Terça, 11 de Junho de 2019 - 10:20

Carreiras FTC: Se passar na OAB é seu sonho, o que falta para realizá-lo?

por Mateus Costa Ribeiro

Carreiras FTC: Se passar na OAB é seu sonho, o que falta para realizá-lo?
Foto: Divulgação

Aos nove anos, eu impetrei meu primeiro habeas corpus. Era final da Copa do Brasil e o Corinthians, meu time do coração, ia disputar a taça com o Sport justo quando eu estava de castigo, impedido de acompanhar a partida. Na tentativa de sensibilizar meus pais que são advogados, meu irmão sugeriu que eu redigisse um habeas corpus. Funcionou: minha mãe percebeu que a pena era mesmo desproporcional ao delito, reverteu o castigo e eu pude ver o Corinthians ser campeão brasileiro.

 

As pessoas perguntam como eu consegui ser advogado aos 18 anos e essa história é muito explicativa. E, não, não é porque eu já tinha contato com peças jurídicas aos nove anos. Mas porque eu sabia o que eu queria e me empenhava em conquistar. No caso, eu queria ver o jogo, mas na época, eu também já sabia que queria ser advogado. Uma vez que eu tinha estabelecido um objetivo, empreguei toda a energia em conquistar meu sonho o mais rápido possível. Para mim, ter um objetivo definido é o ponto de partida, sonhar é um dos elementos da vitória. Quais são os outros? Planejar e trabalhar.

 

Foi assim que, de aluno mediano, eu me tornei universitário aos 14 anos. E, aos 18, conclui a graduação. Mas, para realizar meu sonho e alcançar meus objetivos, eu ainda precisava conquistar a carteira da Ordem dos Advogados do Brasil. O Exame da Ordem é a porta de entrada oficial para a carreira jurídica e, por conta do alto índice de reprovação, é também onde morrem muitos sonhos. Diante desse cenário, é normal que a ansiedade chegue. Mas, como eu sempre repito aos meus alunos, a prova da OAB é apenas uma oportunidade, a vida só pode melhorar.

 

No momento da prova, você não pode fazer nada além de dar o seu melhor. Mas, para tanto, é preciso manter a calma e confiar no trabalho realizado até aquele momento. E não estou falando sobre um trabalho árduo ou longo demais, estou falando sobre estudar certo. Durante todo o percurso, é importante seguir um cronograma assertivo, focado nos temas mais recorrentes e revisando todo o conteúdo com frequência. Nessa reta final, os aulões de revisão são sempre uma boa pedida para rever alguns temas e, quem sabe, garantir pontos cruciais na prova. No dia 28, estarei em Salvador participando da Mega Revisão OAB junto a um time de professores qualificados. Ainda dá tempo de garantir sua vaga no evento e também garantir seu nome na lista de aprovados no XXIX Exame da Ordem.

 

* Mateus Costa Ribeiro é o advogado mais jovem do Brasil, conquistando sua carteira da OAB aos 18 anos. É mestrando pela UNB e costuma dar palestras sobre o método de estudos que possibilitou todas essas conquistas.

 

*Os artigos reproduzidos neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do Bahia Notícias

Histórico de Conteúdo