Domingo, 25 de Agosto de 2019 - 11:30

Amadeu pede paciência à torcida do Vitória com os jogadores vindos da base

por Leandro Aragão

Amadeu pede paciência à torcida do Vitória com os jogadores vindos da base
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O empate sem gols com o Operário em pleno Barradão, por si só, já deixou a torcida do Vitória irritada. Porém, dois jogadores vindo da base foram eleitos os principais vilões do pífio resultado em casa, pela 18ª rodada da Série B. O meio-campista Nickson foi vaiado pela sua atuação dentro de campo. Enquanto o atacante Eron desperdiçou uma chance clara de gol aos 49 minutos do segundo tempo que daria o triunfo ao Leão. O técnico Carlos Amadeu pediu paciência ao torcedor rubro-negro com as jovens crias da Toca do Leão. 

 

"Eu diria a toda a torcida do Vitória que o Vitória renasce, nos anos 90, pela sua formação de base. Renasce através dos seus atletas da base. A torcida sempre foi muito tolerante com jogadores da base, sempre incentivou, raramente vi o torcedor do Vitória vaiar um atleta da base. Isso, ao longo dos anos, foi se transformando. É natural que jogadores com mais tempo no clube e que sofreram com quedas e resultados não tão expressivos, que a torcida exija mais", disse na entrevista coletiva.

 

Amadeu já havia admitido o erro ao promover a entrada de Nickson no lugar de Capa (leia mais aqui). No entanto, o treinador acredita na volta por cima do atleta, que completa 22 anos nesta segunda-feira (26).

 

"Hoje a gente viu a torcida, de forma justa, pegar no meu pé por uma substituição do Nickson, ele não foi bem tecnicamente. Assumo a responsabilidade pela entrada dele. Poderia ter substituído ele e não o fiz, porque não vou fazer isso com um jovem, que é ativo do clube, que tem potencial, e que, mais à frente, vai estar recuperado e o torcedor vai aplaudir. Foi justa a vaia. O torcedor quer performance. O momento dele não foi de performance. Mas tenho certeza que ele vai conseguir. Peço apoio a todos os atletas. Se a gente ver que o atleta não quer ou não tem condições, é outra coisa. Mas ele tem grande potencial, passou por todas as categorias de base do Vitória. Teve convocações para a seleção por mérito. Hoje está vivendo um momento de busca por reconquista de espaço. Com tolerância, a gente pode conseguir. Acho que fui infeliz, sobretudo, porque coloquei ele de lado. Quando ele veio para dentro, melhorou", disse.

 

Já em relação a Eron, Amadeu destacou o histórico de gols do atacante nos tempos das categorias de base do Leão e da seleção brasileira. O jovem, de 21 anos, foi reincorporado ao elenco profissional do Vitória após a saída do veterano centroavante Neto Baiano no final do último mês de julho (relembre aqui). O comandante ainda explicou a opção pela entrada de Eron ao invés do também atacante Thiaguinho, outro que foi formado na Toca do Leão.

 

"Eu fiquei no dilema entre um e outro [entre Eron e Thiaguinho] qual era a melhor opção. Fiz a opção pelo Eron, porque o histórico dele tem um número de gols muito maior. Eron tem uma média de gols aqui no clube e na seleção de base muito alta. Eron foi artilheiro das principais competições do Brasil como Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro sub-20 e sub-23. Isso, intuitivamente, me fez levar a entrada de Eron justamente com uma conversa que tive com meu auxiliar e fizemos a opção por ele", contou. "Eron teve uma chance crucial no último lance do jogo. Se a gente marca esse gol, Eron seria o grande herói. Então, a gente tem que ter equilíbrio nessa hora para não irmos nem para o herói e nem para o vilão. Principalmente, porque estamos tratando de um jovem que também tem muito potencial, que serviu às categorias de base da seleção brasileira. Ele tem respondido muito positivamente quando tem entrado nas partidas", finalizou.

 

O Vitória está no 15° lugar com 19 pontos na tabela de classificação da Série B, mesma pontuação do Oeste, que é o 17° e encontra-se na zona de rebaixamento. Na próxima terça (27), a partir das 19h15, o Leão terá um duro desafio diante do vice-líder da competição, Coritiba. O duelo da 19ª rodada será no Couto Pereira.

Histórico de Conteúdo