Segunda, 25 de Maio de 2020 - 14:00

Giro: Live abordará como cooperação internacional pode ajudar no pós Covid-19

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Live abordará como cooperação internacional pode ajudar no pós Covid-19
Gonçalo Amorim, fundador e CEO da BGI SA | Foto: Divulgação

Os líderes da União Europeia que compõem o G7, grupo das sete maiores economias mundiais, apontam que o comércio internacional, a economia verde e as transformações digitais serão os destaques para a retomada econômica após a pandemia do novo coronavírus. A terceira edição da live #TamoJunto, promovida pelo Sindicato das Agências de Propaganda do Estado da Bahia (Sinapro-Bahia), vai debater justamente como as sinergias entre a União Europeia e o Brasil podem colaborar no desenvolvimento econômico no pós Covid-19. A transmissão acontece na próxima terça-feira (dia 26), às 10h, no perfil do Sinapro-Bahia no Instagram (@sinaprobahia).

 

Para falar sobre o tema, o vice-Presidente do Sinapro-Bahia, André Mascarenhas, sócio da agência Artecapital, de Feira de Santana, recebe como convidado internacional, o fundador e CEO da BGI SA, Gonçalo Amorim. Ele já lecionou inovação baseada em tecnologia, transferência de tecnologia e empreendedorismo em vários países, como Alemanha, Canadá, Portugal e Romênia. Gonçalo é também membro do conselho consultivo de várias empresas emergentes de tecnologia, tendo orientado mais de 200 fundadores, equipes empresariais, start-ups e spin-offs de tecnologia.

 

Criada em 2013, através do Programa MIT Portugal - Iniciativa, Inovação e Empreendedorismo, a BGI atua como uma aceleradora de tecnologia (deep tech) para startups com base em Propriedade Intelectual, visando mercados globais. A empresa já facilitou a criação de mais de 75 empreendimentos de alta tecnologia, arrecadando mais de 234,1 milhões de euros em financiamento de diferentes fontes de capital e a criação de quase mil empregos altamente qualificados. (Por Cris Montenegro)

Histórico de Conteúdo