Terça, 19 de Novembro de 2019 - 18:40

Após episódio de racismo, jogador da Holanda protesta com companheiro de time

por Ulisses Gama / Gabriel Rios

Após episódio de racismo, jogador da Holanda protesta com companheiro de time
Foto: Reprodução / Twitter / @fanaticosporfu

O volante Georginio Wijnaldum protestou contra o racismo no futebol  durante o confronto entre Holanda e Estônia, na tarde desta terça-feira (19), válido pelas Eliminatórias da Eurocopa. Após marcar o primeiro gol da seleção holandesa, o capitão chamou o companheiro de time, Frenkie De Jong, e juntou o seu braço com o do outro jogador, que é branco, para passar uma mensagem contra o preconceito racial.

 

Vale destacar que um atleta da segunda divisão holandesa sofreu racismo no último domingo (17) (relembre aqui). Em entrevista coletiva na segunda (18), o volante do Liverpool deu apoio a Ahmad Mendes Moreira, vítima de injúria racial.

 

“Foi muito difícil pessoalmente, nunca esperei que isso acontecesse na Holanda. Fiquei muito chocado”, revelou o holandês, segundo o Torcedores.com.

 

Os brasileiros Taison e Dentinho, do Shaktar, também foram insultados durante uma partida na Ucrânia (veja aqui).

Histórico de Conteúdo