Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Fifa encerra processo e confirma vaga do Equador na Copa do Mundo
Foto: Divulgação / Fifa

A Fifa encerrou o processo contra a Federação Equatoriana de Futebol (FEF) pela escalação do lateral-direito Byron Castillo (lembre aqui), nas duas últimas partidas das eliminatórias da América do Sul. Com isso o Equador confirmou a vaga conquistada para disputar a Copa do Mundo de 2022. A decisão foi tomada nesta sexta-feira (10) pelo Comitê de Disciplina da entidade que controla o futebol mundial, mas cabe recurso no Comitê de Apelação da Fifa

 

"Depois de analisar as alegações de todas as partes interessadas e considerar todos os elementos apresentados, o Comitê Disciplinar da FIFA decidiu encerrar o processo instaurado contra a FEF", informou a Fifa.

 

A ação foi iniciada pela Federação Chilena de Futebol (ANFP) em maio. Os chilenos apontam suposta irregularidade da escalação de Castillo, que teria nascido na colômbia e por isso não poderia defender a seleção do Equador. Em caso de punição com perda de pontos, os equatorianos perderiam a vaga na Copa já que despencariam na tabela de classificação, onde terminaram na quarta colocação. Enquanto o Chile, que conquistaria pontos ficaria com a vaga direta no Mundial. A ANFP prometia levar o caso até o Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) (leia mais aqui).

 

Classificado, o Equador foi sorteado na chave A da Copa ao lado do anfitrião Catar, adversário da estreia no dia 21 de novembro, Senegal e Holanda.

Histórico de Conteúdo