Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quarta, 22 de Junho de 2022 - 18:45

Fala, Albuca!: Glauber Rocha, hoje nos cinemas

Fala, Albuca!: Glauber Rocha, hoje nos cinemas
O único filme brasileiro no festival de Cannes de 2022: Deus e o Diabo na Terra do Sol, de Glauber Rocha. Depois de restaurado em 4K por iniciativa de sua filha Paloma Rocha, o longa do Cinema Novo voltou ao seu lugar de estreia para ser homenageado na mostra “Cannes Classics”, parte do festival dedicada aos filmes clássicos e à preservação do patrimônio cinematográfico mundial.

Leia mais

Quinta, 05 de Maio de 2022 - 15:00

Fala, Albuca!: À luz de Lina Bo Bardi

por Beatriz Albuca - @albuquerquebeatriz

Fala, Albuca!: À luz de Lina Bo Bardi
Vindo direto de uma Itália destruída pela guerra, Lina Bo Bardi encontra no Brasil uma cultura recente e em plena formação, onde ideias novas são potencializadas. Dona Lina, como a chamaremos aqui na Bahia, é hoje uma referência quando o tema é a preservação e a valorização do patrimônio cultural brasileiro.

Leia mais

Quinta, 24 de Março de 2022 - 14:00

Fala, Albuca!: Anitta é cultura?

por Beatriz Albuca - @albuquerquebeatriz

Fala, Albuca!: Anitta é cultura?
Eis o novo marco: com “Envolver”, Anitta se torna a primeira artista brasileira, entre homens e mulheres a entrar para o top 10 do Spotify, equivalente ao que seria estar nos top hits da Billboard há algumas décadas. O barulho foi alto e as alfinetadas insinuam que a cultura brasileira está mal representada. Será mesmo?

Leia mais

Quinta, 10 de Março de 2022 - 09:00

Fala, Albuca!: A reconstrução da narrativa nacional através da cultura

por Beatriz Albuca - @albuquerquebeatriz

Fala, Albuca!: A reconstrução da narrativa nacional através da cultura
Em meio a tantas imagens do atual conflito na Ucrânia, uma menos em evidência, em que estátuas estão cobertas com lonas e tecidos próprios para proteção contra incêndios, nos convida à uma reflexão sobre a relação do patrimônio cultural com a manutenção ou reconstrução de uma identidade nacional. Os monumentos históricos são peça chave na tomada de uma cidade e na imposição de um povo sobre o outro. Destruindo o patrimônio cultural de um país, você apaga os vestígios materiais símbolos do seu passado em comum e da sua identidade coletiva, por isso são alvos estratégicos de guerra há milênios. 

Leia mais

Quinta, 10 de Fevereiro de 2022 - 09:00

Fala, Albuca!: Por que a Monalisa é tão famosa?

por Beatriz Albuca - @albuquerquebeatriz

Fala, Albuca!: Por que a Monalisa é tão famosa?
Pintada não em uma tela comum, mas em um painel de madeira, a “Monalisa”, também chamada de “Gioconda”, é provavelmente a obra de arte mais conhecida do mundo e são diversos acontecimentos que, combinados, criaram a fascinação em torno desse quadro. 

Leia mais

Sexta, 28 de Janeiro de 2022 - 10:10

Fala, Albuca!: Do sagrado nasce a arte moderna baiana

por Beatriz Albuca - @albuquerquebeatriz

Fala, Albuca!: Do sagrado nasce a arte moderna baiana
Não é nenhuma novidade a influencia da religiosidade na construção cultural e no desenvolvimento artístico de um povo. A arte sacra na Bahia foi em sua maioria concebida sob uma ótica católica que representa a cultura portuguesa e europeia em geral, não tendo um caráter necessariamente brasileiro ou baiano¹. Hoje, a religiosidade está internalizada na arte e é a peça chave para a criação de uma imagem baiana na cena artística.

Leia mais

Quinta, 13 de Janeiro de 2022 - 08:00

Fala, Albuca!: Como calcular o preço de uma obra de arte?

por Beatriz Albuca - @albuquerquebeatriz

Fala, Albuca!: Como calcular o preço de uma obra de arte?
Van Gogh em vida não vendeu nada e hoje seus quadros valem alguns milhões de dólares. A Monalisa, apesar de ter seu valor considerado imensurável, bateu o recorde com uma cotação a US$2,5 bilhões feita a partir do valor do seguro pago pelo governo francês. 

Leia mais

Quinta, 30 de Dezembro de 2021 - 08:00

Fala, Albuca!: O novo sempre vem

por Beatriz Albuca - @albuquerquebeatriz

Fala, Albuca!: O novo sempre vem
Apesar da pouca intimidade dos brasileiros com museus e centro culturais, o que se vê em pesquisas é o aumento da frequência à esses espaços. É desse momento de crescimento do interesse, sobretudo na população jovem, na descoberta dos museus brasileiros que essas instituições precisam se aproveitar para fidelizar o publico e fomentar o consumo da cultura.

Leia mais

Quinta, 16 de Dezembro de 2021 - 08:00

Fala, Albuca!: A primeira obra de arte essencialmente brasileira

por Beatriz Albuca - @albuquerquebeatriz

Fala, Albuca!: A primeira obra de arte essencialmente brasileira
Partamos do princípio de que há uma diferença entre uma arte brasileira e uma arte simplesmente feita no Brasil. É nesse contexto que o “Abaporu“ de Tarsila do Amaral é a primeira obra de arte essencialmente brasileira. 

Leia mais

Quinta, 02 de Dezembro de 2021 - 08:00

Fala, Albuca!: Arte contemporânea - Por que embalar o Arco do Triunfo?

por Beatriz Albuca - @albuquerquebeatriz

Fala, Albuca!: Arte contemporânea - Por que embalar o Arco do Triunfo?
Uma intervenção que mostra ao publico que uma obra de arte não precisa ser um objeto, mas também um lugar com um papel simbólico dentro da cidade. Hoje a obra que trago para questionarmos o fazer artístico contemporâneo é o polêmico empacotamento do Arco do Triunfo, em Paris (L’Arc de triomphe, Wrapped, Paris, 1961-2021).

Leia mais

Histórico de Conteúdo