‘Estão massacrando a música nordestina’, diz Genival sobre descaracterização do São João
Foto: Divulgação
Com 85 anos de idade e 66 de carreira, o paraibano veterano do forró, Genival Lacerda, recentemente recebeu o título de Cidadão Baiano. Em entrevista ao Bahia Notícias, o artista se disse entusiasmado ao receber a honraria, mas não deixou de destacar seu desapontamento por estar há muito tempo distante dos festejos juninos no estado. “Eu estou triste com a Bahia”, revelou. “Me cortaram do São João da Bahia, que eu sempre quis muito bem, não toco há mais de 20 anos”, disse Genival, criticando ainda a “invasão” de outros ritmos na festa tradicional. “Se os empresários não tiverem respeito pela cultura da música nordestina, vai acabar”, avaliou o cantor dos clássicos “Severina Xique Xique”, “De quem é esse jegue?” e “Radinho de Pilha”, disparando contra os sertanejos e a banda Calypso. Suas queixas não deixaram de fora nem o São João de Caruaru: “Fagner mesmo, esse ano foi expulso do São João de Caruaru, isso é uma sem-vergonhice, uma safadeza, viu? Caruaru está esculhambando com o São João”, afirmou. Genival falou ainda sobre seu mais novo disco, “Todas as Cores”; a música de trabalho, "Me Dê Seu Wifi"; o projeto de gravação de um DVD ao vivo, além de uma turnê na Europa. Clique aqui para conferir a entrevista completa.

Histórico de Conteúdo