Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Após derrota para ex-lanterna, Luxemburgo diz que Vasco precisa levantar a cabeça
Foto: Rafael Ribeiro / Vasco

O Vasco foi derrotado pelo Coritiba por 1 a 0, na noite deste sábado (16), em pleno São Januário, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Cruzmaltino segue na 15ª colocação com 32 pontos, dois a mais do que o Bahia que abre a zona de rebaixamento no 17º, enquanto o Coxa deixou a lanterna assumindo a 19ª posição com 25. O técnico Vanderlei Luxemburgo pediu ao time carioca que levantasse a cabeça após o revés para um concorrente direto.

 

"Eu acho você disputar um confronto direto, em casa, se meus jogadores chegam no vestiário sorrindo, eles tomariam um esporro. Tem que sentir a derrota, mas agora tem que levantar a cabeça e saber que a competição continua. O time tem treinado, tem se motivado. Não queríamos perder, mas o futebol é dessa forma. Você pode perder, pode ganhar de repente até um clássico", disse na entrevista coletiva.

 

No entanto, Luxemburgo admitiu que não gostou da atuação de sua equipe.

 

"Era um confronto direto. O prejuízo é que perdemos para um adversário que está lá embaixo na tabela. E com uma vitória hoje avançaríamos para 35 pontos e ficaríamos muito próximos do nosso objetivo inicial. Não tivemos uma atuação convincente. O segundo tempo, com um jogador a menos, a equipe se dedicou, correu bastante, mas não foi o suficiente para conseguirmos o resultado. Mas é uma situação que poderia acontecer. Vamos ter que buscar esse resultado negativo em casa de outra maneira", afirmou.

 

O Vasco volta ao gramado na próxima quarta-feira (20), às 21h30, para visitar o Red Bull Bragantino, no Nabi Abi Chedid. O jogo é válido pela 31ª rodada.

Histórico de Conteúdo