Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Governo do Rio de Janeiro aprova propostas para empresas assumirem o Maracanã
Foto: Getty Images
Na última quarta-feira (8), a Secretária da Casa Civil homologou as duas empresas que travam uma disputa para administrar o estádio do Maracanã. As francesas GL Events e Lagardère fizeram suas ofertas e agora poderão negociar com a Odebrecht pela compra de parte do consórcio que comanda o estádio. Além do equipamento, a Lagardère comanda mais de 60 estádios no mundo e também pretende cuidar do Engenhão, já conversando com dirigentes do Botafogo. Já a GL administra a Arena Rio e demonstrou interesse em trabalhar com o Flamengo na ocasião. A Odebrecht é dona de 95% do consórcio que administra o Maracanã e pretende receber cerca de R$ 60 milhões para repassar a sua participação. 

Histórico de Conteúdo