Daniel Azulay morre aos 72 anos; artista tratava câncer e contraiu covid-19
Foto: Reprodução

Famoso principalmente na década de 1980, o desenhista e artista plástico Daniel Azulay morreu nesta sexta-feira (27), aos 72 anos. O educador e artista plástico tratava de um câncer e contraiu a Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus.

 

"Com extremo pesar comunicamos que nosso querido Daniel Azulay faleceu hoje a tarde no Rio de Janeiro. Ele estava tratando uma leucemia e contraiu coronavírus. Sua alegria continuará em todos nossos corações para sempre. Faremos rezas virtuais para ele nos próximos dias em virtude do isolamento. Daniel, Te amamos", escreveu a sua página oficial no Facebook.

 

Entre as crianças, a criação de Daniel Azulay que fez mais sucesso foi A Turma do Lambe Lambe. Criada em 1975, o programa ficou no ar durante 10 anos, primeiro na antiga TV Educativa (TVE) e depois na Rede Bandeirantes, sempre apresentada por Daniel Azulay, que mostrou o mundo do desenho e da arte para milhares de crianças em todo o Brasil.

 

A volta à televisão ocorreu em 1996 com o programa Oficina de Desenho Daniel Azulay na TV Bandeirantes, que tinha vários quadros com a Turma do Lambe Lambe e introduziu também o personagem Azulinho, uma versão da Emília, de Monteito Lobato, de Daniel Azulay.

 

Entre 2003 e 2004 foi ao ar no Canal Futura o programa Azuela do Azulay, que contou com algumas aparições dos personagens. Entre 2006 e 2007 foi lançada uma série de minicurtas em animação para a TV Rá-Tim-Bum.

Histórico de Conteúdo