Licitação do transporte público de Salvador não corre risco de judicialização, diz Euvaldo
Foto: Divulgação
O modelo de licitação proposto para o transporte de Salvador será apresentado aos vereadores da cidade nesta terça-feira (22) pelo secretário de Transportes, José Carlos Aleluia. Um dos pontos polêmicos que envolvem o tema é a suposta dívida de R$ 600 milhões da prefeitura com o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Salvador (Setps), que para o vereador Euvaldo Jorge (PP), presidente da Comissão de Transporte, Trânsito e Serviços Municipais da Câmara, não será empecilho. "O problema da dívida não impedirá a realização da licitação uma vez que foi assinado um TAC no Ministério Público onde o Setps se compromete a não judicializar o processo", afirmou. A reunião com Aleluia foi requerida pelo pepista sob o argumento de que as discussões necessitam ser aprofundadas.

Histórico de Conteúdo