Sexta, 06 de Março de 2015 - 00:00

Dívida de quase R$ 2 milhões deve atrasar obras de centro baiano de natação

por Edimário Duplat

Dívida de quase R$ 2 milhões deve atrasar obras de centro baiano de natação
Foto: Divulgação
Depois da mudança da data de entrega do Centro Olímpico de Natação da Bahia, anunciada oficialmente na última terça-feira (3) após visita do Secretário do Trabalho e Esporte, Álvaro Gomes, e um grupo de engenheiros e arquitetos da Sudesb e do Estado, a ameaça de uma paralisação nos trabalhos pode prejudicar de vez a conclusão da obra direcionada ao desporto aquático.

Centro Olímpico de Natação será inaugurado no início do segundo semestre
Local foi visitado esta semana pelo secretário Álvaro Gomes. Foto: Divulgação

De acordo com uma denúncia recebida pelo Bahia Notícias, o governo estadual não vem efetuando os pagamentos para a construção do espaço, e já soma uma dívida de quase de R$ 2 milhões com a Construtora Volque, responsável pela obra. Em contato com a empresa, a reportagem apurou que o problema de pagamento realmente existe e que já reflete na própria conclusão do equipamento esportivo. “Estou com o material todo comprado, a impermeabilização da obra já foi feita e na próxima semana já será feita a proteção cerâmica da piscina. Infelizmente, não estamos sendo pagos desde novembro e já temos uma dívida de mais de R$ 1,8 milhão que nos atrapalha para a conclusão do local. Dessa forma, teremos que parar as obras até que o governo tome uma posição”, afirmou Rubem Maia Vilas Boas, responsável pela empresa.


Projeto do Parque aquático do Bonocô  (Foto: Divulgação)

Ainda de acordo com Maia, o Centro Olímpico de Natação tem previsão de entrega para maio de 2015, caso não haja interrupções no processo. Entretanto, questionado sobre a falta de vestiários e arquibancada no projeto, o empresário justificou que estes setores só poderão ser realizados com a publicação da terceira etapa. “Está prevista por nós a construção da arquibancada e dos vestiários, mas esta etapa ainda não foi publicada pelo Estado e com isso não existe nenhuma estimativa de realização”, disse.  Apresentado em 2009, o projeto do Complexo Olímpico de Natação, localizado na sede da Fundação da Criança e do Adolescente (Fundac), no Bônoco, tinha previsão de entrega para 2011. Entretanto, após mudanças nas obras, o centro teve suas obras iniciadas apenas em 2013 e tinha entrega de previsão para março deste ano, o que não aconteceu.

Histórico de Conteúdo