Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Segunda, 13 de Julho de 2020 - 19:00

Giro: Preparativos

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Preparativos
Foto: Divulgação

O momento mais esperado para a reabertura dos shoppings na capital baiana está se aproximando. E o Shopping Bela Vista está preparado para a retomada de suas atividades presenciais, seguindo todos os protocolos e critérios de reabertura estabelecidos pela Prefeitura Municipal de Salvador junto com o Governo do Estado. A data depende da taxa de ocupação de leitos de UTI, que deve se manter em 75% por cinco dias consecutivos, porém o empreendimento já está pronto para reabrir as portas de acordo com as exigências do decreto, com funcionamento especial de segunda a sábado, das 12h às 20h.

 

Entre as inúmeras medidas de saúde e segurança adotadas pelo Bela Vista está a importação da tecnologia da Alemanha que emite raios UVs nos corrimãos das escadas rolantes, o que impede a propagação não só do coronavírus, mas de qualquer tipo de vírus, de maneira eficiente e ecologicamente amigável. O Dispositivo Ultra UV para corrimão irradia luz ultravioleta com ação germicida e esterilizadora a uma curta distância do corrimão, agindo diretamente no material genético de bactérias e vírus, inclusive da Covid-19, oferecendo uma desinfecção segura, rápida e mais agradável ao usuário, sem vestígios dos convencionais produtos de limpeza. “Investimos mais de R$ 300 mil nas preparações e trouxemos o que há de melhor em tecnologia do mercado internacional para o shopping. Estamos prontos para receber os clientes com toda a segurança que o momento exige”, assegura Vaneilton Almeida, Superintendente do Shopping Bela Vista.

 

Fora a tecnologia alemã nos corrimãos, já foram instalados 130 totens de álcool em gel em diversos pontos - sendo 30 por pedal, para que não haja contato com o equipamento - além de câmeras termográficas que monitoram a temperatura dos clientes em tempo real (aquele que tiver mais de 37,5° será abordado pela equipe de segurança), tapetes de sanitização nas entradas e sensor para obter os tickets de estacionamento, não precisando mais apertar o botão. A expectativa é que pelo menos 90% das 250 lojas que existem no Bela Vista retomem as atividades na reabertura. “Alguns estão em uma situação complicada e demonstram dificuldade em reabrir”, pontua o superintendente. Porém, o ideal é que todos abram na retomada.

Histórico de Conteúdo