Com Samuel Celestino

Receba Notícias do BN

Nome
E-mail *

Curtas do Poder

Curtas do poder

Essa semana uma pergunta me encasqueta a cabeça: se não presta serviço ao governo, não é empreiteira, não vende uma lasca de carne pra estados e municípios, que interesse o grupo da Friboi tem nas eleições, principalmente na Bahia? Não venham me dizer que é somente porque Joesley, o presidente, casou-se com Ticiana Villas Boas, ex-garota do tempo da Band. Falando em dinheiro, devo confessar que Benito tá fazendo jus ao seu apelido: Grana. Para quem não sabe, o velho ACM que o apelidou desta forma. Benito, segundo a imprensa nacional, anda a distribuir dinheiro para seus aliados. Comenta-se que trata-se de dinheiro oriundo da Friboi. Eu só observo essas relações antes das eleições e o que elas vão render depois. Não deixe de ler as Curtas do poder!

Veja mais

Pérola do dia

Lula

"A dona Marina não precisa contar inverdades a meu respeito para chorar"

Luiz Inácio Lula da Silva, ex-presidente brasileiro, ao comentar as declarações da candidata à presidência Marina Silva (PSB), que chorou ao falar do ataques que vem sofrendo do PT, sua ex-legenda, e do próprio Lula.

Veja mais

Entrevistas

Rui Costa

Em entrevista ao Bahia Notícias, o candidato ao governo estadual Rui Costa (PT) defende com unhas e dentes a administração de Jaques Wagner (PT) e concentra as críticas na gestão do ex-governador Paulo Souto, que até agora lidera as pesquisas de intenção de voto. Por ter participado da administração petista como secretário de Relações Institucionais e Casa Civil, ele acredita que, em todas as áreas, “sem exceção”, o governo Wagner foi melhor do que o democrata. “Nós vivíamos [...] o crescimento de 87% da criminalidade. De 2007 para cá, eu diria que houve um investimento forte na parte da infraestrutura e da valorização dos profissionais de segurança”, comenta Rui sobre o tema mais abordado pelo concorrente, a segurança pública. Rui elenca ainda novas propostas para o setor: investimento na inteligência, na investigação e nas corregedorias das polícias Civil e Militar. O economista de formação também fala sobre a necessidade de mudar a estratégia de isenção fiscal para atração de capital privado no estado. “A Bahia precisa mostrar competência. [...]Aí eu me refiro a investimentos em infraestrutura viária, urbana, de mobilidade, nas estradas, aeroportos, ferrovias e portos”, avalia. Na educação, sua principal bandeira é a escola de tempo integral, com a meta de 300 unidades até o fim do eventual mandato. Também pretende criar o “Saúde Para Todos”, para regionalizar o sistema, além de implantar sete hospitais no estado, ao contar com a redes municipal, estadual, filantrópica e privada. O postulante do PT pede o voto aos eleitores para que possam "juntos construir uma Bahia moderna, do futuro": "Em que possamos recordar da Bahia do passado apenas nos livros de história, com os dois milhões de analfabetos, mais de três milhões de pessoas sem energia elétrica, as estradas esburacadas, com péssimos indicadores sociais".

Veja mais

Multimidia

Veja os gols de Vitória 1 X 2 Flamengo

Veja mais

Quarta, 14 de Dezembro de 2011 - 18:50

Tanque Novo: Empresário líder de esquema é pai do prefeito

 Tanque Novo: Empresário líder de esquema é pai do prefeito
Operação parou a cidade na manhã desta quarta (14) | Foto: Jornal Farol
A Polícia Civil divulgou mais detalhes da Operação Marabu, realizada nesta quarta-feira (14), que prendeu oito integrantes de uma quadrilha acusada de sonegação fiscal no município de Tanque Novo, no sudoeste baiano. João Neves de Oliveira, um atacadista de 70 anos, pai do prefeito Elson Neves de Oliveira (PTdoB), foi apontado como líder do esquema que causou um prejuízo de R$ 54 milhões. Entre as operações fraudulentas, constam a utilização de notas fiscais frias; o “calçamento” de notas fiscais; a utilização de notas fiscais com numeração paralela à autorizada pela Sefaz; a utilização de empresas de fachada constituídas em nome de outras pessoas; operações comerciais em nome de empresas fictícias; a falta de emissão de notas fiscais; e a simulação de venda de mercadorias para outros estados, com utilização de empresas de fachada.  A operação conjunta realizada pelas pastas da Fazenda (Sefaz), Segurança Pública (SSP) e o Ministério Público é fruto de três anos de investigações. Além do pai do prefeito, também foram presas Judith Alves Carneiro, mulher do empresário, um filho do casal, Laeson Neves de Oliveira, e os netos Diogo Carneiro Neves de Oliveira e João Carlos Neves de Oliveira, além de uma irmã de João Neves, Eunice de Oliveira Magalhães. Todos os presos estão à disposição da Justiça no Complexo Policial de Guanambi. A Polícia Civil divulgou que o empresário, ao perceber a movimentação dos agentes, tentou se livrar de uma pasta com documentos, jogando-a por cima do muro. Em sua residência foram apreendidos documentos, notas promissórias e mais de R$ 30 mil em espécie.

Comentar

   

Histórico de Conteudo

Setembro / 2014

Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930
Site Auditado pelo IVC - Bahia Noticias

Enquete

A delação premiada do ex-diretor da Petrobras pode respingar nas eleições 2014?