Com Samuel Celestino

Receba Notícias do BN

Nome
E-mail *

Curtas do Poder

Curtas do poder

Esse povo da Bahia também parece que não entende das coisas modernas. Dia desses vieram me fazer uma fofoca dizendo que os ferries que Dotô Otto comprou estão enferrujados. Sabem de nada, inocentes. Na verdade, ele mandou customizar as embarcações, que agora podem ser chamadas de retrô. Falando em coisa antiga, o gago Domingos Leonelli é tão das antigas que até suas placas são em preto e branco. Retrô, como os novos ferries. Na coluna de hoje eu ainda revelo quem anda a destruir placas de rua dos candidatos. Não deixe de ler as Curtas do poder!

Veja mais

Pérola do dia

ACM Neto

“Nunca pensei em mandar minhas filhas pro exterior. Eu quero que elas fiquem aqui, que elas vençam aqui.”

Prefeito de Salvador, ao inaugurar a obra de requalificação da Barra.

Veja mais

Entrevistas

Renata Mallet

Primeira dos candidatos ao governo entrevistada pelo Bahia Notícias nessa série, a fonoaudióloga Renata Mallet (PSTU) mostra postura firme e um discurso à esquerda mais radical. Vai desde o final das terceirizações e das parcerias público-privadas à desmilitarização das polícias, com uma parada no fim da lei de responsabilidade fiscal. Para ela, a Bahia vive uma contradição entre ricos e pobres e que somente a participação de trabalhadores e jovens pode mudar o quadro. “Nós queremos o voto daqueles que não querem que a direita retorne no nosso estado. Que estão cansados do carlismo. E também queremos os votos daqueles que tiveram esperança com o PT e perceberam que o PT os traiu. A gente quer o voto daqueles que querem a mudança na Bahia. É necessário inverter a lógica da política na Bahia, parando de priorizar e dar privilégios para os ricos e começar a pensar políticas para os trabalhadores e para a juventude. Nossa proposta é de fazer um governo que convoque os trabalhadores a governar. As mãos que trabalham na Bahia também podem governar o nosso estado. E nós contamos com eles. Com a participação do movimento. A nossa eleição tem esse objetivo de fortalecer a luta dos trabalhadores e da juventude. Porque, para nós, a única forma de melhorar o estado de sofrimento da nossa população é deixar de construir uma Bahia para os ricos e começar agora, junto com os trabalhadores e a juventude, a construir uma Bahia com e para esse setor, para os trabalhadores e a juventude, que são a grande maioria da população”, defende Renata.

Veja mais

Multimidia

Veja o lance do gol de Bahia 1x0 Corinthians

Veja mais

Quarta, 06 de Março de 2013 - 23:00

Prefeita de Igaporã perde cargo; Ex-prefeito assume mandato

por David Mendes

Prefeita de Igaporã perde cargo; Ex-prefeito assume mandato
Neto governou até 31 de dezembro último e retorna ao poder
O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) cassou, na noite desta quarta-feira (6), o registro de candidatura da prefeita de Igaporã, no sudoeste baiano, Rosana Cotrim (PR). A gestora substituiu o ex-prefeito e ex-candidato Deusdete Fagundes (PSB) a menos de 24 horas das eleições municipais de outubro do ano passado. Rosana foi eleita com 4.493 votos válidos (49,62%) contra 4.182 sufrágios validados (46,19%) do segundo colocado no pleito e ainda prefeito na época Newton Cotrim (PT), conhecido como Neto. Conforme denúncia da Procuradoria Regional Eleitoral (PGE), Deusdete teve o pedido de registro de candidatura indeferido e esperou até as vésperas das eleições para indicar a substituta. A PGE considerou a medida como uma “manobra política”, que possibilitou a eleição da nova postulante, considerada "candidata surpresa”, e vitoriosa nas urnas por uma diferença de 311 votos de Neto. “Boa parte do eleitorado de Igaporã, contudo, nada ou muito pouco sabia sobre a candidata, não teve acesso as suas qualificações básicas, como nome, partido, cargo almejado, vida pregressa e aptidão para o exercício da função pública, além de informações referentes ao embate de ideias com outros candidatos e à divulgação de suas propostas políticas”, afirmou na ação o procurador eleitoral Sidney Madrugada. Conforme apurou o Bahia Notícias, por cinco votos a um, a maioria dos desembargadores do TRE-BA acatou o recurso e determinou a imediata substituição do comando do município. Conforme decisão da Justiça Eleitoral baiana, o ex-alcaide Neto, que governou o município até dia 31 de dezembro de 2012, deverá ser diplomado e empossado ainda nesta quinta (7).

Comentar

   

Histórico de Conteudo

Site Auditado pelo IVC - Bahia Noticias

Enquete

Qual a importância das pesquisas eleitorais durante a campanha?

Artigos

Tiago Correia
O renascimento da Barra

Veja mais