Maior traficante de Simões Filho se converte, cantor gospel e prega contra criminalidade
Foto: Reprodução / Youtube

A transformação na vida de Júlio Bonfim Santana de Jesus pode ser considerada como um milagre. Júlio era um dos traficantes mais procuradores de Simões Filho, na região metropolitana de Salvador. Mas agora, depois de sua conversão, ele é conhecido como Pastor Irmão Júlio. Na última quinta-feira (23), ele lançou o videoclipe de sua nova canção: “Ordeno os anjos”.

 

O clipe, que retrata um assalto a ônibus e lança a reflexão sobre respeito ao próximo. A música ainda destaca a importância da oração antes de sair de casa e foi inspirada no Salmo 91:11. “Porque a seus anjos ele dará ordens a seu respeito, para que o protejam em todos os seus caminhos”, diz a passagem. O pastor é casado e pai de quatro filhos. Ele divide sua residência entre a Estrada de Candeias, em Simões Filho e o bairro Arenoso, em Salvador, onde congrega a Igreja Batista Missionária Shalon Adonai. Ele morou durante algum tempo em Alagoinhas, enquanto estava foragido, há seis anos, quando era o traficante mais procurado de Simões Filho. Foi nesta época em que ele se entregou à Polícia. Ele ficou preso por 11 meses no Presídio de Salvador.

 

Quando se converteu, ele diz que houve muito receio de sua verdadeira transformação.  “Houve muita desconfiança, com o tempo as pessoas viram, mas passei por muita luta. Cheguei a passar por dificuldade financeira, as pessoas me davam roupa, que eu não tinha condições de comprar.  Teve um momento em que eu achei que não iria conseguir”, relembra. Atualmente, Irmão Júlio utiliza da música para conscientizar os jovens a abandonem a vida do crime. O cantor está em estúdio na preparação de mais um novo álbum e garante: “próximo clipe volta a ser gravado em Simões Filho, no estilo Samba Reggae”.

Aline Barros e Bruna Karla se apresentam no Festival da Cultura Evangélica de Salvador
Foto: Divulgação

Os grandes nomes da música gospel nacional e baiana se apresentam na edição 2019 do Festival da Cultura Evangélica de Salvador. O evento gratuito será realizado na sexta-feira (31) e sábado (1º), na Orla de Piatã, a partir das 17h. As atrações confirmadas são as cantoras, Aline Barros, Bruna Karla e o cantor Fernandinho.

 

Além de cantores de outros estados, como acontece todo ano, o Festival da Cultura Evangélica também terá nomes do gospel da Bahia, a exemplo dos cantores, Irmão Lázaro e Sandro Nazireu que com a sua tradicional sanfona não deixar ninguém ficar parado. Ainda se apresentam no Festival da Cultura Evangélica 2019, os cantores Erick Carvalho e a Banda Manancial também aqui da Bahia.

 

O Festival da Cultura Evangélica é realizado pela prefeitura municipal de Salvador, faz parte da Lei nº 8.549/2014, que estabelece o Dia Municipal da Cultura Evangélica. Nas edições anteriores o evento atraiu cerca de 60 mil pessoas por noite. Em 2019 está sendo montada uma estrutura semelhante para que o sucesso se repita.

 

SERVIÇO:
O quê: Festival da Cultura Evangélica de Salvador.
Quando: Sexta – feira (31) de maio e sábado (01 de junho) às 17h
Onde: Orla de Piatã
Quanto: Gratuito.

Sábado, 25 de Maio de 2019 - 09:30

Coluna Literatura: Leia 'Vagões agrestes', de Antonio Pastori

por Carlos Navarro Filho

Coluna Literatura: Leia 'Vagões agrestes', de Antonio Pastori
Foto: Divulgação

O jornalista e poeta Antonio Pastori nos traz três belos poemas, que fazem parte da série audiovisual Vagões Agrestes, Trilhos Litorais – Estradas Baianas para Contar. O documentário é um trabalho jornalístico de fôlego, que mostra em três episódios a riqueza e a diversidade cultural e social de treze municípios da área. O trabalho, que Pastori dirige e edita com a competência de sempre, é um importante e inédito documento dos patrimônios material e imaterial da região do litoral Norte e Agreste baianos. Você vai gostar. Clique aqui e leia o texto!

Sábado, 25 de Maio de 2019 - 00:00

Sucesso na web, quadrinista baiano lançará dois livros das 'Crônicas de Wesley'

por Lara Teixeira

Sucesso na web, quadrinista baiano lançará dois livros das 'Crônicas de Wesley'
Foto: Arquivo pessoal

O quadrinista e ilustrador Wesley Mercês está prestes a lançar os seus dois primeiros livros de tirinhas. Conhecido pelas "Crônicas de Wesley", a página de tirinhas do artista no Facebook já tem cerca de 2 milhões de curtidas.

 

Natural de Vitória da Conquista, o estudante de Design criou sua primeira história em quadrinhos para os amigos do colégio. "O pessoal acabou gostando muito da tirinha e eu fiz mais sete", disse Wesley. Depois de mostrar as novas histórias, seus colegas o incentivaram a criar uma conta para que ele publicasse suas tirinhas. Mas Wesley revelou ao Bahia Notícias que a página só surgiu após ele se interessar por uma garota, sua atual esposa. "Eu gostei muito dela e o pessoal falou para eu criar uma página. Fiquei com isso na cabeça: 'talvez ela goste mais de mim com a página'. hoje sou casado com ela, a Laíz". 

 

Em 2013, o projeto "As Crônicas de Wesley" estreou no Facebook e teve um retorno que o jovem artista não esperava. "Surgiu da resenha com a galera, e eu pensei que fosse ficar só entre amigos, não era o objetivo que tivesse crescido, mas as coisas foram tomando grandes proporções. Quando a página completou 10 meses, já tinha mais de 1 milhão de pessoas curtindo. Foi uma loucura para mim, entre 10 meses, fazer algumas tirinhas e já ter essa quantidade de seguidores foi muito diferente, e foi aí que eu percebi que tinha pegado fogo o négocio, e que eu poderia continuar". 

 

Atualmente, Wesley já criou 100 personagens para as crônicas, mas ele destaca que os principais são cerca de seis ou sete. O artista começou abordando nas histórias em quadrinhos coisas que aconteciam no seu dia a dia, como esquecer o fone de ouvido em casa quando vai para a escola, ou algo engraçado que tinha acontecido durante as aulas. "Era sempre inspirado em coisas que aconteciam na realidade", afirma Mercês. Explorando sua criatividade, o quadrinista começou a colocar coisas "surreais" nas crônicas. "Às vezes aparece um unicórnio, a morte. Eu brinco com piadas do cotidiano inserindo conteúdo lúdico". 

 

 

 

O ilustrador tenta acompanhar ao máximo as interações feitas pelas 1.723.311 pessoas que curtem a página. Ele disse ao BN que através dos comentários e das curtidas nas tirinhas consegue definir melhor o assunto que vai abordar em suas histórias. 

 

"Quando eu sinto que as tirinhas não estão tendo muitas curtidas, ou engajamento do pessoal, eu sempre tento puxar para um lado que os agrade mais. Tem o meu toque, mas como artista eu preciso produzir algo que as pessoas gostem. Eu nunca vou deixar os meus princípios, mas vou procurar agradar cada vez mais eles. Então é um meio termo, eu sempre mantenho o padrão principal da página com todos os princípios e normas que eu já estabeleci, mas sempre tentando me aperfeiçoar para alcançar mais público". 

 

"Algo interessante é que o público vai mudando com o tempo. Houve tirinhas que eu postei que hoje seriam consideradas preconceituosas, com piadas que há uns quatro anos as pessoas não levavam para o lado tão pessoal, hoje eles já levam. Então eu já tenho que mudar e adaptar o humor todo dia para o pessoal continuar acompanhando", destaca Wesley.  

 

 

 

Após perceber que já tinha mais de 500 tirinhas online, Wesley, junto com o diretor da editoria Lendari, decidiu lançar obras literárias com suas histórias. "Depois de conversar bastante a gente percebeu que são muitas tirinhas e dava para distribuir em muitos livros. Decidimos lançar esses dois primeiros. A Lendari tem um selo exclusivo para tirinhas brasileiras chamado PULP Comics. Está sendo uma oportunidade bem legal para mim". 

 

O quadrinista lançou no início do mês de maio a pré-venda dos livros e disse que já recebeu diversos comentários sobre a novidade. "A primeira semana acabou surpreendendo e a gente sabe que quando o livro for lançado mesmo nós teremos um retorno maior, porque muita gente já mandou recado avisando que está esperando o livro ser lançado". O lançamento está previsto para o dia 7 ou 8 de junho. 

 

Entre os planos a longo prazo do artista criar animações das "Crônicas de Wesley" é o principal. "É o meu objetivo de vida. 'As Crônicas de Wesley' são na verdade um conjunto de histórias que já estão escritas e pensadas, mas eu ainda não tenho recursos para realizar. Por isso eu estou elaborando pouco a pouco". 

Sexta, 24 de Maio de 2019 - 21:50

Adam Levine deixa o time de jurados do 'The Voice EUA' após 16 temporadas

por Folhapress

Adam Levine deixa o time de jurados do 'The Voice EUA' após 16 temporadas
Foto: Divulgação

Se você assistia o "The Voice" dos Estados Unidos por conta do time de jurados, talvez essa notícia faça você repensar isso. Carson Daly apresentador do programa, contou em entrevista nesta sexta-feira (24), que Adam Levine está deixando o time de jurados do reality show musical.

 

Depois de 16 temporadas virando a cadeira para participantes, o vocalista do Maroon 5 não fará mais parte do quarteto que decide e aconselha os participantes. Segundo o site Page Six, quem substituirá Levine será Gwen Stefani que já foi jurada em outras edições.

 

Ao longo de todo esse tempo, Adam Levine já venceu o "The Voice" com a cantora Jordan Smith na nona temporada; com Tessanne Chin no quinto ano e com Javier Colon na primeira de estreia do formato.

 

No discurso de Carson, a decisão de deixar o corpo de jurados do reality show partiu do próprio Adam Levine. "Depois de 16 temporadas, Adam Levine, nosso querido treinador e amigo, decidiu deixar 'The Voice'. [...] Ele sempre será um membro querido da família 'Voice' e, claro, nós desejamos ele nada além do melhor".

 

A décima sétima temporada do The Voice ainda não tem data definida para estrear na televisão americana e contará com, além de Gwen Stefani, John Legend, Kelly Clarkson e Blake Shelton como jurados.

Filme com cena de sexo explícito causa polêmica em Cannes e faz público deixar sessão
Foto: Reprodução / Twitter

O diretor franco-tunisiano Abdellatif Kechiche, conhecido pelo filme "Azul é a cor mais quente", causou polêmica no Festival de Cinema de Cannes com a sua nova produção que, de acordo com críticos, contém imagens pornográficas "gratuitas". 

 

Segundo a agência France Presse, em "Mektoub My Love: Intermezzo", que disputa pela Palma de Ouro, o cineasta mostra um grupo de jovens em uma cidade no litoral do sul da França. O filme, após cenas na praia, se concentra em uma boate, com imagens extremamente sensuais, incluindo uma cena de 13 minutos de sexo oral. 

 

Durante as três horas e meia de filme, o diretor dedica às gravações aos corpos das mulheres, mostrando suas nádegas. Até chegar à cena explícita de sexo oral nos banheiros. Segundo o The Hollywood Reporter, são imagens "pornográficas gratuitas". 

 

"Tentei mostrar o que me faz vibrar, os corpos, os ventres", disse Kechiche em entrevista coletiva. O cineasta completou falando que o objetivo do filme foi "celebrar a vida, o amor, a música, o corpo e buscar uma experiência cinematográfica". 

 

No primeiro dia de exibição do filme, que aconteceu nesta quinta-feira (23), diversos espectadores deixaram a sala, entre eles a atriz que protagoniza a cena de sexo oral, Ophélie Bau. Na sessão de fotos e na entrevista coletiva que ocorreu nesta sexta-feira (24) ela também não esteve presente.

Salvador recebe lançamento de livros infantojuvenis inspirados em espetáculos de dança
Peça Desastro | Foto: Divulgação / Leonardo França

O projeto "Coreografias de Papel" lança no dia 15 de junho, no Goethe-Institut Salvador-BA os livros-objetos voltados para o público infantojuvenis “Astroneto: dança no espaço” e “Pequena Coleção de Insignificâncias”. 

 

O lançamento contará com apresentações que inspiraram a criação dos livros. “Desastro”, de Neto Machado, com sessão às 16h, e “Demolições (La Petite Mort)”, de Thiago Cohen, às 19h30. Entre os espetáculos, às 17h será celebrada as escritas dançantes, editadas pela Conexões Criativas, braço editorial da Dimenti Produções Culturais. 

 

“Coreografias de Papel” é coordenado pelos coreógrafos Neto Machado e Jorge Alencar, vinculados à Conexões Criativas, e pela TANTO - criações compartilhadas, formada pelos artistas-designers-arquitetos Daniel Sabóia, Fábio Steque e Patricia Almeida.

 

Os ingressos para casa espetáculo custam R$ 20 inteira e R$ 10 meia, para o combo de ingressos para os dois espetáculos R$ 30 inteira e R$ 15 meia. As entradas já estão à venda no site do Sympla. 

 

SERVIÇO
O QUÊ:
Lançamento "Coreografias de papel' 
QUANDO: Sábado, 15 de junho, a partir das 16h 
ONDE: Goethe-Institut Salvador-BA, Corredor da Vitória
VALOR: Ingresso para cada espetáculo: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia) | Combo de ingressos para os dois espetáculos: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia)

'Rebelde' ganhará nova versão dirigida por famosa diretora mexicana, diz rádio
Foto: Divulgação

Se você não está com seu espanhol na ponta da língua, vai poder aproveitar muito o momento que está por vir. De acordo com a rádio mexicana Fórmula, o seriado teen de sucesso "Rebelde" ganhará uma nova versão. Segundo a publicação, um remake da série será feito pela produtora mexicana Rosy Ocampo, conhecida por sucessos como "Carinha de Anjo" e "Cúmplices de um Resgate", e terá "El Lugar de Siempre" como nome.

 

As produções já começaram e tudo indica que até alguns nomes já foram escalados para viver o grupo de jovens, que foi interpretado por Anahí, Dulce Maria, Afonso Herrera, Christopher Uckermann, Maite Perroni e Christian Chávez na primeira versão da trama. Sem nenhuma confirmação até o momento, mas alguns nomes como Geraldine Galván, Samadhi Zendejas, Fatima Molina e Gisselle Kuri parecem estar no páreo para serem os atores principais da trama.

 

"Rebelde" teve duas temporadas que foram transmitidas ao longo de dois anos no Brasil, pelo SBT. O primeiro episódio foi ao ar em outubro 2004 e o último, dois anos depois, em junho de 2006. Em seguida, o grupo seguiu com carreira musical.

'Foi melhor acabar, todos estávamos cansados', diz Nanini sobre fim de 'A Grande Família'
Foto: Divulgação

Marco Nanini participou do programa 'Mais Você', da TV Globo nesta sexta-feira (24) e durante conversa com Ana Maria Braga, o ator falou sobre o fim de ‘A Grande Família”. 

 

O intérprete de Lineu no programa de humor disse que ficou satisfeito com a finalização da série. "Foi melhor acabar, todos estávamos cansados também. Fizemos tudo com muito afeto e dedicação. Então, não teve saudade, teve tristeza e nostalgia, mas valeu a pena", afirmou o artista. 

 

Ainda no bate-papo com a apresentadora, o ator falou sobre o seu novo papel na TV. Nanini estreou nesta semana na novela "A Dona do Pedaço", e interpreta o personagem Eusébio. "Antes de mais nada foi um presente que o Walcyr Carrasco me deu. É um personagem muito rico, cheio de nuances. Faz parte de um núcleo dito cômico, mas não é uma comédia escrachada, é mais sofisticada. Estou adorando esse papel, porém, ele é um pouco irritado e isso está me tomando os dias, porque agora estou ficando irritado, não estou sabendo administrar", brincou.

Figurantes brasileiros aproveitaram barulho para gritar 'Vai Corinthians' em 'GOT'
Foto: Reprodução / Facebook

Os brasileiros sempre marcam presença ao redor do mundo, inclusive em Westeros, terra em que se passou a história de 'Game of Thrones'. O gaúcho Fredy Somavila é um deles e participou como figurante durante a Batalha de Winterfell na última temporada da série. 

 

Em entrevista ao GauchaZH, o ator revelou que ele e outros brasileiros aproveitaram a confusão da Batalha para zoar um pouco. "Eu gritava 'Grêmio!' o tempo todo", disse. "Um grupo de brasileiros tentou combinar uns 'Vai, Corinthians!' também, mas óbvio que não deu para ouvir nada no meio da gritaria". 

 

Apesar das brincadeiras, Somavila falou sobre como foi gravar um dos episódios mais aguardados pelo público da série. "Foi uma loucura, foram 25 dias de gravação de batalha. O problema é que era muita fumaça. No fim das contas, não apareceu quase ninguém por causa disso. Tinha dias em que a gente mal conseguia enxergar, parecia uma neblina. Ainda assim foi fantástico porque fiquei muito próximo do Tormund na luta. Era para eu ter aparecido quando eles queimam os corpos da batalha, mas a cena acabou sendo cortada. Só mostraram o Ser Jorah queimando".

Secretário discute com arquitetos concessão de prédios públicos do Centro Antigo de Salvador
Foto: Divulgação

O secretário estadual de Turismo, Fausto Franco, discutiu, nesta quinta-feira (23), com representantes do Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB-BA), sobre a concessão de imóveis do governo para a iniciativa privada. Entre eles, o Palácio do Rio Branco. 

"O governo estabeleceu condicionantes (para a concessão), como a preservação de características arquitetônicas e históricas dos edifícios", disse. "No caso específico do Palácio Rio Branco, a empresa interessada precisará manter a fachada em sua integralidade, assim como o Memorial dos Governadores aberto à visitação pública gratuita", emendou.  

De acordo com a presidente do IAB-BA, Solange Araújo, a iniciativa é válida, mas é preciso levar em conta o valor histórico e artístico dos imóveis. "No caso do Palácio Rio Branco, solicitamos o tombamento ao Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac), em 2015. Defendemos que seja mantido íntegro", disse a arquiteta.

Sexta, 24 de Maio de 2019 - 15:50

Lulu Santos lança clipe 'Para Sempre' com marido Clebson Teixeira

por Fabiana Schiavon | Folhapress

Lulu Santos lança clipe 'Para Sempre' com marido Clebson Teixeira
Foto: Reprodução / Youtube

Lulu Santos, 66, divulgou o primeiro videoclipe de seu disco "Pra Sempre", com músicas inspiradas no romance e no casamento com o modelo e analista de sistemas Clebson Teixeira, 26.

O álbum completo já está nas plataformas digitais. De suas 11 faixas, há participações especiais da banda de rock O Terno e dos DJ's Anderson Noise e Marcelo Memê Mansur. Há ainda uma regravação de   "The Look of Love" (1967),  de Burt Bach Bacharach e Hal David.

O cantor e jurado do programa The Voice Brasil, da Globo, afirmou que assumir publicamente a relação foi seu ato mais político."Ter exposto minha orientação afetiva/sexual nos dias de hoje talvez tenha sido o ato mais político de minha vida e também obra", escreveu.

Lulu disse que o novo trabalho é cheio de emoção e contará o passo a passo da relação com o marido, "as estações da paixão".

"Provavelmente são as melhores e mais emocionantes canções que fiz nos últimos anos porque motivo e assunto não me faltaram".

O casal oficializou a união em abril com a assinatura de um termo de união estável.

 Lulu Santos revelou seu namoro com Clebson em julho do ano passado, também por um post nas redes sociais. Depois disso, os dois trocaram diversas declarações, inclusive no programa The Voice Brasil.

 

Veja o clipe:

Bairro da Paz sedia 3ª edição do Festival de Música, Dança e Poesia neste domingo
Foto: Divulgação

O Bairro da Paz, em Salvador, sediará a terceira edição do Festival de Música, Dança e Poesia, neste domingo, a partir das 13h. 


O evento tem como proposta reunir artistas locais e de bairros adjacentes em apresentações de espetáculos gratuitos. O Festival ainda contará com uma batalha de MCs, espetáculos teatrais e exposições de arte. Iniciativa da Santa Casa da Bahia, dentro do Programa Avançar, o festival ainda tem inscrições abertas, pelo telefone (71) 2203-9784.

Galeria do Solar Ferrão recebe exposição 'Retalhos do Sertão'
Foto: Divulgação

Com 20 telas do artista plástico baiano Eduardo Lima, a exposição “Retalhos do Sertão” fica em cartaz até 15 de junho, na Galeria do Centro Cultural Solar Ferrão, situada no Pelourinho, em Salvador. Com entrada gratuita, a mostra tem visitação aberta de segunda a sexta-feira das 10h às 17h, e sábado das 13h às 17h.


Autodidata, com 20 anos de carreira, Eduardo deixou a profissão de frentista para retratar o Sertão através da técnica de óleo sobre tela, sob sua perspectiva. “Nunca passei por uma escola de arte. Sou apaixonado pelas minhas raízes nordestinas; então passei a retratar o nordestino e o seu cotidiano simples. Eu queria que os personagens retratados por mim transmitissem timidez, como se estivessem envergonhados no momento de serem fotografados. Por isso, eles nunca olham diretamente em nossos olhos. Sou apaixonado também pela arte brasileira, por isso é evidente encontrar traços e cores que remetem ao Tropicalismo”, explica o artista.

 

SERVIÇO
O QUÊ:
“Retalhos do Sertão”
QUANDO: Até 15 de junho. Segunda a sexta-feira das 10h às 17h, e sábado das 13h às 17h
ONDE: Galeria do Centro Cultural Solar Ferrão – Pelourinho – Salvador (BA)
VALOR: Visitação gratuita

Sexta, 24 de Maio de 2019 - 12:50

Cineasta faz provocação ao #MeToo com longas cenas de bundas e seios

por Guilherme Genestreti | Folhapress

Cineasta faz provocação ao #MeToo com longas cenas de bundas e seios
Foto: Divulgação

Só a primeira sequência do filme "Mektoub, My Love: Intermezzo", de Abdellatif Kechiche, tem uns 35 minutos. Ela consiste numa profusão de bundas e seios bronzeados que desfilam de biquínis e maiôs diante da tela, muitas vezes filmados em close-ups e com uma câmera que não esconde o seu desejo voyeur. Em sua sessão de imprensa, despertou risos nervosos.

Nas horas seguintes -sim, o longa tem três horas e meia de duração-, o ambiente muda da praia para uma balada onde as garotas da história continuam rebolando, dançando em palquinhos e dando amassos em rapazes igualmente suados numa atmosfera carregada de erotismo.

Diretor do premiado "Azul É a Cor Mais Quente", o tunisino Kechiche não parece estar nem aí para o #MeToo e para todas as discussões a respeito de mulheres retratadas como objetos sexuais na tela. E ele ainda desembarcou no Festival de Cannes trazendo nas costas a acusação de ter abusado de uma atriz num hotel parisiense.

Em conversa com jornalistas no dia seguinte à exibição, o cineasta falou que queria celebrar a "metafísica dos corpos" em sua nova obra, que retoma personagens de "Mektoub, My Love: Canto Uno", de dois anos atrás.

"Há algo misterioso nas formas humanas que te botam em outro estado. Não escolhi pessoas bonitas em si, mas pessoas que traziam uma chama", disse, entre respostas atravessadas e outras escancaradamente grosseiras.

Mal-humorado, reclamou quando tentavam lhe arrancar detalhes sobre a preparação do longa e não deixou que seus atores respondessem às perguntas da imprensa. "Não há necessidade."

No mais próximo que chegou de responder sobre a erotização dos corpos, falou que se inspirou no cubismo e nas esculturas parisienses. "Se você olhar para cima em Paris, vê lindas deuses e anjos. Queria filmar com essa mesma perspectiva, a partir de baixo."

"Mektoub" traz um fiapo narrativo. Embora contenha inúmeros diálogos para preencher a sua longuíssima duração, não traz um enredo disposto a ser didático ou a dar grandes informações sobre as motivações de seus personagens.

Em linhas gerais, o que se tem é a retomada da história de Amin (Shaïn Boumedine), um jovem fotógrafo de origem tunisina que reencontra a sua velha turma ao retornar no verão para a sua cidade natal, Sète, no sul da França. Ali, os amigos passam os dias passando xavecos na praia e as noites se esfregando na balada. Pouco acontece além disso.

"Queria uma experiência cinematográfica que fosse o mais livre possível e quebrar as regras da narrativa que foram definidas na história do cinema", disse o diretor. Ainda segundo ele, não causa aborrecimento algum a informação de que vários espectadores deixaram a sala de cinema durante a projeção.

"Nem todos estão abertos a esse tipo de experiência, nem todas as pessoas compartilham da forma como eu olho para os outros. Seria um desastre se todos vissem o filme da mesma forma."

O cineasta se enfureceu quando lhe perguntaram sobre a investigação que corre a respeito do suposto abuso sexual cometido contra uma atriz. "É uma pergunta estúpida", disse. "Estamos num festival, celebrando cinema. Não estou a par de nenhum inquérito. Se quer saber, minha mente está tranquila."

Kechiche tem um longo histórico de controvérsias relacionadas à forma como exibe corpos, principalmente os femininos, em seis filmes.

Com "Azul É a Cor Mais Quente", com o qual levou a Palma de Ouro seis anos atrás, ele já havia sido criticado pela forma como retratou o romance lésbico das personagens da história -mais como um fetiche masculino do que como uma empatia genuína.

As atrizes Léa Seydoux e Adèle Exarchopoulos reclamaram naquela ocasião de terem se sentido usadas pelo diretor. Na mais comentada cena do filme, as duas protagonizam uma cena bastante gráfica de sexo, com mais de seis minutos de duração.

Mostra Musical Tum Tum Instrumental lança edital para artistas de toda a América Latina
Foto: Fotografia das Artes

A Mostra Musical Tum Tum Instrumental abriu edital para grupos de toda a América Latina, interessados em participar de sua sétima edição, realizada entre julho deste ano e março de 2020, em Caxias do Sul (RS). 


Os interessados devem se inscrever até este domingo (26), pelo site oficial do evento (clique aqui). Ao todo, serão selecionados 12 grupos ou músicos, e o resultado será divulgado um mês após a data limite das inscrições. 


“A seleção para a próxima edição vai buscar o que há de contemporâneo na cena musical instrumental do Brasil e da América Latina, atendendo a critérios de representatividade e expressividade, qualidade artística, capacidade de comunicação com o público e histórico profissional”, observa a diretora executiva Juliana Pandolfo, criadora da mostra, ao lado do diretor artístico Roberto Scopel.

Emilia Clarke conta que rejeitou papel em '50 Tons' para não ter imagem atrelada a nudez
Foto: Divulgação

Após o final de “Game of Thrones”, a atriz Emilia Clarke revelou ter rejeitado o papel de protagonista do filme “50 Tons de Cinza” para não ter sua imagem atrelada sempre às cenas de nudez. 


"A última vez que eu fiquei pelada em ‘Game Of Thrones’ foi há muito tempo e mesmo assim é a única pergunta que eu sempre tenho que responder, porque eu sou uma mulher. E é incômodo demais e eu estou cansada disso, porque eu fiz aquilo pelo personagem. Eu não fiz para que um cara pudesse ficar olhando meus peitos, pelo amor de Deus", explicou a intérprete de Daenerys Targaryen, personagem que por algumas vezes apareceu nua na série. 


"Eu fiz um pouco destas cenas e mesmo assim sou lembrada por isso, então dizer sim para [50 Tons de Cinza], onde tudo é sobre sensualidade, sexo e ficar pelada o tempo inteiro foi algo tipo sem chance que eu vou voluntariamente entrar em uma situação em que eu não posso mais olhar para uma pessoa no olho e dizer 'não, você não pode continuar me fazendo essa pergunta’", argumentou a atriz. 

Letieres Leite Quinteto faz show de lançamento de 1º disco na Sala do Coro
Foto: Divulgação

O grupo Letieres Leite Quinteto sobe ao palco da Sala do Coro do Teatro Castro Alves no dia 4 de junho, a partir das 20h, com o show de lançamento de seu primeiro disco, “O Enigma Lexeu”. 


Com sete faixas, o disco que chega nos formatos digital e vinil, pela gravadora Rocinante, condensa parte das pesquisas que Letieres vem desenvolvendo nas últimas três décadas.  “O Quinteto nasceu da mesma ideia que me impulsionou a criar a Rumpilezz, ambos são feitos do mesmo barro: o Universo Percussivo Baiano, que chamo de UPB, e suas transmissões rítmicas para instrumentos como sax, flauta, baixo e bateria. O conceito estético, tanto da Rumpilezz quanto do Quinteto, surgiu bem antes desses trabalhos serem lançados, ainda na década de 1980, quando comecei a compor com estes elementos”, conta Letieres.


No roteiro do show estão todas as músicas do disco, como “Casa do Pai”, “Três Yabás”, “Patinete rami rami”, “Catalunya vuelve a casa” (em memória do baterista espanhol Roger Blàvia), “Tramandaí”, “Mestre Moa do Katendê” (composta em 2005 para homenagear seu primeiro mestre de música, quando aluno secundarista, no projeto da etnomusicóloga Emília Biancardi) e “Honra ao Rei”, faixa que mais representa o trabalho, segundo o maestro.


Criado há 10 anos por Letieres leite, o grupo é formado por Luizinho do Jêje (percussões), Ldson Galter (contrabaixo), Marcelo Galter (teclados), Tito Oliveira (bateria) e Letieres Leite (sax e flautas).


SERVIÇO
O QUÊ:
Letieres Leite Quinteto
QUANDO: Terça-feira, 4 de junho, às 20h
ONDE: Sala do Coro do Teatro Castro Alves – Salvador (BA)
VALOR: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia)

Sexta, 24 de Maio de 2019 - 09:00

Giro: Expertise

por Adriana Barreto e Cris Montenegro

Giro: Expertise
Francesco Pellegatta | Foto: Divulgação

Conhecido como um dos mais famosos Master Trainer de Hipnoterapia e PNL do mundo, o psicólogo Italiano Dr. Franceso Pellegatta, PhD, vai inaugurar a sede física do seu primeiro instituto no Brasil, na próxima segunda-feira, dia 27, em dois momentos distintos: a partir das 9h da manhã com o espaço completamente aberto ao público para receber clientes, pacientes, estudantes e demais interessados na área – e ao final da tarde – quando haverá um coquetel dedicado à imprensa, convidados e formadores de opinião, no horário das 18h às 21h, no piso L2 do Salvador Shopping (ao lado da Etna). 

 

Referência internacional nas áreas de Programação Neuro-Linguística (PNL), Hipnoterapia, Time Line Therapy® e Coaching – o Master TrainerFrancesco Pellegatta é graduado em psicologia clínica nos Estados Unidos e psicologia experimental na Suíça, além de possuir Mestrado em Psicologia (USA), Doutorado em Sexologia (USA) e Doutorado em Teologia ThD (USA). 

 

 A escolha de abrir um instituto dentro de um shopping de grande porte na capital baiana foi um sonho realizado na vida de Francesco – que já mantém um trabalho semelhante na Itália e na Inglaterra, além de cooperar com institutos parceiros em outros países, como em Portugal. Por aqui, Francesco vai direcionar sua vasta expertise oferecendo cursos bem específicos. Com uma confortável sala para 30 lugares no Salvador Shopping, o novo Francesco Pellegatta Institute (FPI) vai funcionar como uma base fixa para que o profissional e sua equipe possam continuar oferecendo os mais diversos treinamentos voltados para o desenvolvimento profissional e humano, além de técnicas exclusivas na formação de profissionais que almejam trabalhar no mercado abordando técnicas inovadoras como: terapias integrativas, hipnoterapia, otimização de vendas, PNL e consultoria empresarial, entre outras. (por Adriana Barreto)

Sexta, 24 de Maio de 2019 - 08:50

Com cenas no Rio, 'O Traidor' concorre à Palma de Ouro com política e retrato da máfia

por Guilherme Genestreti | Folhapress

Com cenas no Rio, 'O Traidor' concorre à Palma de Ouro com política e retrato da máfia
Foto: Divulgação

Numa das primeiras sequências de "O Traidor", filme que concorre à Palma de Ouro no Festival de Cannes, o cineasta italiano Marco Bellocchio intercala cenas de gângsteres assassinados um a um nas ruas da Sicília a trechos de um batizado num casarão do Rio de Janeiro.

 A referência a "O Poderoso Chefão", mais famosa saga de máfia da história do cinema, é só um jogo com o espectador. Pois embora o diretor esteja mergulhado naquele mesmo mundo de metralhadoras, códigos de honra e beija-mão em padrinhos, sua obra está mais para um comentário político do que para um retrato romantizado sobre a criminalidade.

 Aliás, mais do que um retrato da máfia, é um retrato de um mafioso em particular, Tommaso Buscetta e as motivações que o levaram a se tornar o mais famoso dos "pentiti", os arrependidos que colaboraram com a Justiça italiana e delataram os seus antigos comparsas da organização Cosa Nostra.

O caso dele ficou bem conhecido no Brasil porque foi nesse país que ele achou refúgio, se casou e acabou preso e extraditado. "O Traidor" explora essa sua passagem e o seu casamento com Cristina, brasileira que nas telas ganhou a pele de Maria Fernanda Cândido num papel grande na trama.

 (Trajando um longo e brilhoso vestido bordô, a atriz foi o grande destaque do tapete vermelho, com as câmeras ao vivo nunca deixando de acompanhar os seus passos rumo à escadaria do cinema)

 O longa mostra como Buscetta, interpretado por Pierfrancesco Favino, foi torturado pela polícia na época da ditadura militar assim que sua identidade foi descoberta. Na vida real, ele morou em São Paulo, mas para efeitos mais cinematográficos, sua casa na história acabou virando uma mansão no alto de Santa Teresa com vista para a baía de Guanabara.

 O filme de Bellocchio é uma coprodução da Itália com o Brasil, aqui tocada pela produtora paulista Gullane Filmes. Junto a "Bacurau", dos pernambucanos Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, são os títulos com DNA nacional entre os 21 da competição do Festival de Cannes.

 Em dezembro do ano passado, quando este repórter visitou o set carioca do filme, o cineasta contou que se sentia intrigado pelo que havia levado o protagonista a delatar seus antigos companheiros. "Não se sabe se por conveniência ou vingança", disse. "É uma traição psicanalítica, porque vai contra os princípios da máfia, de que ele era muito fiel."

Algumas dessas motivações ele explora nas longas cenas de embate entre o personagem e o juiz Giovanni Falcone (Fausto Russo Alesi), com quem firmou o acordo para se tornar um informante da máfia. O magistrado, aliás, é a grande figura inspiradora do atual ministro Sergio Moro.

 A Falcone, Buscetta confidencia que sua motivação tem a ver com as mudanças nos códigos de conduta da Cosa Nostra. Eram os anos 1980, a Sicília tinha se tornado rota para o transporte da heroína e os mafiosos haviam se apoderado disso. Ao mesmo tempo, passaram a ser mais sanguinolentos, matando até crianças e mulheres.

O ex-gângster não concorda com esses novos métodos e, fiel ao que entende como sendo os princípios de seu ofício, opta por denunciar os outros criminosos em julgamentos mostrados em toda a sua espetacularização -comentário de tom político que serve tanto ao Judiciário italiano quanto ao brasileiro.

Não dava mesmo para esperar algo diferente de Bellocchio, veterano diretor de 79 anos que nas últimas décadas vem esmiuçando as entranhas do poder em seu país em filmes como "Bom Dia, Noite", sobre a organização paramilitar Brigadas Vermelhas, e "Vincere", sobre o fascismo.

O título do novo filme do cineasta, "O Traidor", é outra artimanha. Pois o que o enredo defende é que quem traiu primeiro foram os novos barões da máfia, que contrariam os preceitos a que Buscetta era tão ligado.

Fora da programação oficial, o Brasil também marcou presença em Cannes com "Sem Seu Sangue", de Alice Furtado, que faz parte da seção Quinzena dos Realizadores. O longa é um exemplar da boa produção autoral carioca, frequentemente ofuscada pela voracidade dos títulos comerciais da Globo Filmes.

 Aqui, a diretora estreante costura a história do despertar sexual de uma adolescente, apaixonada por um garoto hemofílico que chega na escola, com símbolos do vodu haitiano. Difícil explicar a ligação sem dar spoilers. A levada é mais reflexiva do que exatamente narrativa.

 Antes da sessão, a equipe do filme empunhou cartazes em defesa das universidades públicas, uma crítica à decisão do governo Bolsonaro de cortar investimentos em educação. Segundo Matheus Peçanha, produtor do longa, a obra só se concretizou porque os responsáveis por ela se conheceram na Universidade Federal Fluminense.

 "É um filme que só possível graças a esse encontro e ao ensino gratuito que tivemos", diz. "A universidade pública cria um papel cultural e social."

Secult abre inscrições para atrações de Samba Junino no Pelourinho
Foto: Divulgação

A Secretaria de Cultura da Bahia abriu, desta sexta-feira (24) até o dia 30 de maio, as inscrições para atrações de Samba Junino interessadas em participar dos festejos no Pelourinho.


A inscrição está inserida no Edital de Credenciamento do Ciclo de Festejos Juninos no Pelô, e deve ser feita através de formulário eletrônico. 


Poderão participar do credenciamento pessoas físicas e jurídicas, inclusive proponentes que representem, no máximo, até três artistas, bandas musicais ou grupos, com repertório junino. No caso de pessoas jurídicas, devem ter na Bahia, com mais de um ano de constituição.

 

Regulamento Samba Junino
Portaria 66.2019 Institui o Credenciamento do Samba Junino 
Formulário de Inscrição - Samba Junino
Contrato de Pessoa Juridica - Samba Junino
Contrato de Pessoa Física - Samba Junino

Quinta, 23 de Maio de 2019 - 21:50

Lázaro Ramos lança livro infantil com personagem do Mundo Bita

por Folhapress

Lázaro Ramos lança livro infantil com personagem do Mundo Bita
Foto: Divulgação

Após escrever dois livros infantis baseados nos filhos João e Maria, o ator Lázaro Ramos lançará neste sábado (25), no Rio de Janeiro, mais uma obra para crianças. "Sinto o que sinto e a incrível história de Asta e Jaser", da editora Carochinha, tem ilustrações de Ana Maria Sena e parceria com o desenho Mundo Bita, que tem um de seus personagens, Dan, como protagonista.

 

"Hoje em dia, falar com crianças e adolescentes, para mim, significa fugir também de uma angústia do mundo adulto, que tem dificuldade para conseguir dialogar", afirmou Lázaro em entrevista concedida à editora.

 

O escritor também diz que escolhe temas para o público infantil que ajudem a "plantar uma semente para um futuro de mais diálogo, mais afeto e mais conhecimento dos nossos valores e da nossa história". No novo livro, Lázaro fala sobre sentimentos, para ajudar os pequenos a entenderem que é normal sentir raiva, alegria, orgulho, às vezes tudo ao mesmo tempo.

 

"Mesmo para os adultos, lidar com os sentimentos nem sempre é fácil. Isso é o que Dan, protagonista dessa história e personagem do Mundo Bita, percebe ao longo de seu dia, enfrentando diferentes situações que o fazem ter de encarar uma mistura bastante diversa de sentimentos", conta.

 

O personagem ouve de seu avô a história sobre os antepassados, Asta e Jaser, segunda narrativa presente na obra, que fala sobre um povo africano que vive às margens do Rio Omo, na Etiópia. "Eu acredito que o Rio Omo e o seu povo são trazem a criatividade e a ludicidade na sua existência. E, ao juntar o tema "sentimentos" com o povo do Rio Omo, deu pra falar também sobre ancestralidade, saudade, memórias, que remetem a sentimentos que não constam com tanta frequência nos livros infantis, mas que fazem a diferença na construção da nossa identidade", afirma.

Professor manda recado em novo teaser da 3ª temporada de 'La Casa de Papel'
Foto: Divulgação

O perfil oficial de "La Casa de Papel" lançou um novo teaser da terceira temporada da série que irá estrear no dia 19 de julho. 

 

No vídeo, o Professor (Alvaro Morte) aparece com um macacão vermelho e segurando uma máscara de Dalí. Ele anunciou que o grupo que assaltou a Casa da Moeda da Espanha irá se reunir novamente, pois a polícia está com um deles. 

 

O professor ainda diz que o grupo fará "algo ainda maior", dando a entender que um novo assalto pode acontecer.

Artistas baianos lançam música em prol das universidades públicas; confira
Foto: Reprodução / Youtube

Artistas baianos se reuniram e lançaram nesta quarta-feira (22) uma música para defender as universidades públicas federais que foram atingidas pelos cortes no orçamento realizados pelo Ministério da Educação (MEC). 

 

A canção, que recebeu o nome "Queremos Universidade", é interpretada por Margareth Menezes com participação de Roberto Brito e foi composta pelos professores Cláudio Lima e Paulo Costa Lima, da Universidade Federal da Bahia (Ufba). 

 

O vídeo mostra dados e imagens sobre a produção científica realizadas pelas universidades brasileiras. O clipe foi produzido por Nancy Viegas. 

 

Confira o vídeo:

 

 

Laudo do IML aponta que modelo da SPFW morreu em decorrência de edema pulmonar
Foto: Reprodução / Instagram

O laudo necroscópico emitido pelo Instituto Médico Legal (IML) da Polícia Técnico-Científica informou que o modelo Tales Cotta sofria, em vida e provavelmente sem o conhecimento, de uma cardiopatia não diagnosticada. O problema cardíaco não especificado culminou num quadro de edema pulmonar agudo, o que provocou o mal súbito durante o desfile na 47ª São Paulo Fashion Week em abril deste ano.

 

Segundo informações obtidas pelo G1, o exame será encaminhado para o 91º Distrito Policial (DP) e integrará o inquérito que apura a causa da morte considerada até então como suspeita a esclarecer. No documento, também foi provado que ele não tinha consumido drogas e álcool. 

 

No dia 27 de abril, Tales Cotta desfilava pela marca Också durante a São Paulo Fashion Week (SPFW) quando caiu na passarela desacordado. No momento, chegaram a pensar que o fato fazia parte de uma performance. Socorrido, Tales foi levado a um pronto-socorro no bairro da Lapa, mas não resistiu (relembre aqui).

Filho de Arlindo Cruz diz que pai vai tirar traqueostomia e pode voltar a falar
Foto: Divulgação

O cantor Arlindo Cruz superou as expectativas sobre o tempo de recuperação da fala. O filho do sambista, Arlindinho disse em entrevista ao jornal "Extra" que o estado de saúde do pai tem melhorado gradativamente. 

 

O primogênito tem compartilhado com seus seguidores, desde o começo do ano, as pequenas conquistas do pai, que sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) em 2017 e tem se recuperado das sequelas. 

 

"Ele está sendo tratado com normalidade. O médico pediu para não vê-lo como paciente. E meu pai está interagindo muito. Semana que vem ele vai tirar a traqueostomia e vai poder voltar a falar. Mas isso virá com o tempo. O que vemos hoje é um milagre!", conta o filho de Arlindo. 

 

"Em breve, ele vai a um show meu. O médico até pediu para a gente fazer isso. Vai ajudar a ativar a memória dele", revela Arlindinho.

Quinta, 23 de Maio de 2019 - 18:50

Orlando Drummond declara que enquanto estiver vivo, estará presente em 'Escolinha'

por Fabiana Schiavon | Folhapress

Orlando Drummond declara que enquanto estiver vivo, estará presente em 'Escolinha'
Foto: Reprodução/ Instagram

Prestes a completar cem anos, ator Orlando Drummond fez uma participação nas gravações da quinta temporada da Escolinha do Professor Raimundo (Globo) nesta terça-feira (21). A visita Drummond, o Seu Peru da versão original do humorístico, precisou de um esquema especial, segundo comunicado da Globo. É que a presença dele foi uma surpresa a todo o elenco. 

 

No meio da gravação de um episódio, os "alunos" saíram da sala a pedido da diretora do programa, Cininha de Paula, enquanto o humorista entrou no local. Quando retornaram ao cenário, lá estava ele, sentado na carteira que ocupou durante anos, com o figurino completo de Seu Peru. O último a entrar foi Marcos Caruso, o herdeiro do personagem, que ficou emocionado ao dar de cara com o ator que o inspirou diretamente.

 

Marcos Caruso também ficou extremamente lisonjeado com a ocasião: "A ideia era homenagearmos quem fez primeiro e acabou que nós é que fomos homenageados. Ele demonstra que o talento e a obstinação pela profissão não têm idade", comentou. 

 

Acompanhado da família, ao deixar o set, ele agradeceu a oportunidade: "Não tem preço. Enquanto eu estiver vivo, estarei presente com muito amor e carinho. Obrigado, obrigado, obrigado". E dedicou o sucesso à companheira, Glória Drummond: "Ter a minha esposa junto desse grupo todo foi maravilhoso. A minha Glorinha, tudo para ela!".

 

Animado, Drummond até criou uma conta no Instagram para divulgar o momento. Para inaugurar o perfil, ele compartilhou com os fãs uma foto ao lado do neto Felipe num estúdio de dublagem. O ator também é famoso por ter dado voz aos personagens Popeye, Scooby Doo, Alf, Gato Guerreiro (de He-Man) e Vingador (de Caverna do Dragão). Após 24h na rede, ele compartilhou uma foto ao lado da esposa Gloria Drummond, durante a celebração das Bodas de Ouro do casal, em 2001.

 

A quinta temporada da Escolinha estreia em julho e terá mais dois personagens: João Canabrava, que será interpretado por Marcos Veras, do elenco de "Verão 90", e Seu Mazarito, personagem de Costinha, que será vivido por Leandro Hassum.

Projeto quer promover assistência social com uso da cultura em Irecê
Foto: Divulgação / Waldson Alves

Irecê recebe no mês de maio a primeira etapa das ações da Rede Especial de Atendimento Social (Reas). O projeto apresenta seminários, cursos e programas de qualificação para os agentes sociais que atuam no Centro de Referência Especializada de Assistência Social (Creas) e no Centro de Referência de Assistência Social (Cras). 

 

Os assuntos das atividades são voltados para a promoção dos direitos dos cidadãos e, em especial, os direitos e a proteção à criança e ao adolescente do município. Segundo o prefeito Elmo Vaz, a determinação foi realizada para "fazer de Irecê uma referência regional e mesmo estadual na área da assistência social com uma equipe de excelência". 

 

O Reas, que irá acontecer até setembro, também promove a capacitação de toda a equipe da Secretaria de Assistência Social requalificando e potencializando os talentos que existem na área da assistência desde o secretário até os auxiliares de serviços gerais. Fazem parte do público-alvo do projeto toda a equipe do Creas e do Cras, que envolve psicólogos, advogados, educadores e assistentes sociais e a equipe de visita à zona rural.

 

As ações da Rede Especial de Atendimento Social são coordenadas pelo Centro Internacional Avatar (Ciacen), e irá se dividir em duas ferramentas: a capacitação contínua, utilizando a liderança positiva e a gestão produtiva, e o uso das estratégias da cultura. 

 

Após a participação no Reas, a inteção é que os agentes aumentem a capacidade de liderança e passem a trabalhar com maior empatia no atendimento aos demandantes. "Preparamos profissionais para ter um atendimento social de referência", diz o prefeito Elmo Vaz.

'O ato mais político da minha vida': Lulu Santos anuncia álbum dedicado ao seu casamento
Foto: Reprodução/ Instagram

Lulu Santos irá lançar nesta sexta-feira (24) um álbum que fala sobre a relação do cantor com o atual marido Clebson Teixeira.

 

"Ter exposto minha orientação afetiva/sexual nos dias de hoje talvez tenha sido o ato mais político da minha vida e também da minha obra", escreveu o cantor em sua conta do Instagram nesta quinta-feira (23). Sobre o álbum "Pra Sempre", o cantor disse que este trabalho deve ter "as melhores e mais emocionantes" canções que ele fez nos últimos anos. "Assuntos não me faltaram", declarou o artista na publicação. 

 

Lulu Santos assumiu seu relacionamento com o modelo baiano Clebson em julho de 2018. Em janeiro deste ano, o cantor foi pedido em casamento durante um show no Rio de Janeiro e em abril eles assinaram um termo de união estável.

Xênia França concorre a prêmio no Berlin Music Video Awards
Foto: Divulgação

Em turnê internacional, Xênia França desembarcará na Alemanha no dia 28 de maio para participar do Berlin Music Video Awards. A cantora e compositora baiana concorrerá ao prêmio de Melhor Videoclipe, pelo registro da faixa "Pra que me chamas?".


Antes do festival, Xênia participará ainda de duas mesas na Latin American Conference, como uma das fundadoras da rede Unidas, formada pelo governo alemão e mulheres latino americanas. Os encontros discutirão o direito das mulheres, democracia e segurança.


Durante sua passagem pela Alemanha, a cantora fará ainda seu primeiro show em Berlim. Acompanhada de violão e percussão, Xênia fará um show intimista, no dia 3 de junho, às 21h, no Maze.

Histórico de Conteúdo