Autor de esfaqueamentos na Estação Mussurunga foi preso há um mês por agressão
Foto: Raquel Saraiva / CORREIO

Responsável pelo assassinato da ex-cunhada Jacineide Alves Lima, de 42 anos, a facadas, Nelson Messias dos Santos, 48, se matou em seguida. O crime ocorreu por volta das 10h20, da manhã desta quinta-feira (12), na Estação Mussurunga. Segundo informações do Correio*, testemunhas afirmaram que o homem chegou ao local com duas facas e atingiu a ex-cunhada. Em meio à confusão, pelo menos oito pessoas tentaram impedir a ação, mas o apoio não foi suficiente – dois homens ficaram feridos e foram socorridos para o Hospital Geral do Estado (HGE). Informações preliminares da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA) dão conta de que uma das vítimas está em estado grave enquanto a outra não corre risco. De acordo com o Correio*, um é ambulante e o outro é segurança do local. Jacineide morreu a caminho da unidade de saúde, já Nelson, que após atacar as vítimas, se esfaqueou com golpes na região do pescoço, chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas veio a óbito ainda no local. A assessoria de comunicação da SSP-BA confirmou que o criminoso havia sido preso há um mês por agressão à ex-esposa, Eleni Alves Lima, mas ficou custodiado por apenas quatro dias, pois a Justiça lhe concedeu liberdade provisória. Até o momento, a polícia acredita que o objetivo inicial dele era matar Eleni – ela e a irmã comercializavam salgados e doces dentro da estação de ônibus. Porém, Jacineide interveio e acabou sendo morta.

Histórico de Conteúdo