GP de Portugal reduzirá quase metade do público devido novos casos de Covid-19 no país
Foto: Reprodução / Instagram @autodromodoalgarve

A expectativa do GP de Portugal de ter 46 mil espectadores no próximo fim de semana não poderá ser atendida. Com o novo aumento do número de casos de Covid-19 na Europa, a corrida que acontece na cidade de Portimão, região do Algarve, terá que reduzir para praticamente metade a previsão de público para a prova da Fórmula 1. 

 

Com Portugal voltando a adotar uma série medidas para conter o crescimento de casos de contaminação pelo coronavírus, a organização do evento precisou reduzir o número de espectadores que irá receber para 27.500. 

 

“Como consequência dessas novas medidas, as autoridades sanitárias e administrativas determinaram também novas limitações e proibições à presença de público no GP de Portugal, principalmente uma diminuição do número total de espectadores permitidos, e também a proibição total de espectadores na zona de peão”, publicou o Autódromo Internacional do Algarve em nota. 

 

No anúncio, a organização ainda informa que os ingressos já vendidos para a zona de peão, área que não possui assentos demarcados para assistir a corrida, terão seus valores devolvidos para os pagantes. 

 

O GP de Portugal acontece no próximo domingo (25) e será a décima prova da atual temporada e a quarta com presença de espectadores em 2020. Na semana passada, o país registou em um único dia o recorde de 2.608 casos de infecção pelo vírus. 

Histórico de Conteúdo