Quarta, 09 de Julho de 2014 - 19:44

Argentina vence Holanda nos pênaltis e vai enfrentar Alemanha na final da Copa

por Glauber Guerra

Argentina vence Holanda nos pênaltis e vai enfrentar Alemanha na final da Copa
Foto: Getty Images
A Argentina ganhou nos pênaltis da Holanda por 4 a 2, após empate sem gols no tempo normal e prorrogação, no duelo disputado nesta quarta-feira (9), na Arena Corinthians. O herói argentino foi o goleiro Romero, que defendeu duas cobranças. Com o resultado, os hermanos vão encarar a Alemanha na final da Copa do Mundo.

O JOGO
A Holanda iniciou o duelo trocando passes no campo de defesa e à torcida gritava “olé”. Já a Argentina procurou acelerar o jogo. Aos três, Pérez tentou passar para Higuaín, mas errou o passe e a zaga holandesa afastou o perigo.
 
Nos primeiros dez minutos, o jogo ficou lá e cá,  sem domínio claro de uma seleção. Aos 13, Wijnaldum arriscou da entrada da área, mas mandou para fora. Um minuto depois, a Argentina respondeu. Pérez foi derrubado na entrada da área e o árbitro assinalou a falta. Messi cobrou, mas Cillesse defendeu com tranquilidade.
 
Aos 17, Pérez acionou Zabaleta pela direita, que cruzou para Higuaín. A zaga holandesa mandou para escanteio. Na cobrança, Messi mandou rasteiro e a defesa holandesa afastou. 
 
Marcação forte
As duas seleções não abriram mão de uma marcação acirrada. Por isso, a primeira etapa teve poucas chances claras de gol. Aos 22 minutos. Lavezzi cobra escanteio, e Garay se jogou na bola, mas mandou para fora.
 
 A Holanda chegou com perigo aos 30. Sneijder cobrou escanteio fechado e Romero afastou. No entanto, o empate persistiu no primeiro tempo.

Segundo tempo
A etapa final começou truncada. As duas equipes marcaram fortes e cometeram faltas. Aos três, Robben recebeu de Kuyt e tentou partir, mas foi segurado por Demichelis.  Sneijder cobrou a falta, e mandou direto para fora. 
 
Aos 10, Messi recebeu de Pérez na entrada da área, e na hora do chute foi travado por Vlaar. Dois minutos depois, Lavezzi fez bom cruzamento, mas Higuaín cabeceou em cima do Vlaar.


Assim como no primeiro tempo, as equipes priorizaram a forte marcação e assim chegavam com dificuldades no setor ofensivo. Aos 27, em cobrança de falta, Messi bateu muito forte, e mandou direto para fora.
 
Argentina chega com perigo
A primeira chance clara de gol veio somente aos 29 minutos do segundo tempo. Pérez cruzou e Higuaín mandou na rede, pelo lado de fora.

Aos 37, Rojo arriscou forte de fora de área, mas Cillessen fez a defesa em dois tempos e ficou com ela.
 
Mascherano salva
Já próximo do final do segundo tempo, a Holanda decidiu ir para cima. Aos 44, tabela perfeita dos holandeses. Roben trocou passes com Sneijder apareceu sozinho na pequena área. Na hora do chute, Mascherano travou com perfeição e salvou a Argentina.


Prorrogação
Os holandeses iniciaram a prorrogação trocando passes no campo de defesa, enquanto os argentinos dobraram a marcação sobre pressão. Aos oito, Robben driblou o zagueiro e chutou forte, mas Romero defendeu com segurança. Aos 15, Messi levantou na área, mas Cillessen tirou de soco.
 
No segundo tempo da prorrogação, as duas equipes continuaram marcando forte. Aos quatro, De Vrij recuperou a bola no meio do campo, avançou e arriscou o chute de longe, direto para fora.

Pênaltis

Holanda : Vlaar (X), Robben (O), Sneijder (X), Kuty (O)
Argentina: Messi (O), Garay (O), Aguero (O), Maxi Rodriguez (O)


FICHA TÉCNICA
Holanda x Argentina
Copa do Mundo -Semifinal
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Data: 9 de julho de 2014 (quarta-feira)
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Cuneyt Çakir (Turquia)
Auxiliares: Bahattin Duran e Tarik Ongun (ambos da Turquia)
Cartões amarelo: Martins Indi e Huntelaar (Holanda); Demichelis (Argentina)
Gols:
 
HOLANDA: Cillessen, De Vrij, Vlaar, Martins Indi (Janmaat); Kuyt, De Jong (Clasie), Blind, Sneijder e Wijnaldum; Robben e Van Persie (Huntelaar). Técnico: Louis Van Gaal
 
ARGENTINA: Romero, Zabaleta, Garay, Demichelis e Rojo; Mascherano, Biglia e Pérez (Palacio); Messi, Lavezzi (Maxi Rodríguez) e Higuaín (Agüero). Técnico: Alejandro Sabella

Histórico de Conteúdo