Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Artista baiana propõe reflexão sobre invisibilidade em performance neste sábado
Foto: Alex Oliveira

Neste sábado (24), a artista baiana Padmateo apresenta a performance “De como me tornei invisível pra caber em meu espírito”, no palco virtual do Café-teatro Nilda Spencer, às 17h, no canal do YouTube do espaço. A performance aborda a invisibilidade nos tempos atuais e conta com uma videoarte inédita como parte da programação.

 

Construído a partir de pesquisas e métodos do invisível no campo da arte e relacionadas diretamente à identificação da artista com gênero não-binário, o videoarte inédito convida à uma reflexão sobre a invisibilidade, sendo uma experimentação íntima sobre processos desidentitários, sumiço e testemunha. Na obra, em uma dimensão pós humana, uma criatura precisa tornar-se invisível para sobreviver.

 

A obra conta com concepção, roteiro e performance de Padmateo, direção de fotografia de Alex Oliveira, trilha sonora de Ramon Gonçalves, edição e finalização de Mário Oliveira e operação de drone da Cláudio Filmes.

 

Padmateo é jequié-cosmopolitana, artista visual, cênica, performera, crítica e mediadora cultural. Atualmente é bacharelanda em Artes Plásticas pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Dentre suas pesquisas estão alguns temas e abordagens como a intervenção urbana, as práticas invisíveis e suas manifestações, o gênero e as próprias relações do sistema e mercado da imagem/arte. Seu mais recente trabalho foi “Acerto de Contas”, uma galeria fluvial ao longo do Rio de Contas, na cidade de Jequié-BA, com instalações, dentro e fora do rio.

 

Após a exibição da performance, a artista Padmateo participa de um bate-papo, aberto à participação do público, conduzido pelo produtor cultural Ugo Mello, um dos coordenadores do projeto.

 

 

SERVIÇO
O QUÊ: Performance “De como me tornei invisível pra caber em meu espírito”, de Padmateo
QUANDO: 24 de julho, às 17h
ONDE: Canal do YouTube do Café-teatro Nilda Spencer
VALOR: Gratuito

Histórico de Conteúdo