Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quarta, 03 de Março de 2021 - 22:01

Hamilton Mendes diz que Bahia merecia pelo menos o empate contra o UNIRB

por Milena Lopes

Hamilton Mendes diz que Bahia merecia pelo menos o empate contra o UNIRB
Foto: Max Haack/Ag Haack/Bahia Notícias

Substituto do técnico Cláudio Prates, que não comandou a equipe do Bahia na derrota para o UNIRB nesta quarta-feira (3) após apresentar sintomas de Covid-19, o auxiliar técnico Hamilton Mendes opinou que o Bahia poderia ter saído com um empate da partida válida pelo Campeonato Baiano. Em coletiva ao final da partida, realizada em Pituaçu, o representante da equipe no duelo comentou sobre a atuação do Tricolor e seu sua opinião sobre o resultado. 

 

“É uma derrota sofrida. A gente teve praticamente todas as ações positivas do jogo, dominamos o jogo, tanto no primeiro tempo, quanto  no segundo. Sabíamos que a UNIRB teria essa proposta de jogo defensivo, jogo reativo. Tentamos de todas as formas chegar no gol criando situações, talvez tenha sido o jogo que mais estivemos no último terço do campo”, comentou o auxiliar. 

 

“A gente entrou com proposta de ganhar o jogo. Tomamos um gol num momento de  infelicidade, por uma bobeira, continuamos tentando o gol, o time cresceu, sufocamos um pouco o UNIRB. Acho que se manteve o espírito de equipe”, completou.

 

Para Hamilton Mendes, a grande quantidade de vezes que o Bahia conseguiu se aproximar do gol ao longo da partida fez com que a equipe merecesse sair da partida pelo menos com um gol para deixar o placar igual. 

 

“Acho que não foi justo o resultado, talvez o empate seria o melhor resultado. Não tirando o mérito da UNIRB, mas a gente criou situações e o gol não saiu, infelizmente”, admitiu. 

 

Ele também voltou a apontar um aspecto que já havia sido comentado por Cláudio Prates sobre o fato da equipe ser muito jovem e sofrer em alguns momentos com a ansiedade dentro de campo. 

 

“Todo jogo a gente tem uma lição positiva e negativa, nessa partida, apesar da derrota, a gente tem muitas lições positivas. E a lição negativa a gente vai tentar corrigir nos treinamentos”, destacou o auxiliar técnico, reforçando que o trabalho de confiança e contração será trabalhado nos treinos. 

 

“A gente não tem tempo para ficar lamentando. Amanhã a gente já está no campo treinando, na sexta-feira fazemos o apronte e já viajamos para Conquista”, finalizou Hamilton Mendes.

 

O time de transição viaja para enfrentar o Vitória da Conquista, no Estádio Lomanto Júnior, às 16h do próximo domingo (7). O jogo será válido pela quarta rodada do Baianão.

Histórico de Conteúdo