Várzea da Roça: Jovem de 18 anos tem mandado de prisão e é suspeito de 8 homicídios
Foto: Reprodução / Youtube

Acusado de ser integrante de uma associação criminosa e suspeito de envolvimento em oito mortes ligadas ao tráfico de drogas, Luciano de Oliveira,  o “Neném de Ventura”, teve prisão preventiva cumprida nesta quarta-feira (27) em Várzea da Roça. O jovem de 18 anos está sendo investigado pela morte de Adriana Moreira, o “Bolo”, ocorrida em setembro, na cidade de Mairi, município da bacia do Jacuípe. De acordo com o delegado Jaime Brito, Luciano estava na residência do pai quando foi preso, portava um revólver calibre 38, estojos deflagrados, certa quantidade de droga e uma balança de precisão. A prisão de Luciano e toda a investigação em torno dos casos em que é suspeito fazem parte uma ação muito maior. Segundo o coordenador da 16ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), em Jacobina, delegado Eduardo Brito, uma Força-Tarefa foi criada para desarticular esta organização criminosa de atuação em municípios da região. A Força-Tarefa, com policiais dos departamentos de Polícia do Interior (Depin), Repressão e Combate ao Crime Organizado (DRACO), 16ª Coorpin e Polícia Militar, teve como objetivo dar apoio às investigações e intervenções nas unidades de São José do Jacuípe, Várzea da Roça, Mairi e Serrolândia, principal área de atuação da associação.

Histórico de Conteúdo