Metade dos norte-americanos acredita que sexo com robôs será comum em 50 anos
Foto: Getty Images

Torna-se cada vez mais comum a ideia de bonecos sexuais realistas, mas o uso propriamente dito ainda é olhado com estranheza por muitas pessoas. No entanto, uma pesquisa realizada pela YouGov revelou que 49% dos adultos norte-americanos acredita que, nos próximos 50 anos, o sexo com robôs será uma prática comum. Publicado nesta segunda-feira (2), o estudo questionou 1.146 moradores dos Estados Unidos. Mesmo com o número, os resultados mostraram que poucas pessoas seriam adeptas à prática: 24% dos homens e 15% das mulheres. A pesquisa também mostrou como é vista a prática de sexo com robôs por pessoas comprometidas. Entre os homens, 29% acreditam que seria traição, contra 37% que discordam. Já 36% das mulheres apontam o ato como adultério, enquanto 29% discordam disso. As respostas provavelmente estão relacionadas à impressão que os entrevistados têm da prática. Somente 14% a classificam como sexo, enquanto 33% acreditam que se trata de masturbação.

Histórico de Conteúdo