Mário Cravo apresenta melhora, mas quadro de saúde ainda é grave
Foto: Divulgação

O artista plástico baiano Mário Cravo, de 95 anos, segue apresentando melhora no quadro de saúde, mas seu estado ainda é grave, de acordo com boletim médico divulgado neste domingo (22) pelo Hospital Teresa de Lisieux.

 

Cravo está internado na unidade desde a última terça-feira (17), após apresentar quadro de infecção por pneumonia com disfunção renal. Segundo o hospital, por causa do estado grave de saúde, o artista está sendo monitorado e avaliado constantemente pelos profissionais do local. Ainda não há previsão de alta. 

 

Mário Cravo é o último modernista baiano vivo. Entre os locais de Salvador que possuem obras expostas dele está o Parque de Pituaçu. O local possui, ao todo, três mil peças do artista plástico.

Advogado baiano assume coordenação jurídica nacional da campanha de Bolsonaro
Foto: Divulgação

O baiano Thiago Ayres será o coordenador jurídico nacional da campanha de Jair Bolsonaro (PSL) à presidência da República. O anúncio deve ser oficializado ainda neste domingo (22), durante a convenção nacional do Partido Social Liberal (PSL). Ayres já advogou para o deputado carioca em diversas causas, como em maio deste ano, quando o Ministério Público Eleitoral da Bahia formulou um pedido contra a recepção de Bolsonaro no aeroporto de Salvador, sob a alegação de que o evento se caracterizaria como propaganda eleitoral antecipada. Com mestrado em Direito Público pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), Thiago Ayres será o primeiro baiano a coordenar o jurídico de uma campanha presidencial.

Vila Velha promove jantar e bate-papo com Marcio Meirelles sobre peça ‘Por que Hécuba’
Foto: Dan Figliuolo / Divulgação

O Teatro Vila Velha realiza, na próxima terça-feira (24), às 20h, um bate-papo gastronômico com o diretor Marcio Meirelles sobre o processo de reposição do espetáculo “Por que Hécuba”, do grupo Teatro dos Novos. A montagem conta a história da rainha que teve a sua vida completamente devastada e seus 20 filhos e marido assassinados, na lendária e milenar Guerra de Tróia.  Para o deleite dos deuses e para mantê-los juntos à sí, ela então devora as cinzas das suas crias. Durante o evento, que recebeu o nome de “Devorando Hécuba – Um Jantar em Processo”, o dramaturgo propõe que o público também “devore” a reinvenção de Hécuba do dramaturgo Matéi Visniec. Para isto, além do debate, o artista, que também assina figurino, cenografia e iluminação do espetáculo, também irá servir uma outra especialidade sua, o Fusilli à Putanesca. A entrada para o bate-papo é gratuita, já o prato custa R$ 25 ou R$ 30 com uma taça de vinho.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Devorando Hécuba – Um Jantar em Processo
QUANDO: Terça-feira, 24 de julho, às 20h
ONDE: Teatro Vila Velha – Salvador (BA)
VALOR: Entrada para o bate-papo é gratuita, já o prato custa R$ 25 ou R$ 30 com uma taça de vinho

Domingo, 22 de Julho de 2018 - 07:40

MBL leva grupo, mas nega ato contra exposição 'C* é lindo' em espaço de exibição

por João Brandão

MBL leva grupo, mas nega ato contra exposição 'C* é lindo' em espaço de exibição
Foto: João Brandão / Bahia Notícias

O Movimento Brasil Livre (MBL) procurou o Bahia Notícias na manhã deste domingo (22) para negar que programou um ato no Goethe-Institut Salvador (veja aqui), contra a exposição 'Cu é Lindo', que criou polêmica ao retratar corpo gay com apoio do governo da Bahia, apesar de levando a “população” enxergar com os próprios olhos.

“O MBL deixa claro que o que está sendo exposto não é da nossa conta. A população foi à galeria da arte para que visse com os próprios olhos o que está sendo exposto, para saber se justifica o gasto do contribuinte baiano”, disse o coordenador do MBL na Bahia, Siqueira Campos.

De acordo com Siqueira, que foi lá neste sábado (21), havia duas viaturas da Polícia Militar e cerca de 20 policiais. “Não queriam que a gente nem tirasse foto, nem que filmássemos. Não fomos lá fazer protesto nem nada, fomos lá como pessoas normais, para saber se o que está sendo exposto significa gasto com dinheiro público. Sem vandalismo, sem agressão”, afirmou.

Ele ainda disse que visitou a exposição. “Repudio os R$ 131 mil gastos em fotos coladas na parede”, completou.

Espaço fecha as portas neste sábado após MBL marcar ato contra exposição 'C* é lindo'
Foto: Reprodução / Google Street View

O Goethe-Institut Salvador fechou as portas e contou com reforço na segurança durante a tarde deste sábado (21). De acordo com informações do Correio, o espaço decidiu não abrir após o Movimento Brasil Livre (MBL) marcar um ato no local em protesto contra a exposição 'Cu é Lindo', que criou polêmica ao retratar corpo gay com apoio do governo da Bahia (veja mais).

 

Por conta do fechamento, outros eventos que aconteceriam no local neste sábado precisaram ser transferidos. O espaço deve voltar a funcionar normalmente na próxima segunda-feira (23). Uma equipe da Polícia Militar e seguranças particulares estavam na frente do local no início da tarde. Em nota, o Goethe-Institut Salvador lamentou as manifestações que incitem o ódio e as ameaças à liberdade de expressão.

 

"Em nenhum momento foi intenção do projeto ou do Instituto ofender. Respeitamos todas as crenças, manifestações e liberdade de expressão. O Goethe-Institut, como instituição cultural presente em mais de 90 países, dialoga intensamente com as sociedades locais e fomenta o debate, participação e atuação artística e cultural", diz o texto enviado ao Correio.

HQ do brasileiro Marcelo D'Salete vence o Eisner, maior prêmio de quadrinhos do mundo
Foto: Reprodução / Página de "Cumbe" / HQ de Marcelo D'Salete

O quadrinista paulistano Marcelo D'Salete venceu na última sexta (20) o Eisner, maior prêmio de quadrinhos do mundo, com a obra "Cumbe". Lançada no Brasil em 2014 pela Veneta, a HQ concorria à categoria melhor edição americana de material estrangeiro. A trama se baseia em relatos e documentos reais para narrar as histórias de quatro escravos no período colonial. Criado em homenagem ao quadrinista e ilustrador americano Will Eisner, o prêmio Eisner é distribuído anualmente durante a Comic Con San Diego, na Califórnia, e premia quadrinistas em diversas categorias. "A obra 'Cumbe' é parte do momento singular do quadrinho nacional, representado por inúmeros autores com uma excelente produção. Já houve outros brasileiros premiados com o Eisner e, nessa toada, certamente ainda teremos mais obras reconhecidas nacional e internacionalmente", escreveu o autor em postagem em seu blog que comenta a premiação. 'Cumbe' foi um dos resultados de um processo de pesquisa iniciado em 2004 com leituras sobre o quilombo dos Palmares. O estudo também resultou em uma outra obra, "Angola Janga", lançada no Brasil em 2017 também pela Veneta. Palavra de origem quimbundo, cumbe significa força, fogo, luz e simboliza as tentativas dos quatro escravos das histórias, que tentam, cada um à sua maneira, lutar contra o sistema escravista. Desde sua publicação no Brasil, "Cumbe" já foi lançado nos EUA, na França, na Áustria, na Itália e em Portugal. Segundo afirmou o autor em entrevista à Folha em na última segunda (16), isso demonstra o interesse crescente do público estrangeiro de compreender questões relacionadas ao período escravista no Brasil. "Talvez isso se deva ao fato de que hoje temos um público negro de leitores cada vez maior e um público não negro também muito interessado. Acredito que isso venha da vontade de compreender melhor nossa sociedade". 

Sábado, 21 de Julho de 2018 - 14:00

Cenógrafo carioca Hélio Eichbaur morre aos 76 anos

Cenógrafo carioca Hélio Eichbaur morre aos 76 anos
Foto: Divulgação

O cenógrafo carioca Hélio Eichbauer morreu nesta sexta-feira (20), aos 76 anos. O velório ocorre neste sábado, na Capela 8 do Memorial do Carmo, no Rio, começou ás 10h e irá até às 16h. De acordo com a Folha, Eichbauer foi responsável pelo cenário da montagem do Teatro Oficina para "O Rei da Vela", peça de Oswald de Andrade, que ganhou destaque em 1967 e no ano passado, quando a peça voltou aos cartazes. Além disso, Hélio produzia cenários para shows e tinha como parceiros Caetano Veloso e Chico Buarque. O cenógrafo foi homenageado na edição do ano passado do Prêmio Shell no Rio de Janeiro por ter contribuído ao longo de 50 anos pela renovação da cenografia teatral brasileira. 

Sábado, 21 de Julho de 2018 - 10:50

Taylor Swift e Jennifer Hudson devem estar em filme do musical 'Cats'

por Folhapress

Taylor Swift e Jennifer Hudson devem estar em filme do musical 'Cats'
Foto: Divulgação / Getty Images

As cantoras Taylor Swift e Jennifer Hudson devem estrelar a adaptação do musical "Cats" no cinema, ao lado do ator Ian McKellen e de James Corden, segundo a revista The Hollywood Reporter. O longa, que ainda não tem data para chegar aos cinemas, será dirigido por Tom Hooper, que ganhou o Oscar de melhor diretor em 2011 por "O Discurso do Rei", além de ter trabalhado na adaptação de "Os Miseráveis". "Cats", baseado nos poemas de T.S. Elliot e composto por Andrew Lloyd Webber, estreou em Londres em 1981 e foi encenado na Broadway de 1982 a 2000. Segundo a publicação, Hudson deve interpretar a personagem Grizabella, uma gata que já foi glamourosa e busca ser aceita; McKellen faria Old Deuteronomy, um ansião líder do grupo de gatos; e Swift estaria cotada para fazer Bombalurina, uma sedutora gata vermelha. A produção do filme está programada para começar neste ano, no Reino Unido, mas nenhuma data foi divulgada ainda.

Sábado, 21 de Julho de 2018 - 10:30

Coluna Literatura: Leia 'Os agentes em perigo', de Carlos Navarro

por Carlos Navarro Filho

Coluna Literatura: Leia 'Os agentes em perigo', de Carlos Navarro
Foto: Arquivo Pessoal

Cena da redação de jornal, em plena ditadura, na qual foi montado o projeto Boquira, com a formação de um pool de jornais capaz de publicar a denúncia dos crimes da Penarroya sem grandes sobressaltos, a distribuição de tarefas, a viagem ao local da mina e o clima político vigente. O livro, lançado em Boquira com grande sucesso e forte impacto na população mais jovem, será lançado também para os boquirenses residentes em Salvador na tarde do dia 12 de agosto, no Cesub – Centro dos Estudantes Secundaristas e Universitários de Boquira, na Rua da Mangueira 27, em Nazaré. Haverá ainda um lançamento em Santo Amaro da Purificação e o de Salvador, que ficarão para setembro. Clique aqui para ler.

Especialistas ensinam a embelezar ambientes com arranjos caseiros neste sábado
Foto: Divulgação / TropyFlora

A arte de produzir arranjos e deixar a casa mais elegante será o ponto de partida para um café da manhã neste sábado (21) que apresentará o novo showroom da marca TropyFlora, especialista em comercialização de Flores e Folhagens Tropicais, para Salvador.

 

A empresa é uma das principais fornecedoras de eventos de grandes portes na Bahia e apresentará o seu novo showroom em um evento que vai ensinar aos  seus clientes e parceiros as principais técnicas para a confecção desse tipo de arranjo. O objetivo do encontro é desmistificar o tão comentado “faça você mesmo” que chegou ao mercado de flores, mas precisam de técnicas especiais para que sejam feitos com beleza, charme e exclusividade.

 

No encontro, serão utilizadas as Flores e Folhagens Tropicais, tendência atual na decoração, cultivadas na fazenda da família dona da empresa, em Simões Filho, onde o negócio começou exclusivamente com no cultivo dessas plantas. Para isso, um bate papo com as duas sócias, Tânia Regina Oliveira, especialista no cultivo, armazenagem e manipulação das flores e Tatiana Simoni, será o ponto de partida para o movimento conhecido como “faça você mesmo” ou “Do It Yourself”.

 

“Um arranjo deve ser visto como uma obra de arte, de pouca durabilidade, mas com a mesma função que é de impactar positivamente os seus convidados”, explica Tatiana, que há mais de 15 anos atua como professora em cursos que abordam eventos, etiqueta social e mesa posta. O evento, somente para convidados, tem vagas limitadas, acontece das 08 às 11h, no Showroom da Tropyflora, no Bonocô.

 

SERVIÇO:
O QUÊ: Café com Flores – Worksop de arranjos naturais na Tropyflora
QUANDO: Sábado, 21, das 08 às 11h.
LOCAL: Show Room da Tropyflora - Bonocô Center - Bonocô
VALOR: Gratuito e para convidados

 

Sábado, 21 de Julho de 2018 - 00:00

Rodado na Bahia, longa de Geraldo Sarno remonta pré-canganço e discute injustiça

por Jamile Amine

Rodado na Bahia, longa de Geraldo Sarno remonta pré-canganço e discute injustiça
Foto: Divulgação

Sertão dos anos 1920 e cangaço pré-Lampião. Este é o pano de fundo de “Sertânia”, o mais novo filme de ficção do cineasta baiano Geraldo Sarno, que ao longo de mais de 50 anos de carreira tem abordado em suas produções a cultura popular, a história nacional e suas problemáticas. Com cenas rodadas nos municípios de Milagres, Brumado e Vitória da Conquista, o longa-metragem conta a história de Antão, um homem que nasceu em Canudos e que com o fim da guerra, ainda criança, é levado por um militar a São Paulo, junto com sua mãe. Após a morte dela, já adulto, ele decide retornar e acaba se metendo no mundo do cangaço, na cidade fictícia de Sertânia, onde recebe outros dois nomes: Jararaca e Gavião. Contada de forma subjetiva e não linear, a história é uma projeção dos pensamentos do protagonista, que, segundo o diretor, na verdade é um anti-herói. “Se passa na cabeça, na memória dele. Porque ele foi ferido com uma bala no peito, e o filme começa com ele se arrastando na caatinga e se escondendo”, narra Geraldo Sarno. “Ele delirante, febril, caído na caatinga, aguardando a volta do grupo, que não volta”, contextualiza. 


Cronologicamente, tudo isso se passa em um dia, desde o ferimento à prisão, mas as memórias do protagonista remontam sua vida inteira, levando-o de volta à infância e à sua cidade natal. “O delírio que lhe ocorre quando ele no sonho retorna a Canudos para buscar o pai, que foi morto lá quando ele era menino. Ele reprimiu essa memória do pai morto e volta pro sertão, na verdade, nesta busca”, explica o diretor. “Ele faz uma viagem ao inferno e o inferno dele é Canudos destruída”, acrescenta. 


Quem dá vida ao personagem é o músico e ator Vertin Moura, que nasceu em Juazeiro, na Bahia, cresceu em Arcoverde (PE) e hoje reside em São Paulo. “O personagem Antão tem um link na história com o povo brasileiro. O povo sofrido, injustiçado, massacrado pelos poderosos, por gente que veio nas caravelas”, avalia o artista. “Por que eu estou dizendo isso? Porque o Antão é um filho de um vaqueiro nordestino do sertão, de um cara que vive e cuida da terra. E aí tem o massacre de Canudos, quando ele ainda era criança, e ele vê o pai ser morto pelas tropas do Exército Brasileiro. Isso tudo é o subtexto do personagem”, diz Vertin.

 


História se passa nos delírios e na memória do protagonista | Foto: Divulgação


O ator aponta ainda a complexidade de Antão, que de início envereda para o caminho do exército, influenciado pelo militar que lhe levou para a cidade grande, mas logo volta para resgatar sua história. “Esse movimento de retorno faz ele entrar nesse pré-cangaço. Isso significa a busca da identidade dele, de reconhecer quem ele era, de ele estar de um lado e ver que o lado dele era o dos injustiçados. E isso era confuso. O cangaço brasileiro era o quê? O jagunço, que era o prestador de serviço da própria polícia. Então o cangaço começa numa extensão dos poderosos para continuar mantendo seu poder a força. O Antão simboliza o personagem do rompimento desse jagunço que presta serviço pro militar”, defende o ator, lembrando que, através do roteiro lúdico e poético de Geraldo Sarno, seu personagem é a pessoa que tenta romper o sistema ao perceber como o bando, afinal, está contra o próprio povo, como marionete dos poderosos. “Antão representa a pessoa que vê as coisas. E o cara que vê as coisas sempre morre, é tirado de cena. Ele vê as injustiças, o povo passando fome, vê as negociatas que existem nas sociedades e entre os poderosos”, explica Vertin, colocando o Gavião como peça chave da transformação, que futuramente viria a ser o cangaço de Lampião, que “já não é mais um braço da máquina do governo”.
 
O longa-metragem “Sertânia” teve todas as cenas gravadas em junho deste ano, com grande participação da população de Milagres e Brumado. “O filme é feito através de edital de filmes de baixo orçamento, de estímulo à criação, e tivemos apoios locais, como das prefeituras”, conta Geraldo Sarno. “Agora vamos nos dedicar à montagem e ver se o filme fica pronto até o final do ano”, acrescenta.

Museu da Misericórdia recebe exposição sobre santos juninos
Foto: Divulgação

A exposição "Antônio, João e Pedro - três faces da fé" que está no Museu da Misericórdia foi prorrogada até o dia 29 de julho. A Mostra tem o intuito de fazer o público interessado pelos santos juninos fazerem uma imersão pela suas histórias, vidas, crenças e costumes. A exposição conta com nove esculturas, sendo quatro relacionadas a São Pedro, duas a São João e três a Santo Antônio. As obras são do acervo do próprio Museu da Misericórdia, do Museu Aberlado Rodrigues, da Loja Brasil Açu e de coleções particulares. O Museu funciona de terça a sexta das 8h30 às 17h30, aos sábados, das 9h às 17h, e aos domingos e feriados, das 12h às 17h. O ingresso custa R$ 6 a inteira e R$ 3 a meia entrada.  

 

SERVIÇO
O QUÊ: Exposição Antônio, João e Pedro - três faces da fé
ONDE: Museu da Misericórdia (Rua da Misericórdia, nº 6, Praça da Sé, Salvador)
QUANDO: até 29 de julho. Terça a sexta, das 8h30 às 17h30; sábados, das 9h às 17h; e domingos e feriados, das 12h às 17h
VALOR: R$ 3 (meia) e R$ 6 (inteira)

IIº Festival Barris de Música apresenta 5 atrações da nova cena musical baiana
Foto: Divulgação

A segunda edição do Festival Barris de Música irá ocorrer no Velho Espanha Bar e Cultura, entre os dias 27 e 29 de julho. O evento irá contar com cinco atrações da nova cena musical baiana como Grupo Botequim, Vitrola Baiana, Skanibais Ska Orquestra, Sátyra Carvalho (ex-Olodum) e a nigeriana Okewi Odili.Para comemorar um ano da reinauguração do Bar do Espanha, o Festival irá iniciar sua programação na sexta-feira (27), às 18h, como grupo de samba Botequim, que tocará canções do seu disco "Festa no  Botequim" e clássicos de Caymmi, Candeia, Batatinha e Roque Ferreira. Já no sábado (28), o evento será comandado pela banda Vitrola Baiana, que mistura ritmos tradicionais como o pagode e o samba reggar, com elementos de música eletrônica e africanidades e irá seguir com a Skanibais Ska Orquestra, que apresenta o ritmo jamaicano Ska com o som das filarmônicas do Recôncavo Baiano. No domingo (29), a ex-vocalista da Banda Olodum Sátyra Carvalo, irá apresentar seu show solo e depois a nigeriana radicana na Bahia, Okwei Odili, apresenta seu show com músicas que misturam afrobeat e highlife, além de clássicos da Soul Music. O pagamento do evento funcionada com o esquema pague quanto puder.

 

SERVIÇO
O QUÊ: IIº Festival Barris de Música
QUANDO: 27 de julho às 16h, 28 e 29 de julho às 16h
ONDE: Velho Espanha Bar e Cultura (Rua General Labatut, 38, Barris)
VALOR: Esquema pague quanto puder

Nova atriz de 'Doctor Who' afirma ter recebido o mesmo salário dos seus antecessores
Foto: Divulgação

A atriz Jodie Whittaker, primeira mulher a interpretar o papel principal da série britânica "Doctor Who", contou durante a San Diego Comic-Con, que recebeu o mesmo salário que os seus antecessores como Peter Capaldi e David Tennant. De acordo com informações da Veja, a atriz contou à agência britânica Press Association, que não houve uma diferença salarial pelo fato dela ser mulher. "Como uma mulher nessa indústria, seria ingênuo não ter consciência das diferenças de salário, mas isso não foi parte dessa série. Ninguém vai sugerir que você receba menos pelo papel (de protagonista da série) porque você é mulher, e eles não fizeram isso", disse Jodie. A BBC, emissora que produz o seriado, recebeu críticas de diversas atrizes, no ano passado, por causa das diferenças salariais entre homens e mulheres. Vale lembrar o caso que envolveu o serviço de streaming Netflix, quando descobriram que a atriz Claire Foy, da série "The Crown", mesmo sendo a protagonista, ganhava menos que o seu parceiro na série, o ator Matt Smith, que interpretou o Doctor Who entre 2010 e 2013.  

Sexta, 20 de Julho de 2018 - 18:50

Objetos e obras de arte de Robin Williams serão leiloados em Nova York

por Folhapress

Objetos e obras de arte de Robin Williams serão leiloados em Nova York
Foto: Divulgação

Esculturas, pinturas, relógios e objetos religiosos pertencentes ao ator americano Robin Williams, morto em 2014, e sua segunda mulher, Marsha, serão postos à venda pela casa de leilões Sotheby's, em Nova York. Entre as dezenas de lotes que serão oferecidos estão artigos do mundo do cinema, como acessórios de filmagens e figurinos, além de prêmios e roteiros autografados. Um dos itens é uma toga usada por Daniel Radcliff na saga "Harry Potter" - cuja venda está estimada entre US$ 10 mil e US$ 15 mil (em torno de R$ 37,8 mil e R$ 56,7 mil). A coleção também inclui obras de arte moderna e contemporânea, como uma escultura de Niki de Saint Phalle, além de outras obras de grandes artistas de rua, como Banksy, Shepard Fairey e o francês Invader. Uma parte dos lucros será destinada a organizações sem fins lucrativos, como o Wounded Warrior Project, que trabalha com feridos em conflitos armados, e a Juilliard School, uma prestigiada escola de música, teatro e dança sediada em Nova York. 

 

Williams ganhou um Oscar em 1998 por seu papel coadjuvante em "Gênio Indomável". Pai de três filhos, ele era conhecido por sua enorme energia e capacidade de improvisar piadas e estrelou filmes de sucesso como "Bom dia, Vietnã" e "Uma babá quase perfeita". Marsha, produtora de filmes e filantropa, foi sua segunda mulher. Eles foram casados de 1989 a 2010 e tiveram dois filhos. Williams cometeu suicídio aos 63 anos. Sua viúva e terceira mulher, Susan Schneider, revelou mais tarde que ele sofria de Demência de Corpos de Lewy, uma doença neurodegenerativa que altera o humor e os movimentos e causa alucinações.

James Gunn é demitido de Guardiões da Galáxia Vol.3 após polêmica no Twitter
Foto: Divulgação / Getty Images

O diretor James Gunn foi demitido de "Guardiões da Galáxia Vol.3". De acordo com informações do Omelete, a decisão foi tomada após serem revelados tweets ofensivos escritos pelo diretor, com referências a pedofilia e estupro, publicadas de 2008 a 2011.Gunn se pronunciou no twitter nesta sexta-feira (20) sobre os seus tweets antigos: "Para deixar registrado, quando eu fiz estas piadas, eu não estava fazendo isso. Eu sei que é uma declaração estranha e que pode parecer óbvia, mas estou aqui dizendo isso.Esta é a verdade completa: eu costumava fazer piadas ofensivas. Eu não faço mais. Eu não culpo meu passado por isso, mas me sinto mais humano e mais criativo hoje. Amo vocês todos". Através do The Hollywood Reporte, o diretor da Walt Disney Studios, Alan Horn, comentou sobre o afastamento de James: "As atitudes e declarações ofensivas descobertas no Twitter de James são indefensáveis e inconsistentes com nossos valores, e danificaram nossa relação com ele". James Gunn foi responsável pela direção e roteiro dos dois longas de Guardiões da Galáxia. Segundo o site, a Marvel Studios ainda não se pronunciou sobre o James Gunn ter sido demitido.

'O Escolhido': Netflix anuncia nova série original brasileira
Foto: Divulgação

A Netflix anunciou nesta sexta-feira (20) através das suas redes sociais sua nova série brasileira, chamada "O Escolhido". A nova produção é inspirada na série mexicana "Niño Santo", criada e escrita por Pedro Peirano e Mauricio Katz, baseada na ideia original de Pablo Cruz. O serviço de streaming informou que "O Escolhido" será adaptado pelos autores brasileiros Raphael Draccon e Carolina Munhóz. De acordo com a Netflix, a série que terá seis episódios de uma hora, irá contar a história de três jovens médicos que são enviados a um vilarejo remoto do Pantanal para vacinar os moradores do local contra uma nova mutação do vírus da Zika. Mas após seus esforços para tratar a população serem recusados, os jovens se vêm presos em uma comunidade isolada e coberta de segredos. As filmagens da produção brasileira irão começar em setembro e a estreia mundial está prevista para 2019. "O Escolhido", produzido pela Mixer Films, faz parte da lista de séries originais da Netflix produzidas no Brasil, como “3%”, “O Mecanismo”, “Samantha!”, “Super Drags”, “Cidades Invisíveis”, “A Facção”, “Coisa Mais Linda”, “Sintonia” e “Ninguém Tá Olhando”.

 

 

Sexta, 20 de Julho de 2018 - 15:50

Roberto Carlos lança primeira música em parceria com Alejandro Sanz

por Folhapress

Roberto Carlos lança primeira música em parceria com Alejandro Sanz
Fotos: Divulgação

O cantor Roberto Carlos, 77, lança nesta sexta-feira (20) o single de sua primeira parceria com o músico espanhol Alejandro Sanz, 50. A música "Esa Mujer" é cantada em espanhol e mostra um diálogo entre os dois cantores. Roberto é o homem desiludido amorosamente pelo abandono de uma mulher e Alejandro o amigo que o consola. A canção fará parte do álbum "Amor Sín Límite", previsto para setembro deste ano. O disco trará dez canções em espanhol, sendo quatro delas inéditas. "Esa Mujer" é a segunda música do álbum a ser divulgada. Antes dela, Roberto já havia lançado a balada "Regreso".  "Amor Sín Límite" e a parceria com Alejandro Sanz fazem parte da estratégia de Roberto de aumentar seu alcance no mercado fonográfico latino de língua hispânica.

 

Confira a música:

Sexta, 20 de Julho de 2018 - 15:00

GastrôBahia: McDonald’s lança sobremesas exclusivas com Ovomaltine

por Cris Montenegro

GastrôBahia: McDonald’s lança sobremesas exclusivas com Ovomaltine
Foto: Divulgação

Boa notícia para os que são apaixonados pela parceria McDonald’s e Ovomaltine! Dando continuidade ao sucesso da dupla, as marcas apresentam novas sobremesas que prometem enlouquecer os fãs.

Começamos com McFlurry Ovomaltine Rocks. Uma irresistível combinação do famoso mix de baunilha e Flocos Crocantes Ovomaltine com o novo Ovomaltine Rocks: generosos pedaços de Flocos Crocantes Ovomaltine cobertos com chocolate. Ainda mais crocante e saborosa, a novidade é uma verdadeira explosão de sabores e permanece no cardápio dos restaurantes McDonald’s de todo o Brasil, junto com o tradicionalíssimo McShake Ovomaltine.

Outra delícia que promete bombar é o turbinado Caldo & Freddo Ovomaltine – uma edição limitada, desenvolvida para o cardápio de inverno da rede. Composta por mix de baunilha polvilhado com Flocos Crocantes Ovomaltine e calda de chocolate, a sobremesa ganha uma dose extra de sabor, graças a duas minis tortinhas recheadas com Ovomaltine cremoso.

Criador de Mafalda, Quino nega autoria de quadrinhos contra legalização do aborto
Foto: Reprodução / Facebook

O cartunista argentino Quino, criador de Mafalda, uma das tirinhas mais famosas no mundo, foi a público para desmentir que sua personagem tenha entrado em um movimento contra a legalização do aborto no país. De acordo com informações da Agencia Brasil, a personagem tem circulado nas redes sociais vestindo um lenço azul, com a frase “Salvemos 2 Vidas”. Além disso, o movimento contra a legalização do aborto também tem divulgado uma frase atribuída e agora negada pelo quadrinista: “Comentaram que estão usando, sem a minha permissão, uma imagem de Mafalda na campanha de legalização do aborto (o que me chateia). Aproveito para esclarecer que Mafalda sempre estará a favor da vida, portanto, não coloquem nela um lenço verde, porque sua cor é azul”. A suposta fala foi contestada pelo próprio Quino em um comunicado oficial. “Foram divulgadas imagens de Mafalda com o lenço azul que simboliza a oposição à lei de interrupção voluntária da gravidez. Não foi autorizado, não reflete a minha posição e solicito que seja removida. Sempre acompanhei as causas dos direitos humanos em geral, e a dos direitos humanos das mulheres em particular, a quem desejo sorte em suas reivindicações”, diz o cartunista.

Sexta, 20 de Julho de 2018 - 14:00

Giro: Jovem advocacia baiana discute o exercício profissional

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Jovem advocacia baiana discute o exercício profissional
Hermes Hilarião/Foto: Tatiany Carvalho

As diferentes discussões que permeiam a sociedade como o direito ao uso do nome social pelos travestis e transexuais, a tutela do Direito aplicada ao casamento homoafetivo, a judicialização da saúde, a ação penal após a operação Lava Jato são alguns dos temas da I Conferência Estadual da Jovem Advocacia Baiana, que deve reunir por dia mais de 1,5 mil jovens advogados e advogadas do estado, entre os dias 29 e 31 de agosto, no Fiesta Hotel, em Salvador. “A gente vai fazer um evento voltado a temas tradicionais à advocacia, como a reforma trabalhista, direito penal, constitucional e processo civil, mas priorizando também assuntos temáticos relacionados à jovem advocacia que não fazem parte do dia a dia das faculdades”, lembra Hermes Hilarião.  Com realização da OAB-BA, através do Conselho Consultivo da Jovem Advocacia (CCJA) e apoio da Escola Superior de Advocacia, o evento tem como tema central “Advocacia do futuro: Democracia, Cidadania e Empreendedorismo”. As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas pelo Sympla. As vagas são limitadas. (Por Cris Montenegro)

Pediatras repudiam série de animação da Netflix com super-heroínas drags
Foto: Divulgação

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) divulgou uma nota para criticar a série de animação nacional “Super Drags”, após a Netflix anunciar o lançamento da atração para o segundo semestre deste ano. No comunicado oficial, a entidade diz que considera impróprio para crianças o conteúdo da série, que tem como protagonistas três rapazes que se transformam em super-heroínas drag queens. Mesmo a Netflix tendo informado que se trata de uma atração voltada para adultos, a SBP diz que “respeita a diversidade e defende a liberdade de expressão e artística no país, no entanto, alerta para os riscos de se utilizar uma linguagem iminentemente infantil para discutir tópicos próprios do mundo adulto, o que exige maior capacidade cognitiva e de elaboração por parte dos espectadores”. A entidade afirma ainda que o fim da aplicação de multa e suspensão às emissoras de rádio e TV ao exibirem programas em horário diverso do autorizado pela classificação indicativa “deixa crianças e os adolescentes dependentes, exclusivamente, do bom senso das emissoras de TV e plataformas de streaming, agregando um complicador a mais às relações delicadas existentes no seio da família, do ambiente escolar e da sociedade, de forma em geral”.


A Netflix, por sua vez, defendeu que “oferece uma grande variedade de conteúdos para todos os gostos e preferências. 'Super drags' é uma série de animação para uma audiência adulta e não estará disponível na plataforma infantil (Netflix Kids). A seção dedicada às crianças, combinada com o recurso de controlar o acesso aos nossos títulos, faz com que pais confiem em nosso serviço como um espaço seguro e apropriado para os seus filhos. As crianças podem acessar apenas o nosso catálogo infantil, e nós colocamos o controle nas mãos dos pais sobre quando e a que tipo de conteúdo seus filhos podem assistir".

Festival da Cultura Japonesa realiza sua 12ª edição em Salvador
Foto: Reprodução / Facebook

O Bom Odori, Festival da Cultura Japonesa, chega à sua 12ª edição entre 24 e 26 de agosto, na capital baiana. O evento, que acontece no Parque de Exposições de Salvador, este ano comemora os 110 anos da Imigração Japonesa no Brasil, com atividades como música, dança, oficinas culturais e gastronomia. O horário de funcionamento é das 14h às 22h, na sexta-feira e das 10h às 22h, no sábado e domingo.

Sexta, 20 de Julho de 2018 - 10:50

Isabella Taviani traz a Salvador show comemorativo ‘15 Anos, Eu e Você’

por Jamile Amine

Isabella Taviani traz a Salvador show comemorativo ‘15 Anos, Eu e Você’
Foto: Divulgação

A cantora e compositora Isabella Taviani traz a Salvador a turnê comemorativa “15 Anos, Eu e Você”, em única apresentação no dia 25 de agosto, às 20h, no Teatro Isba. No repertório do show, a artista promete uma viagem no tempo passando por seus maiores sucessos, a exemplo de “Digitais", "O Farol", "De Qualquer Maneira", "Último Grão", “Contramão”, “Sentido Contrário”, “Diga Sim Pra Mim”, “Luxúria”, "Presente-Passado”, “Arranjo”, "Depois da Chuva”, “A Canção que Faltava”, “Norte” e “Se Assim For”. A turnê incluirá ainda as canções que a artista tem lançado mensalmente nas plataformas digitais e que no fim de 2018 farão parte de um novo disco.  “Passou tão rápido e, ao mesmo tempo, foram tantos e tantos momentos importantes! Esse show é a minha forma de comemorar! A hora de dizer ‘muito obrigada’ cantando as canções que as pessoas escolheram como parte da trilha sonora delas! E isso é uma enorme alegria e responsabilidade!”, diz Isabella Taviani.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Isabella Taviani - “15 Anos, Eu e Você”
QUANDO: Sábado, 25 de agosto, às 20h
ONDE: Teatro Isba – Salvador (BA)
VALOR: R$ 100 (inteira) e R$ 50 (meia)

Sexta, 20 de Julho de 2018 - 09:50

Harry Styles interrompe show e ajuda fã a contar para a mãe que é gay

por Folhapress

Harry Styles interrompe show e ajuda fã a contar para a mãe que é gay
Foto: Divulgação

O cantor Harry Styles interrompeu um show que fazia na última quarta-feira (11), em San Jose, na Califórnia, para ajudar uma fã a revelar a sua mãe que é gay. "Tina, ela é gay", afirma o ex-membro do One Direction no vídeo postado pela própria garota nas redes sociais. 

A fã, identificada como Grace, levou um cartaz dizendo que ia se revelar aos pais por conta do cantor. "Eu viajei 2,846 milhas para estar aqui esta noite", dizia. Nas redes sociais ela já falava antes da apresentação que não esperava nada, mas tinha esperança de que Harry lesse sua mensagem. 

No final, o cantor realmente viu o cartaz, parou o show, pedindo que o público fizesse silêncio, e gritou à mãe da garota -que estava em um hotel próximo- que ela é gay. A fã gravou tudo e, segundo contou ao E!News, mostrou para a mãe assim que chegou ao hotel. "Sim, amo você e você pode ser o que quiser", teria respondido ela. 

"Muito obrigada por criar um ambiente em que eu possa me orgulhar de ser eu mesma. O seu constante apoio à comunidade LGBTQ+ ajudou que eu me amasse e me sentisse segura", postou Grace em sua conta no Twitter junto ao vídeo com a mensagem do cantor.

 

FGM promove ação voltada para intercâmbio literário em Salvador
Foto: Bruno Concha / Secom

Em comemoração ao Dia do Escritor, celebrado em 25 de julho, a Fundação Gregório de Mattos (FGM) promove o projeto “Esqueça um Livro e Espalhe Conhecimento” em Salvador. A ação consiste na distribuição de volumes por diversos pontos da cidade, mas este ano o evento terá ainda o “Encontro com autores das Bibliotecas Comunitárias de Salvador”, que passa pelo Subúrbio, Calabar e Cidade Nova; o “Sarau com Escritores das Bibliotecas Comunitárias” e o “Recital de poesia”, que acontece na Lapa, Dois de Julho e Periperi.


Dentre os volumes “esquecidos”, estarão os livros do Selo João Ubaldo Ribeiro, publicado pela própria Fundação, além dos que estão sendo coletados com parceiros e seus colaboradores. Um bilhete vai informar ao novo dono que o livro agora pertence a ele. A proposta é deixar um livro em qualquer lugar da cidade com um bilhete para o futuro dono e a sugestão de que ele também participe do movimento. Para fortalecer a campanha, a FGM sugere que tanto quem “esqueça”, quanto quem encontre os livros publique fotos e relatos em suas redes sociais com as hashtags #fizmaisumamigo e #esqueçaumlivro.


Programação Esqueça um Livro e Espalhe Conhecimento – Dia 25 de Julho

Turno Matutino

- Estação da Lapa

09h às 12h   

Circo de Um Homem Só - Plataformas Subsolo
Performance do grupo História de Raiz, abordando sobre a importância dos livros e da leitura – Térreo - frente acesso ao Metrô

 

10h às 12h

Recital de poesia com o Diretor da Aliança Francesa, Mamadou Gaya e a turma do Dom Quixote, distribuindo livros dentro do ônibus – Plataformas no Térreo
Turno Vespertino

 

- Estação da Lapa

14h às 16h

Circo de Um Homem Só - Subsolo da Estação da Lapa, nas plataformas
Performance do grupo História de Raiz, abordando sobre a importância dos livros e da leitura – Térreo - Frente acesso ao Metrô

 

- Largo Dois de Julho

16h às 18h

Cortejo da SUP, com a participação especial de Bule Bule, “esquecendo” livros nos bancos da praça, nos pontos de ônibus do entorno – Largo do Mucambinho, Feirantes, até o Largo

 

- Praça da Revolução – Periperi

14h às 17h

Sarau com os escritores das bibliotecas comunitárias de Salvador e distribuição de livros

Sala Walter da Silveira exibe ‘A Bruma Assassina’ na próxima quarta
Foto: Divulgação

Como parte da programação do III Cine Horror e para comemorar os 70 anos do cineasta norte-americano John Carpenter, a Sala Walter da Silveira exibe o filme "A Bruma Assassina" (The Fog, EUA, 1980) na próxima quarta-feira (25), às 18h30. O filme ganhou o prêmio da crítica no Festival de Avoriaz em 1980 e concorreu ao de melhor filme de horror e melhores efeitos especiais do Saturn Award no mesmo ano.

Escrito em parceria com Debra Hill, "A Bruma Assassina" é livremente inspirado no clássico da década de 50 "The Trollenberg Terror" / "The Crawling Eye" (1958), de Quentin Lawrence. O enredo é sobre o barco pirada  Elizabeth Dane, que ao transportar um tesouro, afunda-se em frente à costa de uma pequena vila de pescadores. Cem anos depois, os espíritos dos marinheiros mortos voltam a aparecer das profundezas, para se vingar dos habitantes do local, herdeiros dos que saquearam a embarcação.


SERVIÇO
O QUÊ:
"A Bruma Assassina"
QUANDO: Quarta-feira, 25 de julho, às 18h30
ONDE: Sala Walter da Silveira – Salvador (BA)
VALOR: R$ 4 (inteira) e R$ 2 (meia)

Elano Passos realiza intervenção artística durante Virada Cultural
Foto: Divulgação

O artista plástico baiano Elano Passos irá realizar uma Mostra, entre os dias 26 de julho e 5 de agosto, em um dos contâiners da Vila EcoSquare, primeira vila de contâiners de Salvador, localizada no Rio Vermelho. O desenho em nanquim, característica das obras do artista (veja aqui), irá inspirar o tema da exposição, que será “Rio Vermelho, Preto e Branco”. A proposta de Elano, é que no dia da Virada Cultural que irá ocorrer no EcoSquare no dia 4 de agosto, das 19h às 4h, sua Mostra será aberta para intervenções de outros artistas como, Alexandre Feliciano, Miu Monteiro, Tarcio Vasconcelos, André Fernandes e Ana Rosa, e Enzo Passos. “A proposta é que, ao fim do período da ocupação, o  espaço seja o resultado estético de múltiplas intervenções com o caráter inusitado de uma produção artística coletiva”, afirma Passos. A Virada Cultural irá contar também com apresentações musicais e de dança, roda de bate-papo e troca de livros.

 

Salvador recebe Tributo ao Rei do Rock, Elvis Presley, em agosto
Foto: Divulgação

O Teatro da Casa do Comércio irá receber o espetáculo "Elvis is Back - Tributo ao Rei do Rock" nos dias 17 e 18 de agosto, às 21h. A apresentação traz o artista Mark Rio, que é considerado um dos melhores intérpretes do Rei do Rock, e um show realizado com o máximo de fidelidade possível, utilizando violão, joias e trajes norte-americanos semelhantes aos usados por Elvis nos anos 70. O tributo conta com músicos da "Elvis Tribute Band" que foram selecionados especialmente para reproduzir com exatidão cada canção, mantendo as mesmas versões originais e o tom cantado por Elvis Presley.  Os ingressos da apresentação custam R$ 80 a inteira e R$ 40 a meia entrada. 


 
SERVIÇO
O QUÊ: Elvis is Back – Tributo ao Rei do Rock
QUANDO: Sexta e sábado, 17 e 18 de agosto, às 21h
ONDE: Teatro da Casa do Comércio, Av. Tancredo Neves, Salvador-BA
VALOR: R$ 80 (inteira) e R$ 40 (meia)

‘Bingo’, com 15 indicações, é forte concorrente no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2018
Foto: Divulgação

A lista de incados ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2018 foi divulgada e o filme “Bingo – O rei das manhãs” é um dos fortes concorrentes, com 15 indicações. De acordo com O Globo, a cerimônia da premiação, que este ano irá homenagear a atriz Fernanda Montenegro, que comemora 75 anos de carreira, ocorre no dia 18 de setembro, na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro, com transmissão ao vivo pelo Canal Brasil. “Bingo”, que representou o Brasil, na disputa por uma indicação ao Oscar de melhor filme em língua estrangeira, está concorrendo nas principais categorias do Prêmio: longa de ficção, direção (Daniel Rezende), atriz (Leandra Leal), ator (Vladimir Brichta), atriz coadjuvante (Ana Lúcia Torre) e ator coadjuvante (Augusto Madeira). No primeiro turno de votação, os membros da Academia Brasileira de Cinema tiveram que avaliar 36 longas e 20 curtas nacionais, além de cinco longas estrangeiros que concorrem ao Troféu Grande Otelo em 25 categorias. Os vencedores do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, serão escolhidos por meio de uma segunda rodada de votação dos integrantes da Academia, e também por votação popular nas categorias longa de ficção, longa de documentário e longa estrangeiro. Veja a lista completa dos indicados: 

 

MELHOR LONGA-METRAGEM DE FICÇÃO

· "A GLÓRIA E A GRAÇA", de Flávio Ramos Tambellini

· "BINGO - O REI DAS MANHÃS", de Daniel Rezende

· "COMO NOSSOS PAIS", de Laís Bodanzky

· "ERA O HOTEL CAMBRIDGE", de Eliane Caffé

· "GABRIEL E A MONTANHA", de Fellipe Barbosa

 

MELHOR LONGA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO

· "CORA CORALINA – TODAS AS VIDAS", de Renato Barbieri

· "DIVINAS DIVAS", de Leandra Leal

· "NO INTENSO AGORA", de João Moreira Salles

· "PITANGA", de Beto Brant e Camila Pitanga

· "UM FILME DE CINEMA", de Walter Carvalho

 

MELHOR LONGA-METRAGEM COMÉDIA

· "FALA SÉRIO, MÃE!", de Pedro Vasconcelos

· "DIVÓRCIO", de Pedro Amorim

· "LA VINGANÇA", de Fernando Fraiha

· "MALASARTES E O DUELO COM A MORTE", de Paulo Morelli

· "OS PARÇAS", de Halder Gomes

 

MELHOR LONGA-METRAGEM DE ANIMAÇÃO

· "AS AVENTURAS DO PEQUENO COLOMBO", de Rodrigo Gava

· "BRUXARIAS", de Virginia Curia Martinez

· "BUGIGANGUE NO ESPAÇO", de Ale McHaddo.

· "HISTORIETAS ASSOMBRADAS – O FILME", de Victor-Hugo Borges

· "LINO – UMA AVENTURA DE SETE VIDAS", de Rafael Ribas

 

MELHOR LONGA-METRAGEM INFANTIL

· "DETETIVES DO PRÉDIO AZUL" de André Pellenz. Produção: Sandi Adamiu, MarcioFraccaroli, André Fraccaroli, André Pellenz por Paris Entretenimento

· "UM TIO QUASE PERFEITO" de Pedro Antonio. Produção: MarizaLeão e Erica Iootty por Morena Filmes

 

MELHOR DIREÇÃO

· DANIEL REZENDE por "Bingo - O rei das manhãs"

· DANIELA THOMAS por "Vazante"

· ELIANE CAFFÉ por "Era o Hotel Cambridge"

· FELLIPE BARBOSA por "Gabriel e a Montanha"

· LAÍS BODANZKY por "Como Nossos Pais"

 

MELHOR ATRIZ

· CAROLINA FERRAZ como GLÓRIA por "A Glória e a Graça"

· CAROLINE ABRAS como CRIS por "Gabriel e a montanha"

· DIRA PAES como TONINHA por "Redemoinho"

· LEANDRA LEAL como LÚCIA por "Bingo - O rei das manhãs"

· MARIA RIBEIRO como ROSA por "Como nossos pais"

· MARJORIE ESTIANO como EMÍLIA por "Entre irmãs"

 

MELHOR ATOR

· ALEXANDRE NERO como JOÃO CARLOS MARTINS ADULTO por "João, o maestro"

· IRANHDIR SANTOS como LUZIMAR por "Redemoinho"

· JESUÍTA BARBOSA como PEDRO MALASARTES por "Malasartes e o duelo com a Morte"

· JOÃO PEDRO ZAPPA como GABRIEL por "Gabriel e a montanha"

· VLADIMIR BRICHTA como AUGUSTO MENDES por "Bingo - O rei das manhãs"

 

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

· ANA LUCIA TORRE como MARTA MENDES por "Bingo - O rei das manhãs"

· CAMILLA AMADO como BIBICA por "Redemoinho"

· CLARISSE ABUJAMRA como CLARICE por "Como nossos pais"

· LETÍCIA COLIN como LINDALVA por "Entre irmãs"

· SANDRA CORVELONI como GRAÇA por "A Glória e a Graça"

 

MELHOR ATOR COADJUVANTE

· AUGUSTO MADEIRA como VASCONCELOS por "Bingo - O rei das manhãs"

· CESAR MELLO como OTÁVIO por "A Glória e a Graça"

· CLÁUDIO JABORANDY como DR. DUARTE por "Entre irmãs"

· FABRICIO BOLIVEIRA como JEREMIAS por "Vazante"

· FELIPE ROCHA como PEDRO por "Como nossos pais"

· JORGE MAUTNER como HOMERO por "Como nossos pais"

· SELTON MELLO como PACO por "O filme da minha vida"

 

MELHOR DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA

· LULA CARVALHO; ASC/ABC por "Bingo - O rei das manhãs"

· FELIPE REINHEIMER por Soundtrack

· GUSTAVO HADBA por "A Glória e a Graça"

· INTI BRIONES por "Vazante"

· WALTER CARVALHO por "O filme da minha vida"

 

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL

· CAROL BENJAMIN, LEANDRA LEAL, LUCAS PARAIZO E NATARA NEY por "Divinas divas"

· DANIELA THOMAS E BETO AMARAL por "Vazante"

· ELIANE CAFFÉ, INÊS FIGUEIRO E LUIS ALBERTO DE ABREU por "Era o Hotel Cambridge"

· FABIO MEIRA por "As duas Irenes"

· LAÍS BODANZKY E LUIZ BOLOGNESI por "Como nossos pais"

· LUIZ BOLOGNESI por "Bingo - O rei das manhãs"

· MARCELO GOMES por "Joaquim"

· MIKAEL DE ALBUQUERQUE E LUSA SILVESTRE por "A Glória e a Graça"

 

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO

· FLÁVIA LINS E SILVA, LG BAYÃO E MIRNA NOGUEIRA – adaptado da série "DPA – Detetives do Prédio Azul", de Flávia Lins e Silva – por "Detetives do Prédio Azul"

· GEORGE MOURA – adaptado da obra “Inferno Provisório - O Mundo Inimigo Vol II” de Luiz Ruffato – por "Redemoinho"

· MARCELO VINDICATTO E SELTON MELLO – adaptado da obra “Um pai de cinema”, de Antonio Skármeta – por "O filme da minha vida"

· MIKAEL DE ALBUQUERQUE – adaptado do livro “3000 Dias no Bunker – um plano na cabeça e um país na mão”, de Guilherme Fiuza – por "Real - O plano por trás da História"

· PATRÍCIA ANDRADE – baseado da obra "A Costureira e o Cangaceiro”, de Frances de Pontes Peebles – por "Entre irmãs"

 

MELHOR DIREÇÃO DE ARTE

· CARLA CAFFÉ por "Era o Hotel Cambridge"

· CÁSSIO AMARANTE por "Bingo - O rei das manhãs"

· CLAUDIO AMARAL PEIXOTO por "Entre irmãs"

· CLAUDIO AMARAL PEIXOTO por "João, o maestro"

· CLAUDIO AMARAL PEIXOTO por "O filme da minha vida"

 

MELHOR FIGURINO

· ANA AVELAR por "Entre irmãs"

· CÁSSIO BRASIL por "Como nossos pais"

· CÁSSIO BRASIL por "Vazante"

· KIKA LOPES por "O filme da minha vida"

· VERÔNICA JULIAN por "Bingo - O rei das manhãs"

 

MELHOR MAQUIAGEM

· ANNA VAN STEEN por "Bingo - O rei das manhãs"

· ANNA VAN STEEN por "Malasartes e o duelo com a Morte"

· EMI SATO por "João, o maestro"

· MARCOS FREIRE por "A Glória e a Graça"

· MARLENE MOURA E UIRANDÊ HOLANDA por "O filme da minha vida"

 

MELHOR EFEITO VISUAL

· DIEGO MORONE, LUCIANO NEVES E LUIZ ADRIANO por "Soundtrack"

· GUILHERME RAMALHO, LUIS CARONE E DANIEL DIAS por "Bingo - O rei das manhãs"

· HUGO GURGEL por "Joaquim"

· OMAR COLOCCI por "O rastro"

· RICARDO BARDAL por "Malasartes e o duelo com a Morte"

 

MELHOR MONTAGEM FICÇÃO

· BRUNO LASEVICIUS E JULIA PECHMAN por João, o Maestro

· MÁRCIO HASHIMOTO por "Bingo - O rei das manhãs"

· MÁRCIO HASHIMOTO por "Era o Hotel Cambridge"

· RODRIGO MENECUCCI por "Como nossos pais"

· SÉRGIO MEKLER por "A Glória e a Graça"

 

MELHOR MONTAGEM DOCUMENTÁRIO

· ABIGAIL SPINDEL por "Waiting for B"

· EDUARDO ESCOREL E LAÍS LIFSCHITZ por "No intenso agora"

· GIBA ASSIS BRASIL por "Quem é Primavera das Neves"

· JULIANA MUNHOZ por "Pitanga"

· NATARA NEY por "Divinas divas"

 

MELHOR SOM

· BRUNO ARMELIN, EVANDRO LIMA, MARCEL COSTA, PEDRO SÁ, DAMIÃO LOPES E GUSTAVO LOUREIRO por "Memória em verde e rosa"

· FELIPPE SCHULTZ MUSSEL, VINÍCIUS LEAL E JESSE MARMO por "Divinas divas"

· GEORGE SALDANHA, BERNARDO UZEDA E ARMANDO TORRES JR; ABC por "O filme da minha vida"

· GEORGE SALDANHA, FRANÇOIS WOLF E ARMANDO TORRES JR; ABC por "João, o maestro"

· JORGE REZENDE, ALESSANDRO LAROCA, EDUARDO VIRMOND LIMA, RENAN DEODATO E ARMANDO TORRES JR; ABC por "Bingo - O rei das manhãs"

· JOSÉ MOREAU LOUZEIRO, SIMONE ALVES E ARIEL HENRIQUE por "A Glória e a Graça"

 

MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL

· ANTONIO PINTO por "Como nossos pais"

· ARTHUR B. GILLETTE por "Gabriel e a montanha"

· BETO VILLARES por "Bingo - O rei das manhãs"

· PEDRO TAMBELLINI por "A Glória e a Graça"

· PLÍNIO PROFETA por "O filme da minha vida"

 

MELHOR TRILHA SONORA

· BETO VILLARES por" Malasartes e o duelo com a Morte"

· GUILHERME VAZ E MARCO ANTONIO GUIMARÃES por "Um filme de cinema"

· JULIO BRESSANE por "Beduino"

· MAURO LIMA, FAEL MONDEGO E FÁBIO MONDEGO por "João, o maestro"

· PAULÃO 7 CORDAS por "Memória em verde e rosa"

· RICA AMABIS E BETH BELI por "Pitanga"

 

MELHOR LONGA-METRAGEM ESTRANGEIRO

· "BLADE RUNNER 2049" (EUA) – dirigido por Denis Villeneuve. Distribuição Sony Pictures

· "DUNKIRK" (EUA) – dirigido por Christopher Nolan. Distribuição: WarnerBros

· "EU, DANIEL BLAKE" (Inglaterra) – dirigido por Ken Loach. Distribuição: Imovision

· "LA LA LAND - CANTANDO ESTAÇÕES" (EUA) – dirigido por Damien Chazelle. Distribuição Paris Filmes

· "UMA MULHER FANTÁSTICA" (Chile) – dirigido por Sebastian Lelio. Distribuição: Imovision

 

MELHOR CURTA-METRAGEM ANIMAÇÃO

· "ANIMAIS", de Guilherme Alvernaz

· "O VIOLEIRO FANTASMA", de Wesley Rodrigues

· "PELEJA DO SERTÃO", de Fabio Miranda

· "SOB O VÉU DA VIDA OCEÂNICA", de Quico Meirelles

· "TORRE", de Nádia Mangolini

· "VÊNUS-FILÓ A FADINHA LÉSBICA", de Sávio Leite

 

MELHOR CURTA-METRAGEM DOCUMENTÁRIO

· "BAMBAS", de Anna Furtado

· "BORÁ", de Angelo Defanti

· "CANDEIAS", de Reginaldo Farias & Ythallo Rodrigues

· "EM BUSCA DA TERRA SEM MALES", de Anna Azevedo

· "O GOLPE EM 50 CORTES OU A CORTE EM 50 GOLPES", de Lucas Campolina

· O QUEBRA-CABEÇA DE SARA, de Allan Ribeiro

· "OCUPAÇÃO DO HOTEL CAMBRIDGE", de Andrea Mendonça

 

MELHOR CURTA-METRAGEM FICÇÃO

· "A PASSAGEM DO COMETA", de Juliana Rojas

· "CHICO", de Irmãos Carvalho

· "DE TANTO OLHAR O CÉU GASTEI MEUS OLHOS", de Nathália Tereza

· "NADA", de Gabriel Martins

· "TENTEI", de Laís Melo

· "THE BEAST", de Michael Wahrmann e Samantha Nell

· "VACA PROFANA", de René Guerra

 

Histórico de Conteúdo