Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

'Jogar na Vila é isso aí', diz Rabello, após goleada do Santos sobre a Juazeirense
Foto: Bruno Lopes / Juazeirense

"Nós somos um time de Série D. O Santos é um time de Série A. E jogar na Vila Belmiro é isso aí". Foi assim que Carlos Rabello começou sua fala após a derrota por 4 a 0 sofrida pela Juazeirense contra o Peixe, nesta quarta-feira (28), pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

 

É a primeira vez na história que um clube do interior baiano avança tão longe na competição. O jogo da volta está marcado para o dia 5 de agosto, às 19h15, no estádio Adauto Moraes, em Juazeiro. 

 

"Nosso time foi muito aplicado no primeiro tempo, tivemos uma chance com Timbó. No segundo tempo, até os 25, o time teve outra chance real, e não fizemos. E quando você não faz, corre o risco de acontecer o que aconteceu", destacou Rabello.

 

A todo momento, o comandante do Cancão de Fogo fez questão de ressaltar a qualidade do Santos. "A gente não pode viver de utopia. A nossa realidade é outra. O Santos, como time grande, jogando em casa, vem para cima. Atropela o adversário", afirmou. 

 

Para o jogo da volta, o técnico espera "deixar uma boa imagem", e que a derrota nesta quarta não atrapalhe a campanha na Série D. A Juazeirense é líder do Grupo A4 da competição, com 8 pontos conquistados em oito partidas. No próximo sábado (31), encara o Sergipe, às 16h, no Adautão. 

Histórico de Conteúdo