Quarta, 14 de Setembro de 2011 - 09:08

Meningite: ‘poderia ter acontecido em qualquer lugar’

Após o governo do Estado decidir vacinar toda a cadeia de turismo no Litoral Norte, o líder da bancada do governo na Assembleia Legislativa, deputado Zé Neto (PT), esclareceu não ter avaliado como desnecessária a medida agora adota pelas autoridades estaduais. O petista pontua que a vacinação em massa contra a meningite meningocócica (tipo C) não era uma orientação técnica, mas que após a ocorrência de sete casos na região se faz necessária. “Não era exigido. Os focos poderiam ter acontecido em qualquer lugar, porque nenhum outro estado adotou esta medida (de vacinação em massa). Poderia ter acontecido aqui, na Inglaterra ou nos Estados Unidos”, comparou. Para controlar as ocorrências da doença, entretanto, a vacinação se faria necessária: “Como aconteceu foco lá, como questão de prevenção você vai ter que agir. Dar uma resposta á sociedade, até para resguardar a rede hoteleira. Dar garantia de que aquela cadeia estaria protegida, de que o turista pode vir para cá porque estará protegido”, assegurou.

Histórico de Conteúdo