Time argentino vai multar jogadores que aumentarem peso durante quarentena
Foto: Reprodução

Com os jogadores em casa durante a pandemia do coronavírus, o Racing de Córdoba, time de futebol da Argentina, adotou uma medida para “incentivar” ainda mais os atletas a se exercitarem e se manterem saudáveis durante a reclusão. Para cada quilograma que os jogadores do time aumentarem em suas massas, eles precisarão pagar três mil pesos argentinos, moeda do país. 

 

O Racing de Córdoba orientou sua equipe sobre como manter a rotina de treinamentos e alimentação regulada, mas, a preocupação de que a quarentena seja um momento em que os atletas se descomprometam com a manutenção do seus condicionamentos físicos, o clube resolveu adotar a ideia. Com o retorno dos treinos e jogos após a pandemia, os jogadores já foram avisados que se tiverem ganhado peso serão multados pelo clube.

 

De acordo com as informações publicadas pela imprensa esportiva da Argentina, a regra determinada é que a 100 gramas que os jogadores aumentarem durante o período de reclusão, eles terão de pagar 300 pesos argentinos. 

 

Um dos jogadores do Racing de Córdoba comentou para um jornal do país sobre a decisão do clube. “É uma boa medida, e perfeito que uma multa seja aplicada. Como jogadores profissionais e temos que estar bem”, declarou.ele acrescenta que essa ação vai servir para que a equipe continue motivada e focada nos objetivos futuros.

 

O elenco estava disputando Torneio Amador Regional 2020. Até a interrupção da competição devido a pandemia, o time ocupava a liderança na tabela do campeonato.

Premier League anuncia auxílio financeiro a clubes pequenos e ao sistema público de saúde
Foto: Divulgação

Os 20 clubes da Premier League decidiram nesta sexta-feira (3) que vão doar 20 milhões de libras (cerca de R$ 120 milhões) ao NHS, Serviço Nacional de Saúde, e para as comunidades, famílias e grupos vulneráveis, durante a pandemia do coronavírus.  As agremiações também vão desembolsar mais 125 milhões de libras (cerca de R$ 750 milhões) para clubes das divisões inferiores do futebol inglês.

 

Na reunião ocorrida por videoconferência, ficou decidido que uma proposta de redução salarial de 30% será enviada para aos atletas. Além disso, a suspensão da competição foi ampliada e sem prazo definido. Inicialmente, estava o retorno estava previsto para o início de maio.

 

A redução dos vencimentos dos jogadores visa proteger os empregos de funcionários de outras áreas dos clubes. As negociações com o sindicato de atletas profissionais da Grã-Bretanha ainda estão em andamento.

Sexta, 03 de Abril de 2020 - 13:30

Presidente da Juazeirense não crê em retomada do Baianão: 'Muito difícil'

por Glauber Guerra

Presidente da Juazeirense não crê em retomada do Baianão: 'Muito difícil'
Foto: Glauber Guerra/ Bahia Notícias

O Campeonato Baiano está suspenso por conta da pandemia do coronavírus, assim como as competições esportivas mundo a fora. Para o deputado estadual Roberto Carlos (PDT) e presidente da Juazeirense, o retorno do certame estadual é considerada muito difícil. 

 

O foco foi perdido. É muito difícil a retomada do Campeonato Baiano, bem como dos outros estaduais. Perdemos a linha do entusiasmo. Os recursos já foram paralisados. Já era pouco e imagine agora sem nada. É complicado para quem não tem receita. Neste cenário atual só sobram três ou quatro clubes com boa saúde financeira para superarem essa crise”, disse em entrevista ao Bahia Notícias.

 

Roberto Carlos ainda destacou a importância de deixar o futebol de lado neste momento e focar na luta contra o coronavírus.

 

“Primeiro lugar é a vida. O campeonato nosso é em defesa da vida. Futebol é secundário. Temos que lutar contra o coronavírus”, afirmou.

 

O Campeonato Baiano foi suspenso com sete rodadas da primeira fase disputadas, faltando duas para o término desta etapa inicial. A última rodada foi disputada no dia 15 de março. A tabela de classificação tem o Bahia na liderança com 15 pontos, seguido por Jacuipense (12), acompanhado por Bahia de Feira e Vitória (ambos com 11).  A Juazeirense tem 10 e figura em sexto. O lanterna é o Jacobina, com apenas um ponto. 

Presidente da Conmebol garante retorno da Libertadores, mas pede 'tempo'
Foto: Divulgação/ Conmebol

Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol, se diz confiante na continuidade da Copa Libertadores e Sul-Americana. As competições estão suspensas por conta do coronavírus. Porém, o cartola pediu paciência e sinalizou o retorno com portões fechados. 

 

 “A Libertadores pode começar quando os campeonatos nacionais recomeçarem, embora a dinâmica do transporte também seja algo importante, uma vez que a maioria dos países fecharam suas fronteiras”, disse em entrevista à Reuters.  “Eu acho que as coisas vão voltar ao normal, mas é preciso de tempo. E é claro que eu gostaria de ver estádios lotados, mas se a solução para termos futebol de volta é jogar sem público, então é desse jeito que iremos jogar”, completou.

 

As competições organizadas pela Conmebol estão suspensas até o dia 5 de maio. Porém, a tendência é que esse prazo seja prorrogado.

Fred Lopes oficializa candidatura à presidência do Vasco
Foto: Reprodução/ TV Band

O empresário Fred Lopes, de 44 anos, oficializou nesta sexta-feira (3) a sua candidatura à presidência do Vasco da Gama. As eleições estão previstas para novembro.

 

“Pretendo ser candidato para modificar esse cenário de absoluto descontrole, um cenário que hoje, até os mais otimistas, estão muito preocupados com o futuro do clube. Por esse motivo, decidi me candidatar a presidente, para mudar esse cenário, dar minha contribuição como vascaíno e tirar o Vasco dessa situação”, disse em entrevista ao canal “Vascaíno Tem Voz”.

 

Fred Lopes foi vice de futebol no começo da gestão de Alexandre Campello, em 2018. Ele deixou o cargo após divergências com o mandatário do clube.

 

Agora, o Vasco tem dois candidatos à presidência. Antes, o advogado Leven Siano havia lançado o seu nome para concorrer ao pleito.

Drogba e Demba Ba se irritam com sugestão de médicos franceses: 'Africanos não são cobaias'
Fotos: Divulgação

O atacante senegalês Demba Ba, do Basaksehir (TUR) e o ex-atleta marfinense Didier Drogba expressaram sua indignação com dois médicos franceses. Os profissionais de saúde sugeriram no canal LCI utilizar o continente africano como experiência laboratorial no combate ao coronavírus. 

 

“Isto pode ser polêmico, mas não devíamos fazer um estudo na África, onde não têm máscaras, tratamentos ou aparelhos de reanimação? Fazem-se estudos no caso da SIDA em prostitutas para provar certas coisas, porque sabe-se que estão muito expostas e não têm proteção. Que pensa você sobre isto?”, questionou Jean Paul Mira, clínico do Hospital Cochin, de Paris. “Tem razão. Estamos pensando em fazer um estudo paralelo em África, de uma maneira similar. Creio que há uma solicitação nesse sentido, estamos pensando seriamente nisso. Também não descartamos um estudo na Europa e na Austrália” respondeu Camille Locht, diretor de investigação do Instituto francês da Saúde e Investigação Médica.

 

 “É totalmente inconcebível que tenhamos sequer de falar disto. África não é um laboratório. Estas declarações são realmente racistas. Ajudem a salvar África do coronavírus. Não queiram usar os africanos como cobaias. É asqueroso. Os líderes africanos têm a responsabilidade de proteger as suas populações de conspirações tão horrendas", disse Drogba.

 

 “Bem-vindos ao ocidente, onde os brancos se acham superiores e onde o racismo se tornou uma banalidade. É o momento de nos insurgirmos”, afirmou Demba Ba.

 

 

Basquete: LNB e clubes do NBB aprovam auxílio financeiro aos árbitros
Foto: Daniel Nery/Unifacisa

A Liga Nacional de Basquete (LNB) aprovou na noite da última quinta-feira (3) uma série de medidas. Após reunião por meio de videoconferência com a participações de representantes da entidade e dos 16 clubes do NBB, foram aprovados o suporte financeiro para a arbitragem e redução de 20% nos salários dos executivos da LNB pelos próximos cinco meses. A competição foi suspensa por conta da pandemia do novo coronavírus.

 

"Não é o momento de tomar nenhuma decisão precipitada. Por isso, estamos nos reunindo toda semana com os clubes, com os representantes dos atletas e dos técnicos para ouvir todos anseios e as dificuldades de cada área", afirmou Nilo Guimarães, presidente interino da LNB. "Essa sempre foi a essência da Liga e, num momento difícil em que toda a sociedade está passando, é muito positivo ver a maturidade que os clubes estão lidando com essa situação", completou.

 

Na semana passada, os clubes decidiram, de forma unânime, com apoio de atletas e treinadores, que a temporada irá seguir partindo automaticamente para a fase de playoffs. A tabela de classificação ficou definida pela ordem das equipes por meio do aproveitamento de vitórias até o último jogo realizado na temporada regular (dia 15 de março).

 

 

Allianz Parque demite parte dos funcionários durante crise
Foto: Divulgação/Allianz Parque

Nesta quinta-feira (2) a empresa que administra o Allianz Parque, estádio do Palmeiras, demitiu parte dos funcionários que trabalhavam no local. Com a queda no número de eventos, a WTorre precisou reduzir suas despesas e o corte de colaboradores que atuavam na arena foi uma das medidas. 

 

De acordo com o site Esporte Interativo, a medida era a última opção da gestão do estádio para diminuir os gastos. A redução no quadro de funcionários da WTorre estaria acontecendo desde que as atividades do Palmeiras foram suspensas, no último dia 16. 


No mês passado, o estádio foi escolhido como ponto de vacinação contra a gripe influenza.

Dupla Ba-Vi continua entre os 20 clubes do país com mais seguidores nas redes sociais
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias

O ranking atualizado pelo IBOPE Repucom apresentou a quantidade de torcedores dos clubes brasileiros em suas contas nas redes sociais. O Bahia e o Vitória permanecem na 15ª e 17ª colocação, respectivamente, como nas últimas divulgações dos dados.

 

O Flamengo, o Corinthians e o São Paulo permanecem nas três primeiras posições na soma dos números de seguidores no Facebook, Twitter, Instagram e Youtube. O ranking atual se refere ao resultado do mês de março deste ano. 

 

Nos três meses de 2020, o Tricolor baiano teve um aumento de quase 47 mil integrantes em suas contas digitais, enquanto o Leão cresceu em cerca de 29 mil seguidores. Nos últimos seis meses, o Bahia somou em suas redes socais mais de 126 novos integrantes e o Vitória mais de 54 mil. 

 

Confira a lista completa com números de seguidores dos principais clubes brasileiros. 

Assim como o Barcelona, Atlético de Madrid reduz salários em 70%
Foto: Reprodução / Twitter

Mais um time espanhol resolveu reduzir seus salários durante a pandemia para ajudar o clube durante suspensão das competições. O Atlético de Madrid divulgou nesta quinta-feira (2) que os pagamentos dos jogadores será diminuído em 70% durante a crise consequente da paralisação dos jogos. 

 

“O processo vai atingir jogadores do primeiro time masculino, do primeiro time feminino e do Atlético de Madrid B, enquanto durar a declaração do estado de emergência”, informou o clube em comunicado. Essa semana, o Barcelona anunciou a redução da mesma porcentagem nos salários da sua equipe.

 

Para bancar os salários dos funcionários do Atlético de Madrid, o time principal vai arcar com metade dos valores, enquanto o Comitê de Gestão irá pagar a outra metade. De acordo com o clube espanhol, essa foi a forma encontrada de minimizar impactos drásticos sobre os colaboradores. 

 

Atrás apenas da Itália, a Espanha e o segundo país europeu mais afetado pela Covid-19.

Histórico de Conteúdo