Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Copa de Futebol Feminino Loreta Valadares começa no próximo domingo, em Salvador
Foto: Setre

A Copa de Futebol Feminino Loreta Valadares começará no próximo domingo (3), em Salvador. Realizada pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), a competição reunirá mais de 400 atletas entre os dias 3 de julho e 20 de agosto na capital baiana. 

 

Serão 20 equipes dos municípios de Camaçari, Dias D´Ávila, Lauro de Freitas e Salvador, competindo nas categorias Sub-17 e Adulto. 

 

As partidas serão disputadas aos sábados e domingos (manhã e tarde) até agosto, no estádio de Pituaçu, com apoio técnico da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb). O certame possui um investimento de aproximadamente R$ 178 mil, fruto de convênio com o Ministério da Cidadania.

 

Feminista e ativista política que lutou contra a ditadura militar instalada no Brasil em 1964, Loreta Kiefer Valadares nasceu em Porto Alegre (RS), em 1943, e mudou-se com a família para Salvador quando tinha seis anos. 

 

Na ditadura, foi presa política e exilada, retornando ao Brasil em 1980, momento em que se tornou professora de Ciência Política da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal da Bahia, cargo ocupado até sua aposentadoria.

 

A professora e militante Loreta faleceu em 2004, após uma árdua luta de séria cardiopatia adquirida em decorrência da tortura sofrida à época do regime militar. Mas, como legado de sua trajetória de 61 anos de existência, deixou uma importante contribuição ao movimento de mulheres e de luta para a conquista e garantia dos direitos humanos no país.

Histórico de Conteúdo