Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Rodrygo explica porque não cobrou pênalti que deu ao Real vaga na final da Champions
Foto: Reprodução / Instagram

Autor de dois gols na semifinal da Liga dos Campeões, o atacante Rodrygo, do Real Madrid, poderia ter marcado um hat-trick, mas não fez. Durante o duelo contra o Manchester City, Karim Benzema perguntou se o brasileiro desejava bater o pênalti que classificou o time à final do torneio. Rodrygo negou. 

 

"Karim me perguntou se eu queria bater o pênalti para fazer o hat-trick, mas eu sei que ele sempre treina e ele é o batedor oficial. E, claro, pela temporada que ele está fazendo, [deixar ele bater] era o mínimo que eu poderia fazer: 'Não, você tem que bater, Karim'. Ele fez o gol e estamos na final", explicou o jogador, em entrevista ao canal do Real Madrid no YouTube. 

 

A atuação de Rodrygo teve repercussão internacional. Afinal, o Real estava sendo eliminado até os 44 minutos do segundo tempo, até que o atacante marcou dois gols e conduziu a reação merengue. 

 

"No primeiro gol, o Camavinga lança o Karim. Não sei o que eu pensei, mas eu acreditei que a bola estaria ali e antecipei o goleiro. Marcamos o primeiro e isso nos deu mais confiança. No segundo gol, o Carvajal cruza e a bola toca no Marco [Asensio]. Eu só fiz o movimento, mas a verdade é que eu nem vi a bola. Só vi quando já estava dentro do gol. Foi tudo muito rápido. Instinto de gol", relembrou. 

Histórico de Conteúdo