Com Samuel Celestino

Receba Notícias do BN

Nome
E-mail *

Curtas do Poder

Curtas do Poder

Acho que Geddel está de dengo com o Soberano. Depois de sua ausência e de Lúcio, o Gordo, na Lavagem do Bonfim, o ex-candidato ao Senado disse que o governo de Neto é razoável e que espera ser chamado para conversar sobre o futuro. Ou seja, vice-prefeitura. Já as filhas do Galego (JW) não tem dado sorte nos empregos. Não deixe de ler as curtas e venenosas do Poder!

Veja mais

Pérola do dia

Cid Gomes

"Temos que parar de dar prioridade à ação de tentar descobrir a pólvora."

Ministro de Educação ao dizer que pasta não sofrerá com cortes de verbas.

Veja mais

Multimidia

Veja os gols de Bahia 3x2 Shakhtar

Veja mais

Terça, 04 de Fevereiro de 2014 - 08:40

Ordenamento do comércio de rua chega ao bairro da Liberdade antes do carnaval, diz Semop

Ordenamento do comércio de rua chega ao bairro da Liberdade antes do carnaval, diz Semop
Foto: Mauro Akin Nassor/Correio
Antes do carnaval, o comércio de rua no bairro da Liberdade, em Salvador, será reorganizado. Segundo a Secretaria Municipal da Ordem Pública (Semop), a previsão é de que, até o dia 20, os trabalhos comecem. Contudo, a ação não será a mesma realizada no centro da cidade. “Diferente da Avenida Sete, na Lima e Silva não temos transversais para alocar o comércio. Vamos, então, pensar em uma rua para o uso coletivo, que permita o comércio, mas que também seja possível ter uma organização para quem quer caminhar na calçada”, afirmou a titular da pasta Rosemma Maluf. No bairro da Liberdade, os equipamentos dos ambulantes serão padronizados e só poderão atuar na área os vendedores licenciados. A Semop contabiliza cerca de 210 ambulantes cadastrados, mas existem muitos que atuam sem licença. De acordo com Carlos Augusto Oliveira, presidente da Associação dos Dirigentes Empresariais da Liberdade (Adiel), alguns trabalhadores aparecem apenas em períodos de festas. Alguns pontos do projeto da prefeitura já têm gerado reclamações e dúvidas entre os moradores. Um deles é a venda de frutas e verduras apenas na Feira do Japão e a concentração da venda de carnes e frutos do mar em um galpão no final da Rua Gonçalo de Coelho. “O galpão precisa passar por reformas. Existe uma lei federal que impede que esses produtos sejam vendidos na rua, ou seja, não vai haver licença nessas condições. Com o galpão, estamos apontando soluções”, conclui Rosemma. As informações são do Correio.

Comentar

   

Histórico de Conteudo

Janeiro / 2015

Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031
Site Auditado pelo IVC - Bahia Noticias

Enquete

Mesmo no começo de 2015, políticos já falam de 2016. Eleições são prioridade?

Artigos

Karla Borges
Outra análise do IPTU 2014 e 2015

O recente balanço da arrecadação do IPTU de Salvador em 2014 divulgado pela Secretaria Municipal da Fazenda - SEFAZ apontou uma inadimplência de 23% entre os pagantes. Entretanto, de acordo com os dados do Portal Transparência publicado no site da SEFAZ, a previsão de receita do IPTU para o exercício de 2014 era de R$ 892.419.000,00 e foram arrecadados R$ 461.793.950,08, correspondendo, portanto, a uma inadimplência de 48,25% entre os contribuintes do imposto.

Veja mais

Viagem no tempo

Samuel Celestino, anos atrás
Publicada no Jornal 'A Tarde' em 05 de março de 1985: A Bahia no ministério

Depois de longos anos de participação discreta nos governos revolucionários, a Bahia retoma o seu prestígio político no cenário nacional se efetivamente for confirmada a destinação de três ministérios para políticos baianos, como tudo parece indicar. Há, ainda, algumas dúvidas sobre a formação do primeiro escalão do futuro governo e, dentre elas, informava-se ontem que não estava tão certa a presença de Fernando Lyra no gabinete da Casa Civil e que Waldir Pires permanecia entre a Previdência Social e o Ministério da Justiça.

Veja mais