TCE desaprova contas de Piripá, multa ex-prefeito e determina devolução de R$130 mil
Foto: Divulgação / TCE-BA

A Segunda Câmara do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) desaprovou nesta quarta-feira (25) as contas do convênio 151/2010, firmado entre a Prefeitura de Piripá e a Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), por meio da Superintendência de Desportos do Estado da Bahia (Sudesb). O convênio foi firmado para realizar obras de reforma e ampliação de um estádio de futebol, mas o objeto não foi cumprido. Por conta disso, foi determinado que o ex-prefeito de Piripá, Anfrísio Barbosa, devolva aos cofres municipais com juros de mora e atualização monetária R$ 130,9 mil e pague multa de R$ 5 mil. A desaprovação das contas e as sanções pecuniárias foram determinadas unanimemente pela Segunda Câmara.

Histórico de Conteúdo