Sexta, 29 de Maio de 2020 - 14:00

Giro: Rede de apoio terapêutico é criada para atender a adolescentes e jovens adultos

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Rede de apoio terapêutico é criada para atender a adolescentes e jovens adultos
Foto: Divulgação

A psicóloga Danúzia Lopes e a terapeuta somática Laura Campos criaram o RAPP – Rede de Apoio Psicológico Somático,  um ambiente de colaboração afetiva, trocas e conexão. A proposta é oportunizar recursos psicológicos e somáticos para reduzir o estresse e a ansiedade, e poder reconhecer a potência de gerar estados de calma, segurança e bem-estar numa parcela da população que embora esteja fora dos grupos de risco, enfrenta os mesmos desafios, mas não tem ainda a vivência  para encará-los de maneira mais serena : os jovens de 15 a 25 anos de idade.

 

As duas profissionais que têm larga experiência nos campos da psicologia clínica, da terapia de estresse pós-traumático, acreditam que, ao realizar as reuniões virtuais do RAPP podem desenvolver junto com os jovens atendidos,  uma maior reflexão sobre o momento que vivemos, estabelecendo laços que ajudam a fazer contato com o mundo interno e com o outro.

 

Desta maneira, se cria uma rede de apoio que possibilita, mesmo distantes, que os participantes fiquem próximos e invistam em relacionamentos saudáveis que estimulem o desenvolvimento da habilidade de se sentir confiante e resiliente e que, através desta conexão possam manter um estado de curiosidade inata para a vida e perceber as sensações de segurança nesse momento de incertezas. (Por Cris Montenegro)

Histórico de Conteúdo