Sexta, 22 de Novembro de 2019 - 20:00

Giro: Quebra Nozes e os Quatro Reinos

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Quebra Nozes e os Quatro Reinos
Foto: Divulgação

Em um momento de comemoração pelos 35 anos de atividade, a Etudes Escola de Ballet vai apresentar o espetáculo “Quebra Nozes e os Quatro Reinos”, na sala principal do Teatro Castro Alves, no dia 1º de dezembro (domingo). Os ingressos para o espetáculo já estão à venda, no site Ingresso Rápido, na bilheteria do teatro e no SAC dos shoppings Barra e Bela Vista, e o primeiro setor do teatro já está esgotado.  A apresentação, inspirada no clássico da Disney, vai ganhar uma leitura especial baseada na história do filme homônimo, lançado em 2018. Este ano, a escola convidada que também terá seus alunos participando do evento é a Academia de Ballet da Bahia.

O espetáculo musical narra a história de Clara, uma jovem independente, que perde a única chave mágica capaz de abrir um presente de valor incalculável dado por seu padrinho. Safa na solução de problemas, ela decide então iniciar uma jornada de resgate que a leva pelo Reino dos Doces, o Reino das Neves, o Reino das Flores e o sinistro Quarto Reino. Tudo isso, com encanto do estilo de dança mais sofisticado do mundo, mesclando modalidades que atravessam gerações. (Por Cris Montenegro)

Hapvida e museu cearense promovem atividades lúdicas para crianças hospitalizadas
Foto: Divulgação

Crianças de 2 a 12 anos, que passam por tratamento de saúde no Hospital Francisca de Sande, em Feira de Santana, serão contemplados com atividades lúdicas entre os dias 25 e 29 de novembro. 

 

A iniciativa, projeto Museu nos Hospitais, é uma parceria entre a Hapvida e o Museu de Fotografia de Fortaleza (MFF) e vai permitir que pais e responsáveis também participem das dinâmicas. Dentro da programação do projeto serão realizadas fotografias digitais, pintura de figuras iconográficas, além de leitura de histórias. 

 

Segundo Simone Varella, Diretora de Comunicação e Marketing do Hapvida, o Museu nos Hospitais visa melhorar a qualidade de vida de crianças em período de tratamento e surge como um novo método para estimular a criatividade desses pacientes. 

 

“Ações como essa são processos de acolhimento e também de descoberta de talentos. Com essas oficinas, as crianças poderão ter uma experiência diferente com a arte da fotografia, dar vida à criatividade e mudar um pouco a rotina”, disse. 

 

Já Keli Pereira, coordenadora do programa, acredita que a iniciativa vai introduzir as crianças em uma nova perspectiva sobre a fotografia. “As atividades vão proporcionar uma familiarização com o universo imagético da fotografia, além de promover uma educação visual aos pequenos pacientes”, afirmou.

Com discurso de Nicole Scherzinger, Pabllo Vittar é homenageada em evento em Londres
Foto: Reprodução/Instagram

A cantora drag queen Pabllo Vittar foi homenageada, na última quinta-feira (21), na premiação Gay Times Honours 500, em Londres. De acordo com o portal O Fuxico, o evento marcou as comemorações da 500ª edição da revista Gay Times, a primeira revista voltada ao público LGBTQ na Europa.

 

Antes de receber a honraria Drag Hero Awards das mãos de Nicole Scherzinger, a artista brasileira se emocionou ao ser surpreendida por um discurso feito pela cantora americana. No evento, Pabllo também subiu ao palco por 20 minutos para apresentar singles como “Flash Pose”, “Parabéns”, Amor de Que” e “Ponte Perra”. 

 

A Gay Times Honours 500 tem como objetivo central reconhecer organizações e pessoas envolvidas no entretenimento e ativismo social, que ganharam destaque o meio LGBTQ. Vale lembrar, que Pabllo Vittar estampou a capa da revista Gay Times em abril e a edição específica foi uma das mais vendidas da história. 

 

"Eu fiquei muito feliz e honrada com essa premiação. Foi uma surpresa maravilhosa. Nunca pensei em ser uma referência LGBTQ+, mas hoje sei da importância em dar visibilidade a toda comunidade. Sonho com o dia em que teremos um mundo com mais oportunidades para todos, independentemente das diferenças", declarou a brasileira. 

 

Confira um trecho da premiação divulgada pelo portal Hugo Gloss: 

Casa da Música recebe Quarteto de Flaudas da Bahia no Sarau de Itapuã 
Foto: Divulgação

A última edição do Sarau de Itapuã de novembro, realizada na próxima segunda-feira (25), a partir das 18h, na Casa da Música, contará com uma apresentação do Quarteto de Flaudas da Bahia.


A abertura será realizada pelo Maestro Ubiratan Marques e o Quarteto Vocal Afrosinfônico, e terá ainda uma performance de dança dos ventres das dançarinas Livia Pereira e Ticiana Santana.


Formado por Lucas Robatto, João Liberato, Rafael Dias e Leandro Oliveira, o Quarteto de Flaudas da Bahia conta com todos os instrumentos básicos da família da flauta transversal, incluindo piccolo, flauta alto e flauta baixo.


Na ocasião, o grupo apresentará um repertório de peças originais do universo erudito e popular, com composições de Widmer, Guerra-Peixe, Kuhlau, Neukomm e Frei Jacinto do Sacramento. Um dos destaques do recital é a estreia da Serenata composta por Neukomm, reeditada por Lucas Robatto e Rafael Dias.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Sarau de Itapuã
QUANDO: Segunda-feira, 25 de novembro, às 18h
ONDE: Casa da Música – Itapuã – Salvador (BA)
VALOR: Entrada gratuita

Sexta, 22 de Novembro de 2019 - 15:00

GastrôBahia: Ele está de volta

por Cris Montenegro

GastrôBahia: Ele está de volta
Foto: Divulgação

Natal chegando e, com ele, um grande conhecido dos fãs do Outback Steakhouse promete estar presente nas celebrações: o original Thunderttone (R$ 64,90 – 800g). Essa delícia tem uma combinação especial de panettone com gotas de chocolate, recheado de ganache de chocolate meio amargo, finalizado com cobertura de chocolate meio amargo e granulado de chocolate ao leite, e uma base do legítimo brownie Outback de chocolate com nozes pecãs, receita aclamada pelos apaixonados pela marca e sucesso na sobremesa Chocolate Thunder From Down Under. Esse ano, o Thunderttone ganha nova embalagem e se posiciona mais fortemente como uma ótima opção entre os mimos do período de comemorações.

“Sempre ouvimos e acompanhamos os pedidos de nossos clientes. O Thunderttone foi um grande sucesso no ano passado e, por isso, decidimos trazer o produto novamente para que uma das datas mais especiais e aguardadas do ano fique mais gostosa com todo o nosso bold flavour. É mais uma oportunidade para que os nossos clientes possam levar o #MomentoOutback para casa e também presentear amigos e familiares”, afirma Marisa Palhares, gerente de marketing do Outback Brasil.

O Thunderttone estará disponível em todos os restaurantes Outback no Brasil enquanto durarem os estoques.

Espetáculo baiano, 'Coisa de Viado' faz circulação em Brasília 
Foto: Divulgação / Eugenio Lima

Depois de realizar temporadas em Salvador e São Paulo, o espetáculo baiano “Coisa de Viado” faz circulação em Brasília (DF), entre os dias 5 e 8 de dezembro, nos espaços Imaginário Cultural e Complexo Cultural Samambaia.


A montagem, que sai da Bahia por meio do Edital de Mobilidade Cultural, da Funceb, tem como proposta sensibilizar o público sobre questões importantes do universo LGBTQI+, tirando o véu de temas como diversidade de gênero, transexualidade, lgbtfobia, homoafetividade, invisibilidade lésbica, com foco étnico/racial. A peça também traz a reflexão sobre o recorte da “bicha preta da favela”, apontando estigmas e opressões vividos por gays, lésbicas e trans negras.


Antes das apresentações no Distrito Federa, a Bumbá Escola de Formação Artística faz um ensaio aberto especial no Teatro Gamboa Nova, em Salvador, na próxima segunda-feira (25), às 19h30.

Sexta, 22 de Novembro de 2019 - 14:00

Giro: Disney 2020

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Disney 2020
Verena Kirchhoff e Jô Fiscina

A Kontik Teen lança um novo roteiro teen para a Disney em 2020. Com o slogan “Chegou a sua vez de conhecer a Disney”, a agência de viagens redefiniu o pacote que se tornou um sonho compartilhado entre pais e adolescentes, inovando nas condições de pagamento, nas experiências da viagem e no modo de acessá-las. Com isso, apresenta o pacote New Disney Express, que promete ser um marco nos roteiros da temporada das férias de Junho.

O New Disney Express vai reunir a exclusividade e a experiência proporcionada pela agência do Nordeste que mais levou adolescentes à Orlando, com acompanhamento diferenciado de staff, visita aos principais parques do Complexo e experiências únicas como a festa de 15 anos realizada durante a viagem. Além destas, outra grande novidade está no preço – nunca praticado no mercado, e passível de divisão em 12 parcelas de R$1.000,00. 

Para a Diretora Executiva da Kontik Teen, Verena Kirchhoff, o lançamento é motivo para múltiplas celebrações: “A Kontik sempre teve em seu DNA a criatividade, e sempre foi a líder em criar as tendências. E os dias atuais pedem novos formatos. Foi como chegamos à concepção do New Disney Express, um novo roteiro que se adequa perfeitamente aos dias atuais, mas que, acima de tudo, renova as experiências incomparáveis da Trip dos Sonhos”. (Por Cris Montenegro)

Franklin Leahy e Rodrigo Oliveira apresentam 'Um Duo entre um Violino e um Piano' no Rubi
Foto: Divulgação

Os músicos Franklin Leahy e Rodrigo Oliveira sobem ao palco do Café Rubi, em Salvador, no dia 28 de novembro, às 20h30, com o show “Um Duo entre um Violino e um Piano Recordando Sucessos Inesquecíveis”.


O projeto nasceu de um encontro casual entre os dois amigos, que depois de tocarem juntos pela primeira vez na Bahia, resolveram juntar suas virtudes em um concerto especial, unindo o piano de Leahy e o violino de Rodrigo.


No repertório, clássicos de gêneros variados, a exemplo das músicas “Sampa”, “Cinema Paradiso”, “My Heart Will Go On”, “Memory”, “Amigos para Sempre”, “Luzes da Ribalta”, “Perfídia”, “Besame Mucho”, “Cavalgada” e “Outra Vez”, além de um tributo aos Beatles, com canções como “Imagine”, “Yesterday” e “Hey Jude”.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Um Duo entre um Violino e um Piano Recordando Sucessos Inesquecíveis
QUANDO: Quinta-feira, 28 de novembro, às 20h30
ONDE: Café Rubi – Salvador (BA)
VALOR: Couvert artístico – R$ 60

Pelourinho recebe programação variada no 3º Novembro das Artes Negras
Dão é uma das atrações | Foto: Divulgação

O Pelourinho, no Centro Histórico de Salvador, recebe uma programação gratuita e variada, incluindo teatro, dança, circo, poesia e debate, da próxima segunda-feira (25) a sexta-feira (29), durante a terceira edição do Novembro das Artes Negras.


A abertura do evento acontece na Sala King, a partir das 15h, com o espetáculo “Isto não é uma mulata”, estrelado pela atriz Mônica Santana, seguido de bate-papo sobre as “Formas de Representação da Mulher na Mídia.
O encerramento, por sua vez, será por conta do cantor Dão, que sobe ao palco do Largo Pedro Archanjo, no dia 29, às 20h. 

 


SERVIÇO
NAN 2019 – Espetáculo Isto não é uma mulata
Quando: 25 de novembro, às 15h
Local: Sala King - Sede da Funceb (R. da Oração, 01 - Pelourinho, Salvador) Gratuito 


NAN 2019 – Mesa Multilingiagem: Território das Artes
Quando: 26 de novembro, às 15h
Local: Sala King - Sede da Funceb (R. da Oração, 01 - Pelourinho, Salvador) Gratuito 


NAN 2019 – Oficina Caixa Mágica
Quando: 26 de novembro, das 9h às 12h
Local: Sala King - Sede da Funceb (R. da Oração, 01 - Pelourinho, Salvador) Gratuito 

 

NAN 2019 – Espetáculo Negreiro
Quando: 27 de novembro, às 15h
Local: Sala King - Sede da Funceb (R. da Oração, 01 - Pelourinho, Salvador) Gratuito 

 
NAN 2019 – O Casamento do Palhaço
Quando: 27 de novembro, às 16h
Local: Sala King - Sede da Funceb (R. da Oração, 01 - Pelourinho, Salvador) Gratuito 

 
NAN 2019 – Espetáculo Lugar de Preta
Quando: 28 de novembro, às 17h
Local: Sala King - Sede da Funceb (R. da Oração, 01 - Pelourinho, Salvador) Gratuito 

 
NAN 2019 – Sarauzinho da Calu
Quando: 29 de novembro, às 11h
Local: Sala King - Sede da Funceb (R. da Oração, 01 - Pelourinho, Salvador) Gratuito 
 

NAN 2019 – Oficina como se faz queerlombismo literário
Quando: 27 a 29 de novembro, das 14 às18h
Local: Sala Memorial TCA (Praça Dois de Julho, s/n - Campo Grande – Salvador) Gratuito 

 

NAN 2019 – Show Dão
Quando: 29 de novembro, 20h
Local: Largo Pedro Archanjo (Pelourinho) Gratuito

Sexta, 22 de Novembro de 2019 - 11:10

Milton Nascimento lembra censura da ditadura a disco: ‘Passamos a mensagem sem letra’

por Lara Teixeira / Rebeca Menezes

Milton Nascimento lembra censura da ditadura a disco: ‘Passamos a mensagem sem letra’
Foto: João Couto / Divulgação
Aos 77 anos, Milton Nascimento tem muito a contar e cantar. Com show da turnê Clube da Esquina marcado para este domingo (24), na Concha Acústica do Teatro Castro Alves, o artista contou ao Bahia Notícias que tem vivido “momentos maravilhosos” na estrada, ao mesmo tempo que recorda momentos intensos que viveu antes, durante e depois da gravação do disco.
 
Grande parte dos álbuns Clube da Esquina 1 e 2, lançados em 1972 e 1978, respectivamente, foi escrita em pleno regime militar. Mesmo com a censura a um disco praticamente inteiro, foi um dos poucos a não ir para o exílio. Na entrevista, o artista explica sua decisão de permanecer no Brasil e como resistiu ao regime: “passamos a mensagem mesmo sem letra”.
 
Milton resumiu ainda o que acha da nova geração da música brasileira. O cantor recentemente se envolveu em polêmica após dizer, em uma entrevista, que “a música brasileira tá uma merda”. Depois da repercussão, ele explicou em suas redes sociais que se referiu “exclusivamente à música feita no mainstream do mercado nacional”. Clique aqui e leia a entrevista completa!
V Concurso Para Escritores Escolares faz cerimônia de premiação no TCA
Foto: Divulgação / Lucas Rosário

Realizado com o objetivo de incentivar a leitura, além de fomentar e divulgar a produção literária baiana, o V Concurso para Escritores Escolares de Poesia e Redação realiza cerimônia de premiação, na próxima quinta-feira (28), a partir das 16h, no Foyer do Teatro Castro Alves, em Salvador.


Iniciativa da Diretoria do Livro e da Leitura (DLL), vinculada à Fundação Pedro Calmon (FPC), órgão da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult), o concurso este ano contou com mais de 1200 inscritos, com a participação de 232 escolas dos 27 Territórios de Identidade do estado.


Os vencedores receberão prêmios como tablets, kits contendo livros, pôster ilustrado em tamanho A2 do texto selecionado e leitor de e-book.

Festival de Jazz do Capão realiza sua 8ª edição neste fim de semana
César Camargo Mariano é uma das atrações | Foto: Divulgação

O Festival de Jazz do Capão chega à sua oitava edição neste fim de semana, na Praça da Vila do Capão, distrito de Caeté-Açú, localizado no município de Palmeiras, no Centro-Sul baiano, com participação de grandes nomes da música local, nacional e internacional.


Nesta sexta-feira (22), a partir das 20h, a Mostra Capão reúne o canto afro indígena do TerrAqua, as canções intuitivas de cura de Andréa Cathalá, e a roda de samba do Yayá Massemba, além de shows do guitarrista Nelson Veras e do sexteto do pianista e compositor Luã Almeida.


Já no sábado (23), também a partir das 20h, a Mostra Ufba conta com o Quarteto Alquife, a banda Kapelle17 (Alemanha) e o Cesar Camargo Mariano Trio, liderado pelo pianista, compositor, arranjador e produtor Cesar Camargo Mariano.


SERVIÇO
Sexta-feira, dia 22/11

Shows – Praça Principal do Vale do Capão – a partir das 20h
Atrações: Mostra Capão (TerrAqua, Andréa Cathalá, Yayá Massemba); Nelson Veras e Luã Almeida Sexteto
Workshops – Circo do Capão
14h – Improvisação e Composição Jazzísticas (Kapelle17)
16h – Cesar Camargo Mariano


Sábado, dia 23/11
Shows– Praça Principal do Vale do Capão – a partir das 20h
Atrações: Mostra UFBA (Quarteto Alquife); Kapelle17 (Alemanha) e Cesar Camargo Mariano Trio
Workshops – Circo do Capão
14h – Piano e Composição (Luã Almeida)
16h – Guitarra e Improvisação (Nelson Veras)

Diogo Nogueira apresenta o show 'Tá Faltando o Quê' na Concha Acústica
Foto: Divulgação / Guto Costa

Diogo Nogueira retorna ao palco da Concha Acústica do Teatro Castro Alves no dia 29 de novembro, com o show “Tá Faltando o Quê”. 


A apresentação, que acontece a partir das 21h, reúne seus maiores sucessos, clássicos do samba e da MPB, algumas canções de seu último disco “Munduê”, como a “Coragem”, e músicas inéditas mais atuais, a exemplo de “Vapor de Arerê” e “Tá Faltando o Quê”.


À venda na bilheteria do TCA, nos postos do SAC nos shoppings Barra e Bela Vista, ou pelo site Compre Ingressos, as entradas custam entre R$ 30 e R$ 120.


SERVIÇO
O QUÊ:
Diogo Nogueira no show “Tá Faltando o Quê”
QUANDO: Sexta-feira, 29 de novembro, às 19h30
ONDE: Concha Acústica do Teatro Castro Alves, Campo Grande
VALOR:  Plateia - R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia) | Camarote  – R$ 120 (inteira) e R$ 60 (meia)

Bailinho de Quinta recebe Daniela Mercury em ensaio neste sábado no Santo Antônio
Foto: Divulgação

O Bailinho de Quinta recebe Daniela Mercury como convidada especial para abrir sua temporada de ensaios de verão, neste sábado (23), a partir das 17h, na Chácara Baluarte, situada no bairro do Santo Antônio Além do Carmo, em Salvador. 


Na ocasião, o público poderá curtir ainda o show do grupo Skanibais e a discotecagem do DJ Thiagão. Os ingressos custam R$ 60 e estão à venda na plataforma Sympla e nas lojas Elementais.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Bailinho de Quinta 
QUANDO:  Sábado, 23 de novembro, às 17h
ONDE: Chácara Baluarte, Santo Antônio Além do Carmo - Salvador
VALOR: R$ 60 (inteira) no Sympla e nas lojas Elementais

Quinta, 21 de Novembro de 2019 - 20:50

Justiça proíbe venda de livro sobre Suzane Von Richthofen

por Folhapress

Justiça proíbe venda de livro sobre Suzane Von Richthofen
Foto: Reprodução / Record TV

Uma liminar da Justiça proibiu a publicação, a veiculação, a distribuição e a comercialização do livro "Suzane: Assassina e Manipuladora", do jornalista Ulisses Campbell. Previsto para ser publicado em janeiro pela editora Matrix, o título narra a vida da jovem condenada por ter arquitetado a morte dos pais, em 2002, e a sua trajetória dentro da prisão.

 

Anteriormente, a Justiça havia barrado em segunda instância um pedido de Suzane que pedia a proibição de veiculação da obra (relembre aqui). Agora, se descumprida, a nova decisão prevê multa diária de cinco salários mínimos, ou seja, R$ 4.490.

 

Segundo a decisão da juíza Sueli Zeraik de Oliveira Armani, do Tribunal de Justiça de São Paulo, é direito do preso "a proteção contra qualquer forma de sensacionalismo". Além disso, Armani afirma que informações e dados do livro estão sob sigilo. "A divulgação de dados relativos a processo judicial em segredo de justiça caracteriza abuso do direito-dever de informar", escreveu.

 

A juíza afirma também que Suzane Von Richthofen diz nunca ter tido contato com o autor da obra e conta ter sido perseguida e insistentemente assediada por Campbell em suas saídas temporárias.

 

Segundo o advogado Alexandre Fidalgo, que defende Ulisses Campbell, a decisão vai de encontro ao entendimento do Supremo Tribunal Federal. Por unanimidade, o STF liberou as biografias não autorizadas em 2015, para o tribunal, a exigência de autorização representaria uma censura.

 

"A juíza está proibindo um livro. Isso é censura prévia, porque ela não sabe o que será escrito nem qual será o conteúdo", afirma Fidalgo.

 

Paulo Tadeu, proprietário da editora Matrix, também define a decisão como censura. "A juíza não conhece o livro para tomar a decisão. Ela se baseou em uma entrevista", diz.

 

A obra seria publicada inicialmente pela editora Contexto, que desistiu do lançamento por causa da disputa judicial. Após a desistência, o livro foi adquirido pela Matrix.

 

A editora e a defesa do autor afirmam que irão recorrer da decisão.

 

O livro "Suzane: Assassina e Manipuladora" é o resultado de três anos de pesquisas do jornalista Ulisses Campbell sobre o caso e fruto de entrevistas com 56 pessoas. Em entrevista em abril, o autor conta que Von Richthofen foi ganhando aos poucos o respeito de outras detentas.

 

"O livro conta sobre como ela conseguiu essa ascensão na cadeia", disse o autor. Ainda segundo o jornalista, Von Richthofen afirmou não concordar com a produção do livros e de filmes inspirados no crime.

 

O crime também chegará aos cinemas em 2020. Dois filmes que relembram o caso estão previstos para o primeiro semestre: "A Menina que Matou os Pais" e "O Menino que Matou Meus Pais". 

 

Suzane foi condenada a 39 anos de prisão em 2002 por envolvimento na morte dos pais, assassinados a pauladas pelos irmãos Daniel e Cristian Cravinhos enquanto dormiam. Na ocasião, ela tinha 19 anos.

Quinta, 21 de Novembro de 2019 - 19:00

Giro: My Robot School em Salvador

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: My Robot School em Salvador
Luiz Sergio Marques e Claudia Ahmad

Os empresários Claudia Ahmad  e Luiz Sérgio Marques, franqueados da My Robot School em Salvador, inauguraram a primeira unidade da escola de robótica sul-coreana no norte-nordeste do Brasil. Em um coquetel para convidados muito bem selecionados, que está sendo realizado nessa quinta-feira, 21, no Centro Comercial do Hotel Quality (Stiep), eles apresentam os diferenciais da franquia, que promete ensinar crianças a partir de cinco anos, jovens e adultos a entender e dominar as tecnologias da Era Digital. A marca que fabrica os próprios kits de robótica utilizados pelos alunos e utiliza tecnologia de ponta se diferencia pela qualidade dos cursos oferecidos. Além disso, a empresa é responsável por organizar uma das maiores competições de robótica do mundo, o Campeonato Internacional Estudantil de Robótica, mais conhecido por sua tradução em inglês: International Youth Robot Competition (IYRC). Por essas e outras razões, a My Robot School está presente em mais de 15 países, conta com cerca de 350 unidades em todo o mundo e não para de expandir. (Por Cris Montenegro)

Sem isenção, cantores do BTS serão obrigados a se alistar no exército da Coreia do Sul
Foto: Divulgação

Os integrantes da banda de K-pop BTS serão obrigados a se alistar no exército da Coreia do Sul, após o governo revisar as isenções para atletas e músicos. De acordo com o portal Monet, existia uma regra que desobrigava tais profissionais que conquistaram prêmios internacionais dos serviços com a forças armadas do país asiático. 

 

Agora, com a reformulação dos critérios, os jovens mundialmente conhecidos terão um prazo para cumprir com as questões envolvendo o exército. O integrante mais velho do grupo, Jin de 28 anos, tem até 2020 para realizar o alistamento militar. Ao portal de notícias local, Yonhap News, o ministro da Cultura da Coreia do Sul, Park Yang-woo declarou que, por sua vontade, concederia o benefício para os integrantes do BTS.

 

"No caso do BTS, eu pessoalmente gostaria de permitir isenções para eles sob certos padrões, mas a Administração da Força Militar e o Ministério da Defesa Nacional [encarregado do recrutamento] tendem a reduzir o escopo geral [da isenção]. Diferentemente das artes ou esportes clássicos, é difícil fixar os critérios da seleção nos campos da cultura e das artes populares, o que dificulta a institucionalização [de um sistema de renúncia]”, disse. 

 

Antes da revisão dos critérios de isenção, em setembro do ano passado, o jogador da seleção sul-coreana de futebol, Heung-Min Son, escapou da obrigação do alistamento militar após vencer junto com sua equipe a final da modalidade nos Jogos Asiáticos realizado na Indonésia (relembre aqui). 

Com Yuri Marçal, humorista baiano Jhordan Matheus se destaca em entrevista no 'Conversa'
Foto: Reprodução / TV Globo

O humorista baiano Jhordan Matheus foi destaque na entrevista concedida ao jornalista Pedro Bial, no “Conversa” na madrugada desta quinta-feira (21). Ao lado do parceiro de palco Yuri Marçal, que juntos comandam o grupo de stand up “O Gueto”, o soteropolitano fez o público cair na risada, além de relembrar as fases iniciais de sua carreira.

 

Nascido e criado no bairro do Engenho Velho de Brotas, na capital baiana, Jhordan brincou ao mencionar por diversas vezes a localidade, após pedidos de amigos e vizinhos. Ele também se emocionou ao ver uma foto ao lado da avó Dona Maria e divertiu a plateia ao misturar humor com os desafios de quem vive na periferia. 

 

Com 25 anos e dois filhos, Matheus iniciou sua carreira no cinema aos 14 anos ao contracenar no filme “Capitães de Areia”. Na pele do personagem Boa Vida, ele pode rever uma cena do longa quando contracenou com a atriz Luciana Souza. 

 

“Capitães me deu norte, ele me deu arte na minha vida, ele me deu direção porque a arte transformou a minha vida. Estava conversando com meus amigos, e quando a gente acorda, a primeira coisa que a gente vê na nossa quebrada, é o tráfico. Então, o primeiro exemplo que temos de pessoas que venceram na vida, é do traficante da nossa quebrada, entendeu? E quando a gente vê um preto desse, que lota teatro com duas mil pessoas, eu, preto e favelado, chegar até aqui, é muito importante. Mostra que é possível. Hoje estou aqui com meus parceiros, com meus amigos, realizando um sonho”, disse Jhordan. Para conferir a entrevista completa (clique aqui). 

 

Na semana dedicada a Consciência Negra, além dos dois humoristas, Bial vai receber na madrugada da sexta-feira (22) as cantoras baianas Luedji Luna e Xênia França. 

Artista plástico cria painel de novo partido de Bolsonaro com uso de cartuchos de bala
Foto: Reprodução/Instagram

O artista plástico Rodrigo Camacho montou em dois dias um painel representando o futuro partido do presidente Jair Bolsonaro. Encomendada pelo deputado estadual Delegado Péricles (PSL-AM), a peça foi inteiramente confeccionada com o uso de cartuchos de balas doadas pelo exército. 

 

De acordo com o UOL, a obra ficou exposta em Brasília, nesta quinta-feira (21), na entrada do evento que lançou o futuro partido. Pessoas que passavam pelo local posaram ao lado da peça e algumas delas fizeram o símbolo da arma com as mãos, gesto amplamente utilizado pelo presidente, partidários e simpatizantes. 

 

Com 4 mil peças e pesando 50 kg, o painel foi composto por cartuchos de calibres .40, .50, 762 e 556. Questionado sobre o valor da obra, Camacho esclareceu que não cobrou nada pela confecção e que a quantia que deixou de receber seria revertida em projeção como artista por ter criado a tal peça.

 

Políticos de oposição repudiaram a criação da obra nas redes sociais, entre eles, a ex-candidata a vice presidente Manuela D’Ávila. “Um logo feito com balas na convenção do PSL. O que está nascendo é um partido ou um grupo paramilitar? Vamos lembrar a Constituição para essa gente”, disse a ex-deputada complementando a postagem com artigos e incisos da CF.  

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Um logo feito com balas na convenção do PSL. O que está nascendo é um partido ou um grupo paramilitar? Vamos lembrar a Constituição para essa gente: TÍTULO II DOS DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS CAPÍTULO I DOS DIREITOS E DEVERES INDIVIDUAIS E COLETIVOS (...)_ Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes: XVII - é plena a liberdade de associação para fins lícitos, VEDADA A DE CARÁTER PARAMILITAR. CAPÍTULO V DOS PARTIDOS POLÍTICOS Art. 17. É livre a criação, fusão, incorporação e extinção de partidos políticos, resguardados a soberania nacional, o regime democrático, o pluripartidarismo, os direitos fundamentais da pessoa humana e observados os seguintes preceitos: § 4º É vedada a utilização pelos partidos políticos de organização paramilitar.

Uma publicação compartilhada por Manuela d'Ávila (@manueladavila) em

Fest In Canto: Aramari recebe eliminatória de festival de música nesta sexta
Evento já passou por Entre Rios | Foto: Reprodução / Facebook

O município de Aramari, situado no Agreste baiano, recebe uma eliminatória do Fest In Canto - Festival Intercolegial de Novos Talentos da Música, nesta sexta-feira (22), a partir das 10h, durante a quarta edição do projeto Mai Cidadania.


Com o objetivo de estimular a produção artística local e revelar novos talentos do cenário musical da Bahia, o evento irá premiar os dois colocados em duas categorias: infantil e juvenil. O primeiro lugar de cada uma receberá R$ 600, enquanto o segundo levará R$ 400.


Além disso, os quatro selecionados na eliminatória terão a possibilidade de competir na final, que será realizada no dia 6 de dezembro, em Alagoinhas, junto aos candidatos de Conde, Alagoinhas, Entre Rios, Esplanada, Inhambupe e Itanagra. O campeão será premiado com a gravação de um CD autoral e mil cópias para divulgação.

Getúlio Abelha, Hiran e Illy são atrações do Intercenas Musicais neste fim de semana
Foto: Divulgação

Após a dupla nova-iorquina Oshun (clique aqui), o projeto Intercenas Musicais terá shows do piauiense Getúlio Abelha e dos baianos Hiran e Illy, neste fim de semana, no Commons Studio Bar, situado no bairro do Rio Vermelho, em Salvador.


Na sexta-feira (22), o público vai conferir o som do o rapper Hiran, que em sua música mistura os toques, beats, suingues, métricas e flows que passeiam entre o 'grimme' londrino, o funk carioca, o r&b norte-americano e a vasta gama de possibilidades musicais residentes em Salvador. 


No mesmo dia, se apresenta Getúlio Abelha, um artista piauiense, residente em Fortaleza há 8 anos, que Iniciou sua carreira musical há pouco mais de um ano, quando lançou seu primeiro single e clipe "Laricado". 


Já no sábado, Illy sobe ao palco com um som que passeia pela MPB e POP, com influências variadas, desde Gal Costa, Maria Bethânia e Elis Regina, passando por Amy Whinehouse e Laurin Hill, até Dorival Caymmi, Djavan e Novos Baianos. Na ocasião, o público poderá conferir as canções de seu primeiro álbum, “Voo Longe”, no qual a artista canta canções de autores como Chico César, Arnaldo Antunes, Djavan, J. Velloso, Quito Ribeiro, Jonas Sá, Alberto Continentino, Davi Moraes e Pedro Baby.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Intercenas Musicais
QUANDO: Dia 22/11 (sexta-feira) –Hiran e Getúlio Abelha e dia 23//11 (sábado) Illy
ONDE: Commons Studio Bar – Salvador (BA)
VALOR: R$ 10 (lote promocional) / R$ 15 (lista) / R$ 20 no local

Quinta, 21 de Novembro de 2019 - 14:00

Giro: Pelúcias personalizáveis

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Pelúcias personalizáveis
Julia e Marina Brasileiro

As pedagogas e irmãs Marina e Julia Brasileiro vão inaugurar, nesta quinta (21), no Salvador Shopping, a primeira unidade da franquia de pelúcias personalizáveis da Bahia - a Criamigos. Com uma proposta única no Brasil e na América Latina, a rede oferece aos clientes a possibilidade de criar o seu próprio bichinho de pelúcia, podendo escolher entre ursos, dinossauros, unicórnios, girafas, cachorros, gatos, zebras, porcos e outros, além de optar pelo nome, cor, forma, tamanho, roupas, acessórios e ainda gravar uma mensagem de voz. A proposta do negócio é resgatar o brincar em família e oferecer uma nova opção de entretenimento repleto de experiências e afetividade para adultos e crianças. Com quinze unidades espalhadas pelo Brasil, a Criamigos já transformou mais de 50 mil ursos em sonhos reais. (Por Cris Montenegro)

Escritora baiana, Mariana de Melo Soledade lança livro neste domingo no Seven Café 
Foto: Divulgação

A escritora baiana Mariana de Melo Soledade lança seu livro de estreia, “Enquanto isso a gente vive”, neste domingo (24), a partir das 16h, no Seven Café, localizado no Ondina Apart Hotel, em Salvador.


“Fala sobre ter coragem de tentar os primeiros passos, o desafio de se aceitar da forma que é, com todos os sentimentos complexos que temos por sermos humanos. Uma busca pela nossa melhor versão que já existe, mas está escondida, desacordada dentro de nós e acolhe-la com o abraço mais quente e aconchegante possível”, explica Mariana, sobre a obra composta por poemas, que sai pela editora Vecchio.

André Macêdo retorna ao Café Rubi com show em homenagem a Moraes Moreira
Foto: Divulgação

Integrante da família Macêdo e principal vos da banda Armandinho Dodô e Osmar, André Macêdo volta ao palco do Café Rubi nos dias 29 e 30 de novembro, às 20h30, com um show em homenagem a Moraes Moreira.


Nesta edição do projeto “André Canta Moraes” o artista receberá alguns convidados. Para a primeira noite, participam os cantores Márcia Short e Alexandre Leão, além de seu irmão, o músico Aroldo Macedo. Já na segunda apresentação, sobem ao palco ao lado de André os cantores Gerônimo Santana e Cláudia Cunha.


Menos voltado para o carnaval e mais centrado no lado MPB de Moraes, o repertório inclui tanto composições da carreira solo do homenageado, a exemplo de “Meninas do Brasil”, “Lá vem o Brasil Descendo a Ladeira”, “Sintonia” e “Pedaço de Canção”, quanto sucessos dos Novos Baianos como “Mistério do Planeta” e “Preta Pretinha”.

 
SERVIÇO
O QUÊ:
André Macêdo – André Canta Moraes
QUANDO: Sexta-feira e sábado, 29 e 30 de novembro, às 20h30
ONDE: Café Rubi – Wish Hotel da Bahia – Salvador (BA)
VALOR: Couvert artístico – R$ 60

Secult lança 'Retratos de Salvador', filme em homenagem ao Dia da Consciência Negra
Foto: Reprodução / Youtube

Em homenagem ao Dia Nacional da Consciência Negra, a Secretaria de Cultura e Turismo de Salvador lançou, nesta quarta-feira (20), o filme “Retratos de Salvador”. 


Gravado na Casa do Benin e no Espaço Pierre Verger e dividido em dois episódios de um minuto, a obra traz depoimentos dos fotógrafos Edgar Azevedo e Amanda Tropicana, que dão depoimentos sobre seus olhares a respeito da capital baiana e de como a cidade os inspira, além de falar sobre seus processos criativos e construções narrativas. 


Concebido pela Usina Digital, o projeto será divulgado nacional e internacionalmente e veiculado no Youtube e nas redes sociais do Visit Salvador da Bahia. “Vamos, através deste projeto, ressaltar a importância do negro na nossa sociedade e todo o processo de produção desses importantes fotógrafos. Tudo isso em dois lugares extremamente importantes do ponto de vista cultural de nossa cidade”, afirmou o secretário de Cultura e Turismo, Claudio Tinoco.

Coldplay aborta shows de nova turnê até adequá-los a formato sustentável 
Foto: Divulgação

O Coldplay anunciou que não fará shows de seu mais novo disco, “Everyday Life” - com lançamento previsto para esta sexta-feira (22) -, até garantir que as apresentações sejam realizadas em um formato ecologicamente sustentável, com um mínimo de impacto ambiental.


"Não vamos fazer turnê para este disco. Nós vamos tirar um ano ou dois para pensar em como nossas turnês podem ser não apenas sustentáveis, mas como podem ser ativamente benéficas", revelou o vocalista da banda, Chris Martin, em entrevista à BBC News (clique aqui).


"Nossa próxima turnê será a melhor versão possível de uma turnê sustentável. Ficaríamos desapontados se não fosse carbono neutro", garantiu o músico, destacando os desafios para minimizar os danos ao meio ambiente. "A coisa mais difícil é a parte aérea. Mas, por exemplo, nosso sonho é ter um show sem nenhum uso de plástico, com grande uso de energia solar", contou. "Todos nós temos que buscar a melhor maneira de fazer nosso trabalho", ressaltou.

Quinta, 21 de Novembro de 2019 - 10:20

Chargista atacado por coronel diz que já criticou Dilma, Lula, Collor e FHC

por Gustavo Fioratti | Folhapress

Chargista atacado por coronel diz que já criticou Dilma, Lula, Collor e FHC
Foto: Reprodução / Fora do Eixo

Não foi a primeira vez que o ilustrador Carlos Latuff criticou a polícia numa charge. O autor do quadro quebrado pelo deputado do PSL paulista Coronel Tadeu – o trabalho faz parte de uma mostra que comemora o Dia da Consciência Negra no Congresso e mostrava um negro morto por um policial-- tem um histórico de trabalhos críticos à forças do Estado em todo o mundo.

Latuff diz que não é ligado a nenhum partido. Ele inclusive produziu em 2013, mesmo ano da charge vandalizada, um trabalho em que a petista Dilma Rousseff, então presidente da República, carregava um coronel no colo, de costas para um manifestante que questionava "e eu, Dilma?" enquanto era espancado pela tropa de choque.

Era referência a um comentário que a presidente fizera em apoio a um oficial agredido depois de um protesto em São Paulo, durante as manifestações de junho daquele ano.

Filho de uma dona de casa e de um auxiliar de portaria do extinto Instituto Brasileiro do Café, o carioca foi office boy na adolescência, iniciou carreira como chargista em entidades sindicais e, mais tarde, fez carreira em periódicos alinhados à esquerda.

Um de seus primeiros empregos foi no Sindicado dos Estivadores, no Rio de Janeiro. Com o correr dos anos, ele passou a produzir para publicações de esquerda como o portal Brasil de Fato. Desenhou não só para periódicos em território nacional, mas também nos Estados Unidos, no Oriente Médio e na Europa.

Latuff conta que já fez charges críticas aos governos Lula, Dilma, Fernando Henrique e Collor. "Nunca me furtei a isso, seja lá qual tenha sido o presidente", diz. Ele não tem ligação com grupos ativistas. "Sou 'artivista'. Por meio da minha arte, acabo apoiando causas sociais pelo Brasil e pelo mundo."

A expressão crítica ao governo ganhou mais terreno, porém, na gestão de Bolsonaro. Desde quando era candidato, o atual presidente é associado por Latuff à suástica, o símbolo máximo do nazismo. "O que determina o tom das charges é o tom das barbaridades políticas. Sejam as sandices do Bolsonaro e seus ministros, sejam os conflitos pelo mundo, Iêmen, Síria, Palestina, ou mesmo a violência policial. São assuntos que requerem um tratamento diferenciado", diz.

Os conflitos em países árabes e no Oriente Médio são frequentes nas obras de Latuff. Ele enfrentou críticas duras quando foi premiado em uma exposição no Irã em 2006. A mostra era uma resposta à publicação de charges sobre o profeta Maomé por um diário dinamarquês --há segmentos do islamismo que não admitem representações do profeta. Latuff caracterizou um palestino do mesmo jeito que um prisioneiro de campo de concentração e foi tachado de antissemita.

"Tenho sido alvo de campanhas de difamação por parte de indivíduos e organizações pró-Israel por causa dessas charges. Eu recebo normalmente as críticas e refuto as acusações de antissemitismo, porque hoje qualquer crítica que se faça contra Israel em relação aos palestinos é tachada de antissemita", diz.

"Trata-se inclusive de uma tentativa de criminalizar as críticas ao Estado de Israel. As questões raciais e religiosas são pano de fundo para mascarar a verdadeira natureza daquele problema, que é o neocolonialismo. O que se tenta fazer na palestina é uma limpeza étnica."

Sobre as técnicas de desenho que ele prefere, Latuff se vê como um "chargista da velha escola". "Uso lápis, borracha, caneta. Hoje, fazem muita coisa no tablet, mas gosto das técnicas tradicionais dos cartunistas e chargistas do passado", diz. 

Nesta quarta, deputados da bancada negra que organizaram a mostra da qual ele participou no Congresso imprimiram a mesma charge rasgada pelo coronel Tadeu e coloram diversas cópias nos corredores do Congresso.

O desenho, feito em 2013, mostra um jovem negro morto, vestindo uma camisa com estampa da bandeira brasileira e algemado com as mãos para trás aos pés de um policial com pistola fumegante deixando o local. É uma crítica ao fato de a maioria das vítimas da violência policial ser negra – 75,4% dos mortos em intervenções policiais são negros, segundo dados deste ano do Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Depois de uma conversa do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, com a bancada da bala e bancada negra, ficou acertado que a imagem retornará à mostra no Congresso, e ao lado será exibido um cartaz afirmando que "a bancada negra sabe que essa charge não representa toda a corporação e respeita os policiais que não corroboram para essas estatísticas e trabalham em prol do povo brasileiro".

Diretor de 'O Quatrilho' e 'Lula, o Filho do Brasil', Fábio Barreto morre aos 62 anos
Foto: Divulgação / Globo Filmes

Depois de dez anos em coma, por consequência de um acidente de carro, o cineasta Fábio Barreto morreu, nesta quarta-feira (20), aos 62 anos, no Rio de Janeiro. O artista, que estava internado no Hospital Samaritano, será velado na manhã desta sexta-feira (22). A cremação acontece pela tarde. 


De acordo com informações da Folha de S. Paulo, não foi divulgada a causa da morte do cineasta, que dirigiu filmes como “O Quatrilho”, que rendeu uma indicação ao Oscar de melhor filme em língua estrangeira, em 1996, e "Lula, o Filho do Brasil", que chegou a ser escolhido para representar o país no Oscar de 2011, recebeu diversas críticas, e acabou não sendo indicado.


"Muito triste... Fábio foi um grande companheiro e diretor talentoso e delicado em 'O Quatrilho', filme que tive o grande prazer em fazer e que foi candidato ao Oscar de Melhor filme estrangeiro. Todo meu carinho à família", comentou Patrícia Pillar, em sua conta no Twitter. 

 

"RIP meu querido Fabio Barreto, meu diretor em Luizia Homem. Vai com Deus", comentou José de Abreu, em referência a outra obra do cineasta. 

 

"Quem nos deixou hoje, aos 62 anos, foi o cineasta brasileiro Fábio Barreto. Ele deu início à retomada do cinema nacional com 'O Quatrilho', além de ter dirigido outras grandes produções. Fica aqui meu abraço forte e sentimentos à família", lamentou Walcyr Carrasco.


Fábio é filho da produtora Lucy Barreto e do produtor Luiz Carlos Barreto, conhecido como Barretão, que trabalhou em obras clássicas do cinema novo, a exemplo de “Vidas Secas”, de Nelson Pereira dos Santos) e "Terra em Transe", do baiano Glauber Rocha. Ele também é irmão de dois cineastas: Bruno Barreto, que dirigiu "Dona Flor e Seus Dois Maridos" e "O que É Isso, Companheiro"; e Paula, que produziu filmes como "Ela Disse, Ele Disse" e "Flores Raras".

Prazo de inscrições para ocupação da Sala do Coro é prorrogado até a próxima segunda
Foto: Divulgação

Encerrado nesta quarta-feira (20) (clique aqui), foi prorrogado para a próxima segunda-feira (25), o prazo para as inscrições para a convocatória de ocupação da Sala do Coro do Teatro Castro Alves, no período do primeiro semestre de 2020.


Os interessados devem inscrever seus projetos online, através dos sites www.tca.ba.gov.br e www.fundacaocultural.ba.gov.br. Podem participar propostas de artes visuais, audiovisual, circo, dança, performance, teatro, música, literatura e multilinguagens, assinadas por pessoas jurídicas de natureza artístico-cultural, da Bahia ou de outros estados.

'Encarceradas': Teatro Gamboa Nova recebe espetáculo sobre universo de mulheres presas
Foto: Divulgação

A partir do resgate das dramáticas histórias das mulheres presas na Bahia, o espetáculo “Encarceradas”, do Grupo Recorte de Teatro, faz curta temporada, neste sábado (23) e domingo (24), no Teatro Gamboa Nova, em Salvador, dentro do projeto “Se Mostra Interior”.


“Decidi falar, pois pouco se diz ou nada se fala sobre estas mulheres”, explica o ator e diretor feirense Fernando Souza. “Conversando com um amigo na mesa do bar me surgiu o interesse de conhecer essas histórias muito pela ausência de informações. Ali mesmo começamos a rascunhar algumas direções”, acrescentou Sousa, que iniciou as pesquisas com a leitura do livro “Prisioneiras” (2017), de Drauzio Varella, e seguiu sua imersão no tema em visitas ao Complexo Penal de Feira de Santana.


“O abandono familiar é algo marcante. Soube o caso de uma mãe que tinha um filho e uma filha presos, mas ela só visitava o filho. Percebi como o machismo ressoa nestas histórias, garantindo ao rapaz a possibilidade de ser ‘traquino’ e absolvido pela família, enquanto a mulher não tinha outra chance”, contou o diretor.


O elenco, que também fez um intenso trabalho de preparação em espaços reduzidos e com poucos materiais de higiene, é formado por Elidiane Souza, Carol Acos, Geisa Leite, Taty Alves, Daiane Cruz, Bruna Luz e Aníbal Bastos.


SERVIÇO
O QUÊ:
“Encarceradas”
QUANDO: 23 e 24 de novembro. Sábado, às 16h e às 19h e domingo, às 17h
ONDE: Teatro Gamboa Nova – Salvador (BA)
VALOR: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Histórico de Conteúdo