a cirurgia foi realizada com sucesso! Agradeço de coração a todos que oraram por mim e mandaram mensagens positivas. Em breve estarei de volta, mais forte fazendo o que eu amo. Uma reverência a todos vocês! O Melhor está por vir!", publicou.

 

Pedro se machucou no último dia 25 de agosto, quando o Fluminense enfrentou o Cruzeiro, no Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro. Em virtude da lesão, ele ficou fora dos amistosos da Seleção Brasileira contra Estados Unidos e El Salvador. A recuperação prevista é de até oito meses.

 

 

Sábado, 22 de Setembro de 2018 - 14:35

Sem Erick, Vitória finaliza preparação para enfrentar o Botafogo

por Ulisses Gama

Sem Erick, Vitória finaliza preparação para enfrentar o Botafogo
Foto: Maurícia da Matta / EC Vitória

O Vitória voltou a treinar na manhã deste sábado (22) e finalizou a preparação para enfrentar o Botafogo neste domingo (23), no Barradão, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

Sem fazer atividades específicas, o técnico Paulo Cézar Carpegiani liberou os atletas do Leão para o tradicional recreativo. De virada, o time de André Lima venceu o de Neilton por 5 a 4.

 

Depois do "dois toques", os titulares foram liberados, enquanto os demais fizeram um treino em campo reduzido.

 

Para a partida, o Rubro-negro não terá o atacante Erick, vetado pelo departamento médico por um desconforto na panturrilha. Por outro lado, o zagueiro Lucas Ribeiro volta após cumprir suspensão. Confira a lista de relacionados:

 

Goleiros: Ronaldo e Elias
Laterais: Cedric, Lucas, Fabiano e Bryan
Zagueiros: Aderllan, Ruan Renato, Lucas Ribeiro e Ramon
Volantes: Arouca, Léo Gomes e Fillipe Soutto
Meias: Guilherme, Meli, Rhayner, Yago e Neílton
Atacantes: André Lima, Walysson, Léo Ceará, Maurício e Lucas Fernandes
 

Sábado, 22 de Setembro de 2018 - 14:30

Desgastado, Atlético-PR pode poupar titulares no clássico contra o Paraná

por Folhapress

Desgastado, Atlético-PR pode poupar titulares no clássico contra o Paraná
Foto: Miguel Locatelli / Atlético-PR

Atlético-PR e Paraná fazem clássico estadual válido pela 26ª rodada do Brasileiro, neste domingo (23), às 16h, em Curitiba.

Enquanto o Paraná encara a partida como um marco para a salvação contra a iminente queda para a Série B, o Atlético-PR trabalha com a possibilidade de poupar titulares após o triunfo por 2 a 0 sobre o Caracas, na Venezuela, no jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

O técnico Tiago Nunes já admite poupar jogadores que apresentem mais desgaste, embora não tenha revelado quais. "A gente precisa rodar o grupo, dar oportunidade para que todos joguem, por conta da questão física. Temos que ter a calma para escolher os atletas que que estão mais inteiros fisicamente para representar o clube", afirmou, depois de lembrar que nos últimos 10 dias a equipe disputou quatro jogos e que um desgaste é natural neste ritmo.

É provável que ganhem folga Thiago Heleno, Lucho González, Raphael Veiga, Marcinho, Nikão e Pablo.

Do lado paranista, o foco é iniciar uma reação que se prolongue por todas as 13 rodadas finais. O técnico Claudinei Oliveira garante que ainda não jogou a toalha, embora o time passe por um jejum de 11 jogos sem vencer.

"Não acho que nós vamos jogar a segunda divisão. A gente não jogou a toalha, continua trabalhando. Desde que eu cheguei aqui eu tenho passado que todos os jogos são decisões. Por ser um clássico na casa do rival, com a vitória, o ânimo se joga lá em cima. A gente não pode aceitar essa situação. Tem mostrar esse incômodo em campo, não só com palavras", afirmou.

A novidade é o retorno de Silvinho no ataque. No meio de campo, o time deixa de utilizar três volantes: Leandro Vilela, Alex Santana e Torito González disputam duas vagas. Caio Henrique e Nadson deve ser os meias de criação.

Sábado, 22 de Setembro de 2018 - 13:30

Ramires homenageia o pai falecido e canta reggae em entrevista

por Ulisses Gama

Ramires homenageia o pai falecido e canta reggae em entrevista
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Com apenas 18 anos de idade, o jovem Ramires entra em campo pelo Bahia com uma motivação especial: o seu pai, falecido há dois anos. Na última sexta-feira (21), o volante falou sobre a perda e homenageou o ente querido cantando o reggae do cantor Edson Gomes.

 

"Momento difícil. Perdi ele quando tinha 16 anos. Faz dois anos que perdi ele. Falei para mim mesmo que quando fizesse gol no profissional eu iria comemorar dançando reggae. Infelizmente na euforia não deu. Mas ele sabe que sempre estarei com ele no meu coração. Ele era fã de reggae. Sempre escutava reggae. De manhã cedo acordava com ele escutando Edson Gomes. Ele gostava de 'Árvore', tem uma que é assim: "Vamos amigo, lute! Vamos amigo, lute! Vamos amigo, lute! Uoou! Vamos amigo, ajude! Senão a gente acaba perdendo o que já conquistou...", disse.

 

No meio de vários jogadores experientes, Ramires levou tapas dos companheiros após marcar diante do Botafogo na última quinta (20), pela Sul-Americana. Ele brincou com a situação e destacou a receptividade do elenco.

 

"Isso sempre quando alguém sobe e faz o primeiro gol rola. Clayton fez e os caras não pegaram ele. Só rolou comigo (risos). Foi especial. O grupo me acolheu bastante", pontuou. 

 

O Esquadrão de Aço volta a jogar na próxima segunda-feira (24), contra o Vasco, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Técnico do Vasco enaltece semana para treinar e faz mistério sobre Pikachu
Foto: Divulgação

Tempo para trabalhar é tudo que um técnico precisa para ajustar a sua equipe. E isso não tem faltado para Alberto Valentim, do Vasco. Depois de empatar com o Flamengo no último sábado (15), a equipe cruz-maltina vem treinando para jogar com o Bahia na próxima segunda-feira (24), no Rio de Janeiro. O comandante destacou o período e a preparação.

 

"Estamos procurando aproveitar muito esses dias de treinos. Precisamos levar muitas coisas para esse jogo contra o Bahia. Precisamos dar um salto de qualidade. Importante é repetir coisas que fizemos contra o Fla. Acredito muito nos treinos. Estamos aproveitando muito essa semana cheia", disse.

 

Para o jogo, a equipe vascaína conta com a volta do artilheiro Yago Pikachu, que estava suspenso. A escalação do paraense, no entanto, é tratada com mistério por Valentim.

 

"A escalação vocês só vão saber na segunda (risos)", apontou.

 

Com 25 pontos, o Vasco ocupa a 18ª colocação do certame nacional.

Sábado, 22 de Setembro de 2018 - 11:45

Com Gilberto e Elber, Bahia segue preparação para enfrentar o Vasco

por Ulisses Gama

Com Gilberto e Elber, Bahia segue preparação para enfrentar o Vasco
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

O elenco do Bahia voltou a treinar na manhã deste sábado (22), dando continuidade aos trabalhos visando o jogo contra o Vasco, na próxima segunda-feira (24), pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

Os atacantes Gilberto e Elber, que vinham tendo problemas físicos, treinaram normalmente junto com o elenco, que fez um trabalho com bola sob o comando do técnico Enderson Moreira.

 

Em processo de transição, o zagueiro Tiago e o meia Allione fizeram uma atividade especial com os preparadores físicos. Por outro lado, o zagueiro Lucas Fonseca e o meia Zé Rafael trataram de suas lesões no departamento médico.

 

A equipe se reapresenta na manhã deste domingo (23) e faz a última atividade antes de seguir viagem para o Rio de Janeiro.

Sábado, 22 de Setembro de 2018 - 11:30

Anderson Talisca comanda virada do Guangzhou Evergrande no Campeonato Chinês

por Ulisses Gama

Anderson Talisca comanda virada do Guangzhou Evergrande no Campeonato Chinês
Foto: Sina.com

O baiano Anderson Talisca voltou a fazer a diferença no Campeonato Chinês. Desta vez, o meio-campista foi o nome da virada do Guangzhou Evergrande contra o Jiangsu Suning na manhã deste sábado. Com uma assistência e dois gols, ele viu a sua equipe vencer por 3 a 2.

 

“Mais uma partida de pura superação e força do nosso grupo. Entramos desatentos mais uma vez e tivemos que correr atrás do placar até a virada. Foi muito difícil, mas nossa determinação foi recompensada, mais uma vez. Estou exausto de cansaço, mas feliz demais pelo desempenho de todos”, disse Talisca logo após a partida.

 

A vitória mantém a equipe na segunda posição, com 48 pontos, quatro atrás do Shanghai SIPG, que também venceu na 23ª rodada. O time de Talisca volta a jogar no próximo sábado (29), contra o Dalian.
 

Após dois gols, atacante do Fortaleza celebra triunfo na Série B
Foto: Julio Caesar/O POVO

O Fortaleza deu mais um passo importante rumo ao acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. Na noite da última sexta-feira (21), a equipe treinada por Rogério Ceni bateu o Vila Nova por 2 a 0 no Castelão. Autor dos dois gols, Éderson comemorou e destacou o empenho do grupo para que a equipe voltasse a vencer. 

 

"Vitória muito importante, todo o grupo sabe da dificuldade que passamos. Não é a toa que o Fortaleza está no primeiro lugar. Estou muito feliz. Temos que buscar a vitória novamente no próximo jogo", declarou.

 

Com 50 pontos e na liderança da competição nacional, o Tricolor do Pici volta a entrar em campo na próxima terça-feira (25), às 19h15, contra o São Bento, novamente no Castelão.

Sábado, 22 de Setembro de 2018 - 09:30

Zagueiro Jaques renova com o Bahia até 2020

por Ulisses Gama

Zagueiro Jaques renova com o Bahia até 2020
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Além de aumentar o vínculo de Lucas Fonseca, o Bahia renovou o contrato do zagueiro Jaques, revelado na base tricolor. Agora, o jovem defensor fica no Fazendão até o fim de 2020.

 

Com 20 anos de idade, Jaques integrou a equipe sub-23 do Bahia, que disputou o Campeonato Brasileiro de Aspirantes. Ao fim da competição, ele seguiu treinando entre os profissionais, se tornando uma opção para o técnico Enderson Moreira.

Sábado, 22 de Setembro de 2018 - 08:30

Lucas Ribeiro celebra convocação para a Seleção sub-20: 'Sonho de todos'

por Ulisses Gama

Lucas Ribeiro celebra convocação para a Seleção sub-20: 'Sonho de todos'
Foto: Maurícia da Matta / EC Vitória

Revelação da base do Vitória, Lucas Ribeiro foi convocado na última sexta-feira (21) para a Seleção Brasileira sub-20, que vai disputar amistosos contra o Chile, nos dias 13 e 15 de outubro. O jovem zagueiro de 19 anos não escondeu a sua felicidade com o chamado do técnico Carlos Amadeu.

 

“É um sonho de todos que trabalham com o futebol ser convocado um dia. Graças a Deus trabalhei forte e a oportunidade chegou. Agora é agarrar, mostrar meu trabalho lá dentro e continuar. Só progresso”, declarou.

 

O técnico Paulo Cézar Carpegiani também se mostrou satisfeito com a convocação de Lucas, que se tornou titular desde a sua chegada.

 

“Nós, da comissão técnica, ficamos satisfeitos quando temos um jogador convocado. É motivo de reconhecimento do trabalho não somente de uma comissão, mas principalmente do jogador. Estão concentrados e escolhidos ali (seleção) os melhores desta idade e categoria. É um motivo de satisfação nossa e, principalmente, pelo jogador, seus familiares, seus conhecidos, enfim, todo grupo se sente bastante gratificado", declarou.

 

Lucas Ribeiro, que estava suspenso, é um reforço para o Leão neste domingo (23), quando a equipe enfrenta o Botafogo pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Sábado, 22 de Setembro de 2018 - 00:00

Destaque nas divisões de base, treinador alerta dupla Ba-Vi: ‘Não tem projeto’

por Gabriel Rios

Destaque nas divisões de base, treinador alerta dupla Ba-Vi: ‘Não tem projeto’
Foto: Priscila Melo / Bahia Notícias

Uma escolinha de futebol de Salvador tem se destacado nas divisões de base. A Julian Valoni Academia de Futebol conquistou recentemente o Campeonato Baiano de Base Fut7, nas categorias sub-9, sub-11. Criador do projeto e treinador da equipe, Julian Valoni - que também conquistou na categoria sub-13 treinando o Jacuipense - explicou como funciona o programa.

Valoni comemora os títulos no Sub-9, 11 e 13 do Baianão Fut7 Foto: Arquivo Pessoal 

“Trabalho com o futsal para criança e adolescentes há 16 anos. O projeto Grupo Amigos do Peito (GAP) / Academia Futebol de Julian Valoni foi criado em 2006. É pequeno, mas dá resultado. É um trabalho de qualidade. A gente prioriza o aprendizado. Voltado para o entender do jogo. Não aquela parte do fazer por fazer. A gente trabalha com alunos de classe média e com crianças carentes. Eu tenho núcleos, e em cada um deles eu tenho de dez a doze bolsas para os alunos carentes. Mas o meu forte é formar esses atletas até os 13 anos”, destacou.

 

De acordo com Julian, as divisões de base dos clubes não podem alojar garotos com menos de 14 anos. Com isso, essas escolinhas servem de preparação.

 

“Bahia e Vitória não podem ter categorias oficialmente porque existem algumas leis que eles não podem estar alojando. Eles procuram formas e parcerias para esses projetos alimentarem os clubes”, afirmou.

 

Segundo ele, os clubes dos outros estados já trabalham com esse tipo de parceria, ajudando financeiramente ou com materiais.

 

A academia funcionava apenas no Colégio Nossa Senhora da Luz, com apenas uma quadra. Entretanto, foi aberto um núcleo em Piatã, mas para futebol Society. Valoni explicou a importância da transição do futsal para o campo Society.

 

“Temos um grupo de estudo que eu participo dentro do Brasil inteiro com vários treinadores. De sete a 10 anos eles fazem dois dias de futsal e um de society. Com 11 e 12, eles invertem, para que aos 13 estejam preparados e ambientados com o campo”, contou.

 

Os bons resultados têm rendido frutos para Valoni. Segundo ele, alguns clubes grandes do Brasil já entraram em contato.

Julian Valoni é destaque na base Foto: Arquivo Pessoal

“Os clubes têm observadores em todas as regiões. Tenho recebido contato do Fluminense e do Palmeiras, pois vão visualizando nossas redes sociais e se interessando”, revelou.

 

Valoni cita o sucesso dos clubes europeus que priorizam a base e alerta a dupla Ba-Vi: “Os grandes clubes da Europa trabalham para investir na base. Criar jogadores, ter atletas da casa. No Brasil não acontece muito. Bahia e Vitória precisam se atentar para ter parcerias e projetos para que não percam esses atletas para os times de fora. Fazemos muitos jogadores, mas não conseguimos segurá-los porque não tem projeto. Se a criança tem boa estrutura aqui, não tem necessidade de sair para clubes de São Paulo. Se esse garoto achar a nossa academia, ele terá uma boa estrutura. Mas ainda é pouco. No final do ano, eu posso tirar uns dois atletas. Mas se eu tiver apoio de algum time grande, eu posso conseguir até cinco jogadores a oito jogadores, com um custo reduzido para o clube. Se você pegar a minha equipe sub-9 no Nordeste e no Brasil, eu posso dizer que a minha está no top-5”.

 

“A saída para os dois é investir cada vez mais cedo nessa geração. Fazer projetos de quadras ou buscar parceria que dê um apoio a esses projetos. Capacitar os profissionais. Para não formar só um Luan (do Vitória) por ano, mas formar dois ou três. Para que se precisar vender um, você ainda fica com três e vai montando seu time para a próxima temporada”, completou.

 

O treinador revelou que o Bahia participou de algumas reuniões, mas nem o Esquadrão e nem o Leão o procuraram diretamente.

As crianças já despertam interesse de clubes Foto: Arquivo Pessoal 

“Os clubes de fora já observaram o potencial que tem aqui e estão passando à frente dos times locais. Dentro do meu projeto eu tenho dois jogadores que já estão no Palmeiras. Treinaram desde os quatro anos de idade comigo. O João Victor foi para o Vitória, passou quatro anos, mas quando foi para acertar, eles não quiseram. Aí o Palmeiras pegou. Ele é um atleta que logo chegará à Seleção Brasileira. Excelente jogador”, disse.

 

Nascido em Juazeiro, Valoni chegou a Salvador em 2000: “Vim estudar na Católica. Peguei uma equipe de futebol e montei lá dentro. Fui treinador da equipe da FTC. Treinei Petros, eu o trouxe para cá. Ele treinava no Vitória e fazer FTC e jogava comigo”, concluiu.

Hapvida +1K realiza treino especial em campanha ao ‘Setembro Amarelo’ neste sábado
Foto: Divulgação

O programa Hapvida +1K será realizado neste sábado (22). O aulão “Alegria de Viver” acontece a partir das 6h, na Av. Otávio Mangabeira, próximo à antiga sede de praia do Bahia. A atividade faz parte das ações do “Setembro Amarelo”, que são realizadas pelo Hapvida pela prevenção ao suicídio.

 

Estão previstos alongamentos, aula de boxe, oficinas de corrida e caminhada, além de atividades para o público infantil. Também serão distribuídas fitinhas amarelas para demonstrar que a vida merece ser celebrada.

 

O projeto reúne quase 10 mil corredores em Salvador, Fortaleza, Maceió, Recife e Belém, com o intuito de romper com o sedentarismo e diminuir a obesidade e o sobrepeso da população das regiões em que atua.

Após estrear no Catar, Wagner critica presidente do Vasco: ‘Falta de respeito’
Foto: Divulgação

Após estrear com a camisa do novo clube, o Al Khor, do Catar, o meia Wagner divulgou uma nota oficial afirmando que deixou o Vasco porque não chegou a um acordo para renovação. No comunicado, o atleta criticou o presidente Alexandre Campello e o diretor executivo de futebol, Alexandre Faria, que trataram da renovação.

 

“É muito importante citar que nas tratativas sobre meu futuro, em momento algum, o Vasco aceitou minha proposta de renovação, muito pelo contrário, chegou até a mim, uma contraproposta de 70% abaixo do solicitado e, segundo o diretor executivo do clube, Alexandre Faria, tal proposta era por eu ser um atleta velho e ultrapassado, que talvez não serviria mais para o clube”.

 

“Desta forma, e com todo descaso e falta de respeito que essa atual gestão do Vasco demonstra e sem retorno algum do até então mandatário Alexandre Campello, não tive outra alternativa, senão requerer meus direitos de trabalhador junto à Justiça do Trabalho do Rio de Janeiro”, explicou.

 

O atleta contou que se reuniu com Campello para negociar a dívida, mas o dirigente não cumpriu a promessa de retorno. Segundo o GloboEsporte.com, a diretoria vascaína vai recorrer da decisão.

Isaquias Queiroz e Sebastian Brendel finalizam preparação para Desafio Mano a Mano
Foto: Gustavo Fernandes / Mano a Mano

Os atletas Isaquias Queiroz e Sebastian Brendel finalizaram a preparação para o Desafio Mano a Mano, que chega à 6ª edição. Na manhã desta sexta-feira (21), os competidores fizeram um aquecimento. Para o alemão, o treinamento serviu como forma de focar para a disputa. O tricampeão olímpico retorna ao Rio após a Olimpíada de 2016.

 

“Em 2016, meu único momento de turista foi a Cerimônia de Encerramento no Maracanã, na qual tive a honra de carregar a bandeira da Alemanha e encontrar com o Isaquias, que estava com a do Brasil. Dessa vez, consegui aproveitar um pouco mais a vista da Lagoa, visitei o Cristo Redentor e me arrisquei no surfe. Tenho certeza que será incrível disputar o Mano a Mano e estar novamente no palco dos Jogos. Aproveito para convidar a torcida para acompanhar os desafios”, explicou Sebastian.

 

Já o baiano fez questão de reforçar que veio para buscar mais uma conquista para o Brasil sobre o grande rival, como fez no Mundial, em Portugal.

 

 “Uma disputa como essa serve para trazer o melhor do nosso esporte para perto do público brasileiro. A canoagem velocidade foi um sucesso na Rio 2016 e acredito que não será diferente no Desafio Mano a Mano. Quero fazer um grande papel para representar bem o meu país em casa novamente”, disse Isaquias.

 

Os atletas entram na água no domingo (23), a partir das 9h30, na modalidade C1 – 500m. Além deles, também acontecerão disputas no feminino e masculino (K1) e na paracanoagem.

 

Além da competição padrão, largando cada um da sua raia, o Desafio trará uma prova medieval, também de 200m. Inspirada em duelos antigos, os atletas sairão de cantos opostos em busca da linha de chegada localizada no centro da raia.  

Sexta, 21 de Setembro de 2018 - 18:35

Carpegiani realiza treino fechado; Erick vira dúvida para duelo contra o Botafogo

por Glauber Guerra

Carpegiani realiza treino fechado; Erick vira dúvida para duelo contra o Botafogo
Foto: Maurícia da Matta/ Divulgação / Vitória

O Vitória realizou nesta sexta-feira (21) o seu penúltimo treino antes do duelo contra o Botafogo, que acontece domingo (23), às 18h, no Barradão, válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

O técnico Paulo Cézar Carpegiani adotou de vez a tática do mistério e de última hora decidiu fechar o treino. O atacante Erick ainda não se recuperou de um desconforto na panturrilha e virou dúvida para o confronto. O jogador será reavaliado pelo departamento médico no sábado (22).

 

De acordo com a assessoria de imprensa do clube, o treinamento iniciou com um trabalho focado exercícios específicos, sob a orientação do preparador físico Daniel Azambuja. Após o término desta etapa, o setor ofensivo treinou situações de jogo, enquanto a defesa fez fundamentos da posição. 

 

Na parte final dos treinos, o técnico Paulo Cézar Carpegiani orientou um trabalho tático, que envolveu bola parada.

 

O Vitória encerra a preparação para o confronto na manhã de sábado (22).

Sexta, 21 de Setembro de 2018 - 18:30

Federação Espanhola proíbe jogo do Campeonato Espanhol nos EUA

por Folhapress

Federação Espanhola proíbe jogo do Campeonato Espanhol nos EUA
Foto: David Ramos / Getty Images

A Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) divulgou uma nota oficial endereçada à Liga de Futebol Profissional (LNFP) proibindo a realização da partida entre Barcelona e Girona, pelo Campeonato Espanhol, em Miami, nos Estados Unidos. A entidade também enviou uma carta à Fifa desautorizando a realização do duelo, de acordo com o jornal espanhol AS.

Na carta, a RFEF afirma que a mudança do local da partida "pode modificar as normas da competição e as condições de igualdade que devem ser cumpridas em todo momento". A entidade diz ter consultado a Fifa e a Uefa para saber das possíveis implicações em autorizar uma partida do Campeonato Espanhol em outro país.

A partida entre Barcelona e Girona está marcada para o dia 26 de janeiro. A mudança para os Estados Unidos foi cogitada depois que a Liga de Futebol Profissional fechou um contrato com uma empresa norte-americana.

Na última quinta-feira (20), membros da Associação de Futebolistas Espanhóis (AFE) se reuniram com representantes da Liga de Futebol Profissional para tratar do assunto. David Aganzo, presidente da entidade, afirmou que o jogo tinha "20% de chances de acontecer em Miami" e não descartou que uma greve fosse organizada pelos jogadores.

Em nota oficial, a AFE disse entender que o acordo firmado pela Liga de Futebol Profissional com a empresa americana descumpre três artigos da convenção coletiva entre as duas entidades: horário, descanso semanal e decisões conjuntas entre AFE e LNFP.

O presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, foi mais um a se colocar contrário ao duelo ser realizado nos Estados Unidos. O dirigente se uniu à RFEF para impedir que o jogo acontecesse fora da Espanha.

"Sou absolutamente contrário à permissão para que times joguem fora de seus estádios os jogos como mandantes. Isso desvirtua a competição. Manifesto-me contrário", afirmou, em declaração publicada pelo jornal espanhol Sport.

A publicação afirma que a posição de Pérez possui interesses econômicos. O motivo seria o fato de o Real Madrid não ter sido o escolhido para fazer uma partida nos Estados Unidos.

Horas depois do recebimento da carta da RFEF, Javier Tebas, presidente da LNFP, se reuniu com jornalistas e se disse "otimista" sobre a realização da partida em Miami. Para o mandatário, no documento, a Real Federação não está proibindo a realização do jogo, mas "apenas pedindo mais documentos". 

"Tenho dito há bastante tempo, estou otimista. Que um não goste que façamos esse jogo nos Estados Unidos não significa que o presidente da federação tenha que resolver esse problema de maneira direta, o que demanda muita responsabilidade, ainda mais por ele mesmo ter levado um jogo a Tânger", disse Tebas, se referindo à disputa da última Supercopa da Espanha, entre Barcelona e Sevilla, jogada em uma cidade do Marrocos. 

"Não pude falar com ele [presidente da RFEF], mas se falarmos de adulteração de um campeonato, também podemos falar daquele jogo [Supercopa]. Isso parece um puritanismo desportivo que não existe ou podemos dar um exemplo de anos atrás, em que um Real Madrid e Sevilla foi disputado no estádio La Cartuja, ao invés do campo do Sevilla [estádio Ramón Sánchez Pizjuán]", prosseguiu.

"Trabalharemos em tudo o que pedem e acreditamos que temos todo o direito. Me surpreende que sigam falando da opinião da Fifa, mas não está no regulamento. Sigo otimista. Os Estados Unidos são um tema estratégico. Para nós é uma partida muito importante, tanto no direito desportivo como na história. Temos razão e a partida deverá ser jogada em Miami no dia 26 de janeiro", completou Tebas.

Sexta, 21 de Setembro de 2018 - 18:15

Bahia se representa e começa preparação para enfrentar o Vasco

por Ulisses Gama

Bahia se representa e começa preparação para enfrentar o Vasco
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação / EC Bahia

Depois de vencer o Botafogo por 2 a 1 na última quinta-feira (20), o Bahia se representou nesta sexta-feira (21), no Fazendão, e começou a preparação para enfrentar o Vasco na próxima segunda-feira (24), no Rio de Janeiro, pelo Campeonato Brasileiro.

 

Enquanto os jogadores que atuaram mais de 45 minutos fizeram um trabalho regenerativo, os outros trabalharam a parte técnica sob o comando do técnico Enderson Moreira. Recuperado de lesão, Elber treinou normalmente.

 

O atacante Gilberto, que foi vetado do jogo contra o Botafogo, treinou na academia do clube. O zagueiro Tiago e o meia Allione fizeram um trabalho de transição física.

 

O grupo do Esquadrão de Aço volta a treinar na manhã deste sábado (22), pela manhã, novamente no Fazendão.

Sexta, 21 de Setembro de 2018 - 18:10

Zagueiro do Vitória, Lucas Ribeiro é convocado para a Seleção Brasileira Sub-20

por Glauber Guerra

Zagueiro do Vitória, Lucas Ribeiro é convocado para a Seleção Brasileira Sub-20
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O zagueiro do Vitória, Lucas Ribeiro, recebeu uma boa notícia nesta sexta-feira (21). O defensor foi convocado pelo técnico Carlos Amadeu para a Seleção Brasileira Sub-20. Ele integra a lista dos 23 jogadores que irão disputar dois amistosos com o Chile , nos dias 13 e 15 de outubro, na casa do adversário. 

 

Os amistosos fazem parte da preparação do time canarinho para o Sul-Americano Sub-20 de 2019, que será sediado no Chile.

 

Lucas Ribeiro tem 19 anos e atualmente é titular na zaga rubro-negra. O jogador disputou cinco partidas pelo time profissional até o momento.

Sexta, 21 de Setembro de 2018 - 17:35

Bahia renova contrato de Lucas Fonseca até 2019

por Ulisses Gama

Bahia renova contrato de Lucas Fonseca até 2019
Foto: Felipe Oliveira/ Divulgação/ EC Bahia

Após completar 200 jogos pelo Bahia na última quinta-feira (20) contra o Botafogo, o zagueiro Lucas Fonseca prolongou o seu contrato com o clube. Nesta sexta (21), o Esquadrão de Aço anunciou a renovação do defensor até o fim da temporada 2019. 

 

Com 33 anos de idade, Lucas Fonseca vive uma boa fase no sistema defensivo do Tricolor. Em suas redes sociais, o Bahia divulgou um vídeo para confirmar a renovação. Confira:

Atletas árabes iniciam treinos no Vitória da Conquista e presidente comemora parceria
Foto: Reprodução / Facebook

Os atletas árabes já desembarcaram em Vitória da Conquista para um período de testes no Bode. Como noticiado pelo Bahia Notícias, o clube baiano recebeu quatro jogadores do Al-Wehda, da Arábia Saudita, em uma parceria com o técnico Zaluar (veja aqui). O presidente do clube, Ederlane Amorim, comemorou o projeto.

 

“Para a gente é muito importante, porque abre um intercâmbio com um país que está forte no mercado. Principalmente com um time fortíssimo como o Al-Wehda, que é treinado pelo Fábio Carille. Esses jogadores eram do sub-23. Isso vai render frutos no futuro, seja com novas vindas de jogadores para cá, ou até jogadores nossos indo para lá. Espero que tudo possa ocorrer muito bem”, explicou em entrevista ao Bahia Notícias.

 

“Está sendo um início de trabalho, essa troca de cultura é importantíssima com nossos jogadores. A questão do idioma, aproximação com a realidade muçulmana. Por todos os lados que se olhe, é de muito grande para o clube, cidade, região. Fortalece nossa marca no exterior”, completou.

 

O dirigente ainda salientou que caso os atletas agradem, poderão sim permanecer no clube para a disputa do Baianão de 2019.

 

“Tem a possibilidade sim. Vamos fazer um planejamento e, aqueles que se destacarem, devem permanecer no clube”, destacou.

 

Os atletas que chegaram foram: O volante Alla, o lateral-direito Khalid, o meia Mahmoud Sammour e o zagueiro Abdulhaman. Além deles, o Treinador Fawzi, permanecerá na cidade por uma semana.

Sexta, 21 de Setembro de 2018 - 17:10

Boletim 4x4: Rally em Salvador e dunas do Velho Chico

por Alexandre Reis

Boletim 4x4: Rally em Salvador e dunas do Velho Chico
Foto: Divulgação

O Boletim 4x4 de hoje destaca o Rally Salvador, evento que acontece neste final de semana na capital baiana dentro do Festival da Primavera. Preparado pelo piloto Roberto Cunha, bastante conhecido dos adeptos do 4x4 no estado, o rally vai passar por pontos turísticos da capital, divulgando também o off road no meio urbano. A coluna conta ainda a segunda parte da Expedição Etílica da Independência, que aconteceu no último feriadão na região de Juazeiro. Tem ainda Trilha do Lobisomem em Sergipe e Conquista Off Road, em Vitória da Conquista. Confira!

Sexta, 21 de Setembro de 2018 - 16:35

'A equipe do Botafogo é bastante qualificada', alerta Lucas Fernandes

por Glauber Guerra

'A equipe do Botafogo é bastante qualificada', alerta Lucas Fernandes
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

O atacante Lucas Fernandes, do Vitória, cobrou atenção redobrada de sua equipe no duelo contra o Botafogo, domingo (23), às 18h, no Barradão.

 

“A equipe do Botafogo é bastante qualificada. Todo mundo sabe isso. É uma equipe que está parelha no campeonato, não pode vacilar nesse momento. Queremos somar o maior número de pontos o mais rápido possível para poder ter uma tranquilidade para trabalhar. A gente não pode ficar subindo e descendo o tempo todo, tem que buscar uma consistência maior. A gente está nesse pensamento para poder ter uma regularidade ao longo do campeonato”, disse o jogador, em entrevista coletiva.

 

Lucas Fernandes ainda não sabe se será titular, já que Erick sentiu um desconforto na panturrilha e permanece como dúvida para o jogo. O atleta se diz preparado, caso seja escalado pelo técnico Paulo Cézar Carpegiani.

 

“Procuro estar pronto para qualquer situação dentro de campo. Carpegiani sabe onde pode contar com cada um. A gente tem que saber dar tudo de si para ajudar a ele e ao clube. Ele sabe muito bem o que está fazendo, os jogadores que tem na mão, o que pode tirar de cada um. A gente tem que dar a resposta o mais rápido possível”, afirmou.

 

Com 29 pontos, o Vitória ocupa a 13ª posição no Campeonato Brasileiro. O Botafogo tem a mesma pontuação, mas perde nos critérios de desempate e aparece em 15º.

Tite afirma que indisciplina pesou em não convocação de Douglas Costa
Foto: Reprodução / Vídeo

Seguindo os testes na Seleção de olho na Copa América de 2019, o técnico Tite fez algumas alterações na convocação para os amistosos de outubro contra Arábia Saudita e Argentina (veja aqui). Uma das ausências foi Douglas Costa, que se lesionou na última quarta-feira (19) atuando pela Juventus. Entretanto, Tite explicou que esse não foi o único motivo pela não convocação.

 

"Douglas Costa não veio por dois fatores: a lesão e o ato de indisciplina. A prioridade agora é a Seleção, os que foram convocados. Nós buscamos as informações. Mas a conversa com ele será em um momento posterior", explicou, segundo o GloboEsporte.com.

 

No último domingo (16), o brasileiro se desentendeu com o meia Di Francesco, do Sassuolo, e acabou cuspindo no atleta do Sassuolo. O brasileiro foi suspenso por quatro partidas do Campeonato Italiano.

Histórico de Conteúdo