Elias Borges projeta briga por vaga e diz que Canaã irá receber 'incentivo por fora'
Foto: Glauber Guerra / Bahia Notícias

O Doce Mel é um dos três times que brigam por uma vaga na decisão da Série B do Baiano. Ocupando a 3ª colocação, a equipe precisa vencer o Canaã no domingo (12), às 15h, no Estádio Municipal Pedro Caetano, em Ipiaú, e torcer por um tropeço do Unirb contra o PFC-Cajazeiras, que também briga pela classificação.

 

“Temos que fazer uma estratégia de trabalho durante a semana para enfrentar o Canaã. A matemática é simples, é fazermos nossa parte e torcer contra o Unirb. Precisamos tomar todos os cuidados, pois não dependemos só da gente. A gente precisa ter tranquilidade dentro de casa para vencer. Não podemos admitir perder um jogo dentro de casa buscando a classificação. Precisamos ver qual melhor equipe para jogar no domingo. Precisamos ser ofensivos e corajosos para fazermos nossa parte”, disse Elias Borges, técnico do Doce Mel, em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Com o Canaã já eliminado, Elias Borges crê que o jogo será ainda mais complicado, já que o adversário irá relaxado para o confronto. O treinador ainda afirmou que a equipe pode ter sido “motivada” por Unirb e PFC-Cajazeiras, que brigam pela classificação. A ação seria uma possível mala branca, quando uma equipe recebe dinheiro de outra para vencer o seu jogo.  

 

“Quando se enfrenta um adversário relaxado, pode ser um jogo perigoso, pois não tem nada a perder. Com certeza o Canaã virá como franco-atirador, ainda mais motivado pelos dois adversários nossos. Preferia enfrentar eles numa condição de estarem buscando a classificação. Eles estarão tranquilos, e com esse incentivo por fora, dificulta ainda mais”, destacou Elias.

 

O Doce Mel aparece na 3ª colocação com 15 pontos. O Unirb é o 2º com 16, e o PFC-Cajazeiras figura na 4ª colocação com 13.  

Histórico de Conteúdo