Sábado, 20 de Janeiro de 2018 - 10:30

Sobape abre inscrições para curso voltado a pediatras

Sobape abre inscrições para curso voltado a pediatras
Foto: Reprodução / Clínica CMP

Estão abertas no site da Sociedade Baiana de Pediatria (Sobape) as inscrições para o curso de atualização  e preparação para o Título de Especialista em Pediatria (TEP). Destinadas a médicos pediatras, as aulas terão duração de quatro meses e serão iniciadas no dia 22 de fevereiro, sempre às quintas-feiras, das 19h às 22h, na sede da Sobape, na Avenida Professor Magalhães Neto. Segundo a coordenadora científica da Sobape, a pediatra Helita Azevedo, “o programa dará ênfase aos diagnósticos diferenciais, assim como conduta e tratamento”. A coordenadora diz ainda que foram revisadas as provas do TEP dos últimos cinco anos e, nos últimos 30 minutos de cada aula, serão comentados os quesitos das provas anteriores pertinentes a cada tema. O programa do curso está em conformidade com as diretrizes da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP).

Novo exame de sangue é capaz de detectar oito tipos de câncer
Foto: Reprodução / iBahia

Cientistas da Escola de Medicina da Universidade Johns Hopkins, em Baltimore, Maryland, desenvolveram um simples exame de sangue capaz de identificar os níveis de proteínas de oito tipos de câncer e a presença de mutações genéticas indicativas de tumores no DNA. O estudo foi publicado na edição desta sexta-feira (19) da revista Science. Inicialmente, os cientistas exploraram centenas de genes e 40 proteínas marcadoras até chegarem a segmentos de 16 genes e oito proteínas. Os primeiros resultados são animadores. No grupo de controle com 812 pessoas sadias, o teste apontou apenas sete falsos positivos. De acordo com O Globo, o exame também foi testado em 1.005 pacientes com câncer não metastático, entre os estágios I e III, de ovário, fígado, estômago, pâncreas, esôfago, cólon, pulmão ou mama. Em média, a sensibilidade foi de 70% variando entre o câncer de ovário, com 98% de detecção, e o câncer de mama, com 33%. Para cinco tipos que não possuem testes de detecção, ovário, fígado, estômago, esôfago e pâncreas, a sensibilidade variou entre 69% e 98%. Para determinar os biomarcadores a serem detectados, a equipe de pesquisadores coletou dados de mais de três décadas de pesquisas genéticas sobre o câncer mantidos tanto na Johns Hopkins, como em outros centros de pesquisas. Batizado como CancerSEEK, o novo procedimento tem potencial para entrar na lista de exames de rotina, mas, para isso, o custo deve ser menor do que testes existentes para tipos específicos de câncer, como a colonoscopia. A previsão é que ele custe menos de US$ 500.

Médico pede que paciente diminua o uso do celular: ‘está adoecendo os jovens’
Foto: Reprodução / IG

O médico Francisco de Castro precisou recomendar por escrito na última terça-feira (16) que uma paciente reduzisse o uso do celular. A garota de apenas 10 anos, moradora de São Raimundo Nonato, Sul do Piauí, desenvolveu uma anemia por não estar se alimentando direito pelo uso excessivo do smartphone. “Isso está adoecendo os jovens, prejudicando nossa sociedade. A mãe chegou ao consultório se lamentando que a menina não comia direito, não dormia, porque ficava o tempo todo no celular, então precisei pela primeira vez fazer isso por escrito”, disse o médico. De acordo com o G1, a mãe da garota, a autônoma Fernanda Silveira, contou que a filha começou a sentir fraqueza, enjoo e tonturas há cerca de duas semanas. Após alguns exames, veio o diagnóstico de anemia. Apenas dois dias depois da receita, o resultado já se mostrou positivo. “Ela já está comendo melhor e passaram a tontura e a fraqueza”, declarou Fernanda. Ela publicou a receita no Facebook, que já teve mais de 150 compartilhamentos e quase 50 comentários.

 

Foto: Reprodução / Facebook

Morre em Salvador 1º paciente a ter sucesso em transplante de coração na Bahia
Foto: Reprodução / Facebook

Morreu na última quinta-feira (18), em Salvador, o primeiro paciente a ser submetido com sucesso a um transplante de coração na Bahia. Anderson Adrian tinha 39 anos e foi operado em 2009, no Hospital Santa Izabel, em Salvador. De acordo com o G1, Anderson sofreu um infarto fulminante quando estava em casa. O sepultamento dele foi realizado às 13h desta sexta-feira (19), no cemitério da Ordem 3ª de São Francisco, no bairro da Baixa de Quintas.

‘A febre amarela está aqui para ficar’, diz representante da OMS
Foto: Jamil Chade/Estadão

A representante da OMS, Laurence Cibrelus, fez um alerta para implementar uma estratégia ambiciosa de acabar com a epidemia de febre amarela no mundo até 2026. Angola e Brasil são exemplos para a Organização Mundial de Saúde (OMS) de que o risco da febre amarela mudou e que existe hoje uma maior ameaça de surtos. De acordo com o Estadão, em sua avaliação, o risco da doença mudou diante do impacto das mudanças climáticas, dos deslocamentos populacionais e desmatamento. Para a OMS, além de imunizar a população em áreas de risco, o foco é evitar a exportação de casos para além das fronteiras conhecidas da doença. Caso contrário, a febre amarela poderia ser uma ameaça para a saúde global. “A doença não pode ser erradicada. Mas o que podemos fazer é eliminar a epidemia, com ampla imunização sustentada ao longo dos anos. Podemos, assim, garantir que o vírus pare de circular em humanos. Precisamos que os governos entendam as ameaças da febre amarela e o impacto que poderia ter. Ela está aqui para ficar”, disse. Para vacinar todas as pessoas que precisam de proteção, a OMS estima que precisa de pelo menos R$ 7,3 bilhões ao longo de dez anos para comprar as vacinas para todos que serão protegidos, além de gastos operacionais. O valor, porém, é inferior ao que o Brasil gastou para erguer os estádios na Copa do Mundo de 2014. Naquele ano, o orçamento para as arenas ficou em cerca de R$ 8,3 bilhões.

Clínica realiza ação gratuita para conscientizar a população sobre saúde mental
Foto: Divulgação

A Clínica Fênix irá promover na próxima terça-feira (24), das 9h às 11h, no Farol da Barra, uma ação gratuita nomeada como “Janeiro Branco” que tem como objetivo conscientizar as pessoas acerca dos cuidados com a saúde mental. Serão realizadas aula de dança, funcional, atividades de respiração e relaxamento, além de um bate-papo sobre autocuidado. De acordo com o psicólogo e diretor da Clínica, Joaquim Moura, “a ação, de ordem nacional, é uma forma estratégica de aproveitar o início do ano, quando as pessoas estão com um perfil mais introspectivo, para chamar a atenção para questões de ordem psicológica-existencial e dos cuidados com a saúde mental”. O especialista, que também alerta para as taxas de suicídio, depressão e ansiedade, que têm crescido no país, reforça que janeiro é um período que as pessoas estão tomando decisões e reavaliando atitudes.

Sexta, 19 de Janeiro de 2018 - 14:10

Quem dorme mais come menos açúcar, diz pesquisa

Quem dorme mais come menos açúcar, diz pesquisa
Foto: Reprodução / Manhuaçu News

Uma pesquisa do King’s College de Londres publicado no American Journal of Clinical Nutrition afirmou que dormir algumas horas a mais por noite pode ajudar você a comer menos doce. A ideia do trabalho era testar o impacto de uma hora e meia de sono extra na rotina de adultos que dormem pouco. O sono, ou a falta dele, já é considerado um fator de risco para várias doenças, incluindo problemas no coração e obesidade. De acordo com a Folha de São Paulo, os participantes do estudo foram divididos em dois grupos. No primeiro, os voluntários não receberam nenhuma instrução; no segundo, tiveram uma consulta com um psicólogo e receberam orientações para dormir uma hora e meia a mais. Durante sete dias, os participantes seguiram as recomendações, preencheram diários alimentares e usaram sensores de movimento que ajudaram a identificar quando eles estavam dormindo. Cerca de 85% daqueles que receberam o aconselhamento aumentaram o tempo gasto na cama e metade aumentou a duração do sono. Quem dormiu mais consumiu, em média, 10 gramas de açúcar livre a menos por dia e também reduziu as ingestões de gordura e carboidrato em relação ao outro grupo. Segundo os pesquisadores, os resultados ainda precisam ser confirmados por outros trabalhos, de longo prazo, que possam analisar os efeitos da higiene do sono nos hábitos alimentares principalmente de populações de risco, com obesidade e doenças cardiovasculares.

Clínicas particulares só receberão vacinas contra febre amarela no final de fevereiro
Foto: Miguel Schincariol

Segundo o presidente da ABCVAC  (Associação Brasileira das Clínicas de Vacina), no mês de janeiro não haverá reposição de estoque da vacina de febre amarela nas clínicas de vacinação particulares. A previsão é que novas doses sejam recebidas no final de fevereiro. As vacinas são produzidas fora do país e, por isso, o abastecimento pode sofrer com restrição na capacidade de distribuição. O laboratório responsável pelo abastecimento, Sanofi Pasteur, solicitou a aprovação em caráter excepcional da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a importação de um novo lote da vacina com embalagem internacional, que acabou de ser concedida. A vacina, que já teve distribuição de mais de 400 milhões de doses ao redor do mundo, é chamada de Stamaril e está registrada em mais de 100 países. Em posicionamento enviado à ABCVAC, a Sanofi informou que tanto a empresa, quanto a Anvisa estão empreendendo todos os esforços para acelerar a importação e disponibilizar esta vacina o mais rapidamente possível, seguindo todas as normas e regras aplicáveis para o processo de importação e disponibilização das doses no mercado privado. A Sanofi já iniciou o processo de importação e o lote estará disponível para comercialização no mercado em aproximadamente 30 dias.

Ministério da Saúde afirma que Salvador está fora do alerta de febre amarela no Carnaval
Foto: André Borges

O Ministério da Saúde anunciou, na última quarta-feira (17), que Salvador está fora do alerta de febre amarela para o carnaval. Porém, mesmo sem registrar casos da doença na capital, a procura pela vacina nos postos aumentou em 700%. De acordo com o G1, a campanha de vacinação em Salvador e mais oito municípios baianos começa dia 19 de fevereiro. O reforço da imunização aconteceu após a morte de macacos nos primeiros 15 dias de 2018. Um homem que contraiu febre amarela no interior de São Paulo e morreu no último domingo (14), em Salvador, gerou uma corrida aos postos. Enquanto 600 pessoas se vacinaram na sexta-feira (12), 3 mil pessoas tomaram a vacina na segunda-feira (15). Na terça (16) foram contabilizadas 5 mil. De acordo com a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), subiu para 20 o número de macacos mortos esse ano, em Salvador, segundo balanço divulgado na quarta-feira (17). As causas da morte dos animais ainda estão sob investigação.

Salvador recebe carreta tecnológica informativa sobre Aedes aegypti neste fim de semana
Foto: Divulgação

O Caminhão do Mosquito, do Ministério da Saúde, estará estacionado no Parque da Cidade Joventino Silva entre os dias 19 e 21 de janeiro. O chamado Circuito Interativo de Combate ao Mosquito foi criado com a tecnologia de ponta por desenvolvedores de Brasília e busca explorar a interatividade e a experiência em seis passos pensados para despertar a conscientização da população. Os softwares vão orientar milhares de pessoas pelo nordeste gratuitamente. De acordo com o Ministério da Saúde, 2/3 dos criadouros do mosquito estão em domicílios. Com números como estes, a região Nordeste foi classificada no último ano de pesquisa publicada, com quase 20% dos seus municípios em estado de risco. Mais de 43% estão em alerta, e apenas 36% em situação satisfatória. A solução para isso é a informação, segundo os desenvolvedores responsáveis pelo projeto inédito, que vai embarcar moradores das cidades incluídas no roteiro para entregar informação e saúde dentro da carreta de um caminhão.

Histórico de Conteúdo