Elenco do Vitória Sub-23 reclama de atrasos de salários e ameaça não treinar
Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

O elenco sub-23 do Vitória ameaçou cruzar os braços nesta terça-feira (11). O motivo? Atrasos de salários. Após a promessa do grupo de não treinar, Paulo Carneiro, presidente do clube, se reuniu com o elenco, contornou a situação e os atletas foram a campo. A informação foi revelada inicialmente pelo GloboEsporte.com e confirmada pelo Bahia Notícias.

 

No entanto, de acordo com o GloboEsporte.com, a reunião não foi nada amistosa. Um funcionário, que pediu anonimato, garantiu que Paulo Carneiro fez ameaças ao jogadores.

 

“Quem recebe em dia são os profissionais. O sub-23 está na mesma situação de outros funcionários do clube, sem receber 13º, dezembro, janeiro, não receberam nada. Hoje [ontem] pela manhã, eles disseram que não iriam entrar em campo para treinar, até que o presidente desceu e, na frente de todos, ameaçou que, se não entrassem em campo, iria colocar todos para fora”, afirmou o funcionário.

 

Ainda segundo o funcionário, trabalhadores da parte administrativa estão sem receber o 13º e os salários de dezembro e janeiro.

 

Ao Bahia Notícias, a assessoria de imprensa do Vitória informou que não vai se manifestar. 

 

O time sub-23 do Vitória disputa o Campeonato Baiano. O próximo jogo é contra o Atlético de Alagoinhas, sábado (15), às 16h30, no Barradão.

Histórico de Conteúdo