Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Convocado para eleições em Madri, Marcelo pode desfalcar o Real Madrid contra Chelsea
Foto: Divulgação / Real Madrid

O lateral-esquerdo Marcelo pode desfalcar o Real Madrid no jogo de volta contra o Chelsea, pela semifinal da Liga dos Campeões, por um motivo bastante incomum. O camisa 12 foi convocado para ser mesário nas eleições municipais de Madri, capital da Espanha, marcadas para o dia 4 de maio, véspera da decisão da vaga na final do torneio continental.

 

A partida de volta do confronto será no Stamford Bridge, casa da equipe inglesa. A logística impediria Marcelo de viajar junto com a delegação para a Inglaterra. Segundo o jornal El Mundo, o corpo jurídico do clube espanhol já entrou com um pedido de impugnação da convocação eleitoral do jogador brasileiro. Mas, até o momento, não houve resposta. De acordo com o regulamento da Junta Eleitoral da capital espanhola, poderão ser dispensados os trabalhadores de atividades essenciais cuja atuação seja indispensável no dia da votação. A imprensa do país veicula que o camisa 12 tem até sete dias para apresentar recurso justificado. Ele foi sorteado no dia 5 de abril. Passado o prazo, a Junta tem até cinco dias para deferir ou não o pedido de dispensa. Caso a resposta seja negativa, a outra opção é o lateral viajar sozinho para se juntar à equipe merengue.

 

Marcelo foi titular do Real Madrid no primeiro duelo contra o Chelsea que terminou empatado em 1 a 1, no Alfredo Di Stéfano, nesta terça-feira (27). No jogo de volta, a equipe espanhola precisa de uma nova igualdade a partir de dois gols para ir à final da Liga dos Campeões, enquanto o 0 a 0 classifica os ingleses.

Histórico de Conteúdo