Operação Turbulência: PF indicia 20 por participação em esquema de lavagem de dinheiro
Presos na operação chegam a Recife | Foto: Reprodução / TV Globo
A Polícia Federal indiciou 20 pessoas investigadas pela Operação Turbulência, que apura um esquema em torno da compra do Cessna Citation, avião no qual o ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), morreu durante sua campanha à presidência da República, em agosto de 2014. Segundo informações do portal G1, estão entre os indiciados, pelos crimes de lavagem de dinheiro, organização criminosa e falsidade ideológica, os empresários João Carlos Lyra Pessoa de Mello Filho, Eduardo Freire Bezerra Leite, Apolo Santana Vieira e Arthur Roberto Lapa Rosal. Eles foram presos no dia 21 de junho em Pernambuco. Melo Filho e Vieira são apontados como donos da aeronave – em 2014, o PSB informou que os dois autorizaram o uso do Cessna na campanha eleitoral. Encontrado morto em um motel na cidade de Olinda, na região metropolitana de Recife, dois dias depois da deflagração da Operação Turbulência, o empresário Paulo César de Barros Morato. De acordo com laudos da perícia, Morato morreu por envenenamento. A Polícia Civil, porém, mais de um mês após a morte, ainda não concluiu se ele se matou ou se foi assassinado. O inquérito foi concluído no último dia 15. A operação Turbulência visava investigar uma organização criminosa que utilizava contas de pessoas físicas e jurídicas, a maioria de empresas fantasmas ou de fachada, para manejar recursos de origem ilícita. A apuração começou após relatório de inteligência do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), que identificou movimentações suspeitas nas contas de duas empresas usadas para adquirir a aeronave. Segundo o relatório da PF, ficou comprovada a relação entre as empresas de fachada e a compra do avião.O inquérito afirma ainda que três dos empresários presos em Pernambuco - João Carlos Lyra Pessoa de Melo Filho, Eduardo Freire Bezerra Leite e Apolo Santana Vieira - não eram apenas integrantes da quadrilha, mas tinha atuação de destaque no grupo. 
Entre Rios: Morador gay contesta pastor que estampou placa contra homossexuais
Foto: Reprodução / Youtube
O caso da polêmica placa na entrada de uma igreja em um distrito de Entre Rios ainda repercute na região (ver aqui). Um morador gay, que se indignou com o fato, confrontou o pastor Milton França, líder da igreja de Porto Sauípe acusada de homofobia. Segundo Taylor Rudimiler, a própria Bíblia, traz no Antigo Testamento, no Livro de Samuel I, um texto que tolera e aceita o amor entre pessoas do mesmo sexo. Em vídeo, o morador conta que foi evangélico por 12 anos e conhece o livro sagrado dos cristãos. “Fui cristão por 12 anos. Deus é coração independente do que for”, contestou. Rudimiler também afirmou que a placa é um afronta à sociedade. “Uma falta de respeito à maioria da sociedade, porque tem pessoas com parentes, outros tem filhos [gays]”, afirmou em vídeo do Correio. 
 

Nomeado por Temer, novo diretor da Cinemateca é denunciado por estelionato
Foto: Reprodução / Facebook
Após a demissão de cerca de 80 funcionários, sob justificativa de “desaparelhar” o Ministério da Cultura e órgãos vinculados, o governo interino de Michel Temer anunciou, nesta terça-feira (27), o novo diretor da Cinemateca Brasileira. O nomeado foi Oswaldo Massaini Filho, que responde na Justiça por estelionato. De acordo com informações do colunista Guilherme Genestreti, na Folha de S. Paulo, ele aparece nos autos de um processo que corre em segredo de Justiça, como responsável por acompanhar investimentos da apresentadora de TV Márcia Goldschmidt na corretora de valores SLW, como gestor autônomo. De acordo com o advogado de Goldschmidt, ela investiu cerca de R$ 200 mil, entre os anos de 2001 e 2002, mas denuncia que o dinheiro “evaporou”. Segundo o Ministério Público, Massiani teria falsificado extratos de investimentos com dados falsos, para disfarçar a subtração. Em entrevista ao colunista, o novo diretor da Cinemateca confirmou ter trabalhado na SLW, mas disse desconhecer o processo.
Sexta, 29 de Julho de 2016 - 09:40

Temer envia ao Congresso projeto de lei para alterar remuneração de servidores

por Luci Ribeiro | Estadão Conteúdo

Temer envia ao Congresso projeto de lei para alterar remuneração de servidores
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil
O presidente em exercício, Michel Temer, encaminhou ao Congresso Nacional texto do projeto de lei que "altera a remuneração de servidores públicos, estabelece opção por novas regras de incorporação de gratificação de desempenho às aposentadorias e pensões e dá outras providências". A mensagem de envio da proposta está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (29). Na semana passada, o Ministério do Planejamento confirmou em nota que o governo federal encaminharia ao Legislativo projetos referentes a acordos salariais firmados com 14 categorias. Os acordos foram assinados formalmente entre fevereiro e maio deste ano. Entre as categorias atendidas por esses projetos estão auditores fiscais e analistas tributários da Receita Federal, auditores fiscais do Ministério do Trabalho, Médicos Peritos do INSS e Polícia Federal. Também na semana passada, o governo enviou aos parlamentares projeto específico dos servidores do Fisco, para dispor sobre a "Carreira Tributária e Aduaneira da Receita Federal do Brasil" e instituir "o Programa de Remuneração Variável da Receita Federal do Brasil".
Vitória da Conquista: Mais de 27 milhões de cigarros são destruídos
Foto: Reprodução / Blog do Anderson
Uma carga de cigarros falsificados oriundos do Paraguai, avaliada em R$ 1,3 milhão, começou a ser destruída em Vitória da Conquista nesta quarta-feira (27). O material foi apreendido pela Receita Federal, Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz). Para eliminar os 27 milhões de cigarro serão necessários cinco dias. Toda a carga foi apreendida nos últimos 12 meses. Segundo o Blog do Anderson, o material não tem documento que comprove a importação e, por ser classificado como produto que oferece risco à saúde, precisa ser destruído. Além de cigarros, a Receita Federal em Conquista também apreendeu veículos, relógios e roupas. No caso destes itens, o material deve ser leiloado ainda este ano.
Sexta, 29 de Julho de 2016 - 09:10

Logo Penso: Tô deprimida e a culpa é da revista

por Barbara Gomes

Logo Penso: Tô deprimida e a culpa é da revista
Foto: Divulgação
Já pararam pra ver o preço dos produtos que estampam as revistas de moda e beleza? Essas revistas tentam vender o que está fora do nosso alcance, mesmo assim a gente continua lendo. Tá certo isso? Veja vídeo completo no link.

Processo contra major que matou esposa em escola é suspenso, diz advogado
Foto: Reprodução / Facebook
O advogado Alfredo Venet, que defende o major do Corpo de Bombeiros Valdiógenes Almeida Cruz Junior, 45 anos, acusado de matar a esposa, a professora Sandra Denise Costa Alfonso, 40, em maio desse ano, afirma que o juiz responsável pelo caso suspendeu o processo. Segundo informações do jornal A Tarde, Venet ajuizou uma petição para a instauração de incidente de insanidade, afirmando que seu cliente tem um histórico de problemas que indicam distúrbios psicológicos. O pedido teria sido aceito pelo juiz Moacyr Pitta Lima Filho, do 1º Juízo da 1ª Vara do Tribunal do Júri. "O processo está sobrestado. O juiz estipulou um prazo de 45 dias para a efetivação dos exames e, até sair  o resultado do laudo, não serão designadas audiências", informou o advogado. Valdiógenes invadiu a Escola Municipal Esperança de Viver, onde Sandra trabalhava como professora e coordenadora, e a matou a tiros. De acordo dom Venet, ainda sem data confirmada, os exames serão realizados no Hospital de Custódia e Tratamento (HCT), na Baixa do Fiscal. "Ele passará por uma avaliação com psiquiatras do HCT. Ainda não sabemos quando". Valdiógenes segue preso no Batalhão de Choque da PM, em Lauro de Freitas, em cumprimento de prisão preventiva, decretada no dia seguinte após o crime. Os familiares da professora se surpreenderam com a determinação da Justiça após a solicitação do advogado. "Todos ficamos surpresos e nos interrogando. Como pode uma pessoa que tem problemas de insanidade assumir um subcomando de bombeiros? Quem deu esse cargo para ele? Não teve essa percepção, não teve essa avaliação? Ele tinha porte de arma, andava armado. Quem deu esse porte de arma a ele?”, argumenta o irmão de Denise, Marcos Tadeu. Ele afirma que o major nunca apresentou sinais de distúrbios psicológicos, mas era muito ciumento.
Sexta, 29 de Julho de 2016 - 08:45

No último treino da semana, Bahia utiliza novo material esportivo; confira

por Ulisses Gama

No último treino da semana, Bahia utiliza novo material esportivo; confira
Foto: Divulgação / EC Bahia
O lançamento da nova linha de material esportivo do Bahia só ocorre na noite desta sexta-feira (29), mas a equipe e a comissão técnica do Bahia já vestem o material fornecido pela empresa inglesa Umbro no último treinamento antes de enfrentar o Bragantino, no próximo sábado (30), pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O clube tem contrato com a nova parceira até o fim do ano de 2018. Confira imagens:



Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias
Foto: Ulisses Gama / Bahia Notícias

MP-BA entrega denúncia de envolvidos na Operação Adsumus à Justiça
Vice-prefeito de Santo Amaro está preso | Foto: Santo Amaro Notícias
O Ministério Público da Bahia (MP-BA) denunciou os envolvidos na Operação Adsumus à Justiça nesta quinta-feira (28) (clique aqui e saiba mais). Os envolvidos são o vice-prefeito de Santo Amaro, Leonardo Araújo Pacheco Pereira; o secretário municipal de Administração, Desenvolvimento, Obras e Serviços, Luís Eduardo Pacheco Alves; o funcionário público Diego Sales Santos; o empresário Paulo Sérgio Soares Vasconcelos, Jachson César Rocha Azevedo e Hildecarlos Seixas de Souza. Eles foram denunciados por crime de associação criminosa, peculato e fraude em licitação. Os dois últimos estão foragidos. Os demais denunciados já estão presos (clique aqui e saiba mais). A denúncia foi oferecida pelos promotores de Justiça João Paulo Schoucair e Aroldo Pereira, da comarca de Santo Amaro, e por promotores do Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas e Investigações Criminais (Gaeco). De acordo com a denúncia, os seis denunciados montaram e operaram, entre 2011 e 2015, uma associação criminosa que prorrogava, indefinidamente e de forma irregular, a contratação de obras, locação de maquinário e realização de serviços públicos, por meio de licitações previamente arranjadas. A denúncia aponta que as empresas Serv Bahia e Real Locação “representam o elo privado, composto pelos denunciados Hildecarlos, Jachson e Paulo Sérgio, de um esquema público de corrupção conduzido pelos denunciados Luís Eduardo Pacheco, Leonardo Pacheco e Diego Sales”. O MP afirma que a fraude gerou um pagamento de aproximadamente R$ 8,9 milhões às empresas, por serviços não prestados, que teriam sido divididos entres os integrantes da associação criminosa. Além das penas previstas pelos crimes cometidos, o MP pede a reparação do montante aos cofres públicos. A Operação Adsumus foi deflagrada no dia 14 de julho em Santo Amaro, Lauro de Freitas, Camaçari e Salvador. As investigações começaram em Santo Amaro a partir de visitas in loco, previstas pelo programa “Saúde + Educação – Transformando o Novo Milênio”, implementadas nas unidades de ensino pelos promotores de Justiça.
Mais de 100 políticos são apontados como beneficiários de propinas, segundo Odebrecht
Foto: Agência Brasil
Mais de cem deputados, senadores e ministros foram apontados como beneficiários de desvios de dinheiro público nas negociações de delação premiada de executivos da Odebrecht. Executivos da construtora, entre eles o ex-presidente da empresa Marcelo Odebrecht, citaram pelo menos dez governadores e ex-governadores, de acordo com O Globo. Entre eles estão os ex-governadores do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão e Sérgio Cabral, ambos do PMDB; de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB); e de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT). Os depoimentos dos 15 executivos da Odebrecht devem começar nesta sexta-feira (29), de acordo com o blog de Lauro Jardim. As negociações evoluíram sobretudo depois que advogados da empresa informaram ao Ministério Público Federal que estavam conseguindo recuperar os arquivos do Setor de Operações Estruturadas da Odebrecht, destinado a pagar propina a pedido de outras áreas da empresa. As provas constantes nesses arquivos são consideradas essenciais para o desfecho das negociações, inclusive, detalhes sobre os repasses de dinheiro de origem ilegal a autoridades. É possível que a Odebrecht feche o acordo de delação antes da OAS, uma de suas principais rivais. 
Sexta, 29 de Julho de 2016 - 08:00

Presidente do COI ironiza atrasos no Rio 2016: ‘Brasileiro termina tudo na última hora’

por Marcio Dolzan e Nathalia Garcia | Estadão Conteúdo

Presidente do COI ironiza atrasos no Rio 2016: ‘Brasileiro termina tudo na última hora’
Thomas Bach | Foto: Wilton Junior/Estadão Conteúdo
Às vésperas da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), o alemão Thomas Bach, já está se acostumando ao "jeitinho brasileiro". O dirigente aproveitou o clima descontraído de um compromisso na praia da Barra da Tijuca para fazer uma crítica bem humorada à preparação da cidade-sede. "Conhecendo os brasileiros um pouco melhor, eles gostam de terminar as coisas no último segundo. Tenho certeza que teremos grandes Jogos", afirmou. E relativizou ao dizer que encara com naturalidade o fato de ter algumas pendências antes do início da Olimpíada. "Nunca tudo está 100% e, no Rio, não é diferente. Não há razão para reclamações, tenho certeza de que será fantástico", exaltou. O tom das declarações seguiram o clima de festa do evento.  Em bate-papo com as crianças, com a ajuda de um tradutor, Bach perguntou ao grupo em qual modalidade o Brasil conquistaria medalhas. Os jovens apostaram no inédito ouro olímpico do futebol. E o dirigente não perdeu a piada. "Não como dois anos atrás?", questionou o alemão, em referência à vexatória derrota do Brasil para a seleção do seu país na Copa do Mundo por 7 a 1. O presidente do COI também conversou com Marcelinho, campeão olímpico de vôlei nos Jogos de Pequim-2008. O ex-atleta apresentou o filho Pedro, que nasceu durante aquela Olimpíada. Esbanjando simpatia, Bach agachou para conversar com o menino e perguntou se estava surgindo um novo campeão olímpico. O garoto ficou quieto e parecia um pouco tímido por não compreender o que o cartola estava falando, o pai tentava traduzir. Thomas Bach entregou uma camiseta e um broche da Olimpíada para Pedro, que permaneceu em silêncio. Marcelinho orientou o filho a agradecer em alemão - "danke" -, mas o dirigente interferiu, mencionando que ele entendia as palavras "muito obrigado". Por fim, saiu em comitiva de volta ao hotel de olho nos próximos compromissos.
Autor de ataque em igreja na França gravou vídeo em que ameaça 'destruir a França'
Foto: Reprodução / Google Street View
Um dos responsáveis pelo ataque à igreja Saint-Etienne-du-Rovray, na França, ocorrido na última terça-feira (26), já tinha ameaçado “destruir a França” em vídeo, encorajando muçulmanos a atacar os países da coalizão de países formada para combater o grupo terrorista Estado Islâmico (EI). A gravação foi divulgada pela agência Amaq, vinculada ao grupo radical. Em francês, Abdel Malik Petitjean se dirige ao presidente da França, François Hollande, e ao primeiro-ministro, Manuel Valls. "O tempo mudou. Você vai sofrer o que sofrem nossos irmãos. Vamos destruir o seu país. Vamos levantar a bandeira da religião e a palavra de Alá", afirma, em menção ao objetivo de conseguir “a vitória do Islã”. "Dirijo uma mensagem para todos os irmãos muçulmanos: ataquem seus países, ataquem os aliados da coalizão", complementa, em seu vídeo. Em alguns momentos, o jihadista utiliza algumas frases em árabe. Ele convoca os muçulmanos a não escutar o “diabo” e explica que realizar um ataque é fácil. "Temos tudo o que é preciso. Sair com uma faca, é tudo o que é necessário para atacá-los, matá-los em massa". O padre Jaques Hamel, 92 anos, foi degolado durante o atentado, no qual participou outro homem. Ele e Abdel foram mortos com a chegada da polícia francesa ao local, em um distrito de Rouen, a menos de 200 quilômetros de Paris.
Oposição homologa candidatura de Elinaldo a prefeito de Camaçari
Foto: Ângelo Pontes / Divulgação
A oposição de Camaçari homologou a candidatura do vereador Antonio Elinaldo (DEM) à prefeitura do município. O ex-prefeito José Tude (PMDB) foi confirmado como candidato a vice. A decisão foi anunciada em evento com a presença do prefeito ACM Neto (DEM), um dos articuladores da aliança entre os democratas e os peemedebistas. "Elinaldo não é líder de todas as pesquisas à toa. Isso é fruto de um trabalho intenso, atuando diretamente nas ruas, ouvindo a população. Ele representa a mudança. E a presença de Tude na chapa só qualifica ainda mais essa candidatura", disse o prefeito de Salvador. Elinaldo atacou o PT e prometeu colocar os serviços básicos do município para funcionar. "O ex-prefeito Luiz Caetano cometeu tantas irregularidades que é ficha suja. Não adianta ele dizer que quer mudar algo porque esse que está aí agora [em referência a Adelmar Delgado] é cria dele", destacou. 
Governo estuda medidas para restringir compras em sites internacionais
Foto: Reprodução / JCNet
O governo do presidente interino Michel Temer (PMDB) quer restringir as compras em sites internacionais e prepara medidas para isso. A ideia, de acordo com a coluna Painel, da Folha, é enterrar a regra, taxando todo tipo de remessa, ou adotar um valor simbólico para a isenção. A proposta foi discutida pelos ministros da Fazenda, Henrique Meirelles, e da Indústria, Marcos Pereira, nesta quinta-feira (28). Atualmente, as compras em sites como o chinês Alibaba e o americano Amazon não sofrem impacto tributário se forem de até US$ 50. 
Sexta, 29 de Julho de 2016 - 06:40

Em convenção, Hillary cita 'forças poderosas' que querem dividir os EUA

por Cláudia Trevisan | Estadão Conteúdo

Em convenção, Hillary cita 'forças poderosas' que querem dividir os EUA
Foto: Michael Appleton / nycmayorsoffice
Hillary Clinton pediu nesta quinta-feira (28) que os eleitores americanos rejeitem as "forças poderosas" que ameaçam dividir os Estados Unidos, representadas pela candidatura de seu adversário, o republicano Donald Trump. "A América está mais uma vez em um momento de definição", afirmou no discurso com o qual aceitou a nomeação democrata para ser a primeira mulher a disputar a presidência do país por um grande partido. "Laços de confiança e de respeito estão se esgarçando. E como ocorreu com nossos fundadores, não há garantias. Tudo depende de nós. Nós temos que decidir se nós vamos trabalhar juntos para que todos possamos nos erguer juntos", declarou Hillary, no mais crucial pronunciamento de sua longa carreira política. Como Barack Obama na noite anterior, Hillary rejeitou a visão apocalíptica de Trump sobre o futuro do país e centrou seu discurso na defesa da unidade e do otimismo. "É com humildade, determinação e ilimitada confiança na promessa americana que eu aceito sua nomeação para presidente dos Estados Unidos", declarou Hillary, sendo aplaudida de pé pela plateia. A candidata entrou na arena às 22h25 (23h25, horário de Brasília) e foi recebida com acenos de milhares de bandeiras americanas que haviam sido distribuídas pelos organizadores da convenção do partido. Em vários momentos do discurso ela foi interrompida pelos gritos "Hillary, Hillary". A candidata começou o discurso agradecendo seu adversário nas primárias, Bernie Sanders, e falou diretamente aos seguidores dele, que protestaram contra a candidata nos primeiros dois dias da convenção, iniciada na segunda-feira. "Sua causa é a nossa causa." Enquanto ela falava, gritos isolados de protesto podiam ser ouvidos na plateia, abafados pelos gritos "Hillary". Hillary se referiu ao caráter histórico de sua nomeação, a primeira de uma mulher feita por um grande partido. "Quando não há nenhum teto, o céu é o limite", afirmou. "Vamos continuar, até que cada uma das 161 milhões de mulheres e garotas ao redor da América tenha a oportunidade que merece." Depois de apresentar Trump como um candidato que contraria valores fundamentais dos EUA, Hillary o condenou por não apresentar propostas concretas para solução dos problemas do país. "Vocês devem ter notado que eu gosto de falar dos meus", disse a candidata, célebre pelos detalhes com que apresenta suas posições. Em seguida, prometeu lançar um programa de investimentos em infraestrutura para criar o maior número de empregos nos EUA desde a Segunda Guerra Mundial. Hillary defendeu a expansão de benefícios sociais, a gratuidade do ensino superior para famílias com renda inferior a US$ 125 mil ao ano e a concessão de licença maternidade. Segundo ela, os programas serão pagos pelo aumento de impostos dos mais ricos, de Wall Street e das grandes corporações. "Nós vamos seguir o dinheiro." Com a multiplicação de ataques terroristas dentro e fora dos Estados Unidos, a candidata se apresentou como a líder capaz de comandar as Forças Armadas do país no combate ao Estado Islâmico. Segundo ela, Trump não tem temperamento para comandar as Forças Armadas dos EUA. "Imaginem ele no Salão Oval enfrentando uma crise real. Um homem que ataca com um tweet não é um homem a quem se pode confiar armas nucleares." A candidata foi apresenta aos espectadores da convenção por sua filha única de 36 anos, Chelsea, mãe de seus dois netos, Charlotte e Aidan. "Senhoras e senhores, minha mãe, minha heroína e nossa próxima presidente", disse Chelsea. Em discurso antes da entrada de Hillary, Chelsea se referiu à sua infância e adolescência, em uma tentativa de humanizar uma candidata vista muitas vezes como controladora e pouco espontânea. Mas Chelsea também se referiu à mãe como uma ativista, que passou sua vida defendendo causas que foram do direito de crianças ao combate da mudança climática. "Ela nunca esquece pelo que está lutando."
Sexta, 29 de Julho de 2016 - 00:00

TCE suspende uso de antecipação de royalties para cobrir déficit do Funprev

por Fernando Duarte

TCE suspende uso de antecipação de royalties para cobrir déficit do Funprev
Foto: Reprodução / Fec Bahia
Uma denúncia realizada ainda em 2014, pelo então deputado Carlos Gaban (DEM), resultou na suspensão do uso dos recursos de antecipação de royalties para pagamento de benefícios previdenciários do Funprev. A denúncia foi avaliada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) no começo de junho, porém apenas nesta quinta-feira (28) veia à tona. Relatada pela conselheira Carolina Costa, o Pleno do TCE resolveu pela admissibilidade de denúncia por unanimidade, porém por maioria na avaliação do mérito – apenas o conselheiro Marcus Presídio votou pela improcedência. Conforme extrato do processo, o TCE determinou a “expedição de determinação, ao atual Secretário da Sefaz, para que se abstenha de utilizar recursos de antecipação de royalties para pagamentos de benefícios previdenciários do Funprev”, além de requerer a formulação de um plano de ação, em 90 dias, para, em médio e longo prazo, equacionar o déficit previdenciário do Funprev. A decisão foi encaminhada também à Sétima Coordenadoria de Controle Externo, “com a finalidade de que supostos impactos da antecipação de recursos de royalties possam ser considerados nas análises das contas de governo”, bem como à Assembleia Legislativa do Estado da Bahia, “tendo em vista que as irregularidades apuradas refletem nas contas de governo”. Apesar do extrato do processo estar disponível no Diário do TCE do dia 08 de julho de 2016 (veja abaixo), não foi possível verificar atualizações no sistema do órgão.


Extrato do relatório publicado no Diário Oficial do TCE de 8 de junho de 2016

A aprovação da Proposta de Emenda Constitucional que autorizava o uso dos royalties para compensar o déficit da previdência marcou uma das grandes tensões do governo Jaques Wagner. Apresentada pela primeira vez no exercício 2013, a PEC foi derrotada em janeiro de 2014. Pouco tempo depois, já no novo exercício, a proposta foi aprovada, sob muitos protestos da oposição, o que motivou a denúncia de Gaban. Com a mudança da regra, o governo pretendia arrecadar R$ 1,6 bilhão para cobrir as dívidas do Fundo de Previdência dos Servidores da Bahia (Funprev).
PSL pode apoiar PDT nas eleições em Salvador; ‘Impossível negociar’, diz Félix sobre Nilo
Foto: Montagem / Bahia Notícias
A campanha do Pastor Sargento Isidório (PDT) a prefeito de Salvador pode ganhar o apoio do PSL. De acordo com o presidente estadual do partido e presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Marcelo Nilo, está “90% fechado que vamos apoiar o PDT” na capital baiana. Entretanto, esta aliança entre as legendas pode unir, mesmo que somente no campo político, dois inimigos declarados: o próprio Nilo e o deputado federal Félix Mendonça Jr., presidente do PDT na Bahia. O pedetista garante que a rusga entre os dois, apontada como principal motivo para a saída de Nilo do partido, não vai impedir as negociações entre as legendas. Entretanto, as conversas, que deveriam ser lideradas por Félix, estão sendo comandadas pelo presidente municipal do PDT, Aldo Queiroz, enquanto do outro lado são conduzidas pelo vereador José Trindade, e não por Nilo. “Nós temos problema pessoal. Naturalmente, teria que ser eu negociando com ele, mas isso é uma coisa impossível”, afirmou o parlamentar em entrevista ao Bahia Notícias. Ainda de acordo com o deputado, uma conversa na noite desta quinta (28) com a executiva estadual do PSL deve bater o martelo sobre o apoio do partido à candidatura de Isidório. Segundo Trindade, entretanto, o partido conversa com outras siglas da base do governador Rui Costa e não há “nada fechado”, mas as negociações com o PDT “estão bem evoluídas”. “Podemos fechar com qualquer partido da base aliada do governo. A própria Alice é uma candidata com qualidades, o Cláudio Silva também. Mas queremos alguém que faça Salvador voltar a sorrir. A gente tem um governo municipal que tem feito muito pouco para os mais carentes”, declarou. 
Sexta, 29 de Julho de 2016 - 00:00

Trade aposta em experiência de novo secretário para tocar Turismo

por Bruno Luiz

Trade aposta em experiência de novo secretário para tocar Turismo
Foto: Camila Souza / GOVBA
A chegada de José Alves à Secretaria de Turismo da Bahia (Setur) (veja aqui) traz boas expectativas, mas também é vista com cautela pelo trade turístico baiano. Segundo entidades ouvidas pelo Bahia Notícias, a avaliação é de que Alves, ex-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens da Bahia (Abav), pode usar a experiência à frente de uma instituição que faz parte do trade para realizar uma boa gestão na pasta. Entretanto, é consenso entre elas a ideia de que o novo titular da Setur só fará um bom trabalho caso o governo estadual destine mais recursos para a secretaria. “Ele [Alves] conhece os problemas que o turismo tem. Tem condições de fazer um excelente trabalho, mas tudo vai depender do governador. Ele [Rui] tem que entender que o turismo é uma grande força”, avaliou o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis - Bahia (Abih), Glicério Lemos, em entrevista ao Bahia Notícias nesta quinta-feira (28). Para o dirigente da Abih, a requalificação do Centro de Convenções é “essencial” para dar pujança ao setor, que, segundo ele, tem 9% de participação no Produto Interno Bruto (PIB) baiano. “O Centro de Convenções precisa de mais dinheiro, de mais aporte. Os nossos destinos turísticos são altamente competitivos. Salvador é uma cidade eminentemente turística, não tem indústria. Turismo na Bahia não é algo secundário”, criticou. Também para Paulo Gaudenzi, presidente da Salvador Convention, o principal desafio de Alves é conseguir mais dotação orçamentária para a pasta. Ele afirma esperar que o novo comandante da Setur mantenha boas relações com o trade, assim como o antigo secretário, Nelson Pelegrino, “discutindo as reais necessidades do turismo baiano”. Gaudenzi também afirmou que o governo precisa investir em mais publicidade para promover a Bahia como destino turístico. “O carro-chefe do Turismo da Bahia é Salvado e Salvador não está deslanchando. A cidade hoje está melhor. Nós temos que divulgar isso, de forma massiva, para que os turistas sintam o desejo de vir para Salvador”, afirmou. Para ele, a reforma do Centro de Convenções também precisa ser concluída. "Esperamos que o governo contemple a secretaria com mais verbas para que ele [Alves] possa cumprir bem a sua missão. Continuando a reforma do Centro de Convenções. Salvador precisa muito do Centro de Convenções requalificado. Quem tem um produto desse tem que ser levado em consideração e absoluta prioridade”, declarou.
Sexta, 29 de Julho de 2016 - 00:00

Com réplicas de obras de arte, artista leva Museu Fiotim a cidades brasileiras

por Ailma Teixeira

Com réplicas de obras de arte, artista leva Museu Fiotim a cidades brasileiras
Foto: Divulgação
Inspirado no Instituto Inhotim, sede de um acervo de arte contemporânea, o artista Jorge Fonseca criou o Museu Fiotim, uma fábula-instalação itinerante que leva cópias de artigos de arte, dentro de um trailer, a cidades brasileiras. O projeto nasceu em Ouro Preto, interior de Minas Gerais, mas se consolidou com sua passagem no Rio de Janeiro, no ano passado. Nessa quarta-feira (27), o projeto chegou a Bom Jesus da Lapa, no interior da Bahia. "Com a imaginação dele, ele começou a pensar: 'Se eu fosse fazer uma performance e esse performer fosse um camelô, ele ia querer sair do museu fazendo cópia'. Então, é uma brincadeira dele de juntar vários aspectos da arte contemporânea, com a ideia da performance, do conceito da cópia, a ideia sobre o papel das instituições porque o Inhotim é maravilhoso, mas se você não for até ele, ele não vem até você. Daí, ele decidiu levar o instituto até as pessoas e, nesse caso, ele não é o Inhotim, ele é um filhote. Fiotim", explica João Correia, marchand do projeto. Clique aqui e leia a matéria completa na coluna Cultura!
Entre Michelzinho e sogra, Temer terá 42 convidados na abertura dos Jogos Olímpicos
Foto: Lula Marques/AGPT
A Presidência do Brasil terá 42 convidados na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos, que acontece no dia 5 de agosto, no Maracanã. Segundo informações da Folha de S. Paulo, o presidente interino Michel Temer levará ao estádio no Rio de Janeiro a primeira-dama, Marcela Temer, seu filho, Michelzinho, e a sogra, Norma Tedeschi. A lista ainda não foi fechada, mas devem fazer parte dela ministros do governo federal. Como rege o costume, o presidente do país sede será o responsável por falar apenas uma frase durante a cerimônia, declarando a abertura dos Jogos: "Declaro aberto os Jogos do Rio, celebrando a 31ª Olimpíada da era moderna". O número de convidados foi definido pela organização dos Jogos Olímpicos. O Comitê Olímpico Internacional (COI) deverá levar a mesma quantidade de convidados.
Verificação de taxímetros só poderá ser feita após agendamento; medida começa em agosto
Foto: Divulgação / Ibametro
A verificação de taxímetros da frota de táxis de Salvador, feita pelo Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro), só poderá ser realizada após agendamento, a partir do próximo mês. De acordo com o órgão, a medida começa a valer no dia 8 de agosto e visa melhoria no atendimento, o que deve evitar, por exemplo, filas. Otimizamos assim o processo e assim a tendência é que o taxista não fique aguardando muito tempo para ser atendido”, afirma o diretor-geral do órgão, Luiz Freire. O taxista pode agendar a verificação, que é obrigatória, através do site do Ibametro.
Dívida da Bahia apresenta melhora, mas transferências da União caem
Foto: Cláudia Cardozo/ Bahia Notícias
O endividamento do governo baiano apresentou números melhores no primeiro semestre deste ano, mas a gestão estadual ainda adota cautela nas suas contas. Segundo o balanço de execução orçamentária publicado nesta quinta-feira (28) pela Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-Ba), a relação entre dívida corrente líquida (DCL) e receita corrente líquida (RCL), passou de 59% em dezembro de 2015, para 50% em junho. Por outro lado, a administração liderada por Rui Costa se queixa da queda nas transferências da União, que caiu 5,13% nos primeiros seis meses de 2016. Segundo o secretário Manoel Vitório, apenas com os repasses do Fundo de Participação dos Estados (FPE) a Bahia deixou de ganhar R$ 1,05 bilhão, uma vez que o FPE não manteve o crescimento equivalente ao da receita tributária estadual desde 2012. O ICMS, principal receita própria do Estado, teve ganho nominal de 4,84%. O índice, no entanto, ainda fica abaixo da inflação.
Virtual Educa: Bahia deve sediar evento internacional de Educação
Foto: Divulgação
A Bahia deve sediar, em 2018, um dos maiores eventos internacionais de educação, o Virtual Educa, que reúne projetos inovadores no campo da educação e da formação profissional. Representando o Brasil, o Governo do Estado apresentou aos organizadores do projeto as condições de infraestrutura e os atrativos baianos. O governador Rui Costa se reuniu com representantes da organização no final da tarde desta quinta-feira (28) e, ao lado dos secretários da Educação, Walter Pinheiro, do Turismo, José Alves, e da Ciência, Tecnologia e Inovação, Manoel Mendonça, demonstrou o interesse da Bahia com o tema. O evento é realizado a cada ano em um país membro da Organização dos Estados Americanos (OEA). Para 2018, um dos temas escolhidos é o da imigração e os fluxos migratórios ao redor do mundo. “Consideramos que deve se realizar na Bahia por muitas razões. O multiculturalismo que norteia a globalização, com diversidades de matrizes e valores, está no Brasil, de uma maneira geral, e na Bahia mais especificamente", disse o secretário geral do Virtual Educa, José María Antón.  “Muitas das iniciativas que integram tecnologia e educação já são utilizadas na Bahia com sucesso, temos muitas dessas referências e já nos apresentamos como um polo importante nesse sentido. Além de que essa pode ser a primeira vez que o continente africano participa do Virtual Educa, então nada mais justo que o nosso estado tão rico em referências e heranças da África receba este encontro”, defendeu o secretário da Educação Walter Pinheiro.
PF vai apurar desvio de verbas na construção do próprio prédio em SP
Foto: Google Street View
A Polícia Federal instaurou uma tomada de contas especial para apurar supostos desvios de recursos públicos durante a construção de um prédio do próprio órgão. De acordo com a coluna Expresso, da revista Época, o superintendente da PF em São Paulo, Disney Rosseti, determinou a investigação da possibilidade de prejuízo ao erário provocado pela construtora Gautama. A empreiteira foi responsável pelas obras da unidade na capital paulista, que foi inaugurada em 2002. O dono da construtora, Zuleido Veras, foi preso em 2007 pela PF durante investigação de desvios em obras públicas. Segundo a publicação, o órgão era um dos principais clientes da Gautama.
Defesa de Dilma Rousseff entrega alegações finais na comissão do impeachment
Foto: Lula Marques/ AGPT
O advogado de defesa da presidente afastada Dilma Rousseff, o ex-ministro José Eduardo Cardozo, entregou na noite desta quinta-feira (28) as alegações finais da defesa à comissão do impeachment no Senado. Com a apresentação do documento, tem início o prazo para o relator do processo, senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), apresentar seu parecer. Ele deverá ser concluído até a próxima segunda-feira (1º). No dia seguinte, o colegiado vai decidir se Dilma vai ou não a julgamento final. Entre as argumentações finais, Cardozo incluiu o pedido do Ministério Público Federal em Brasília (MPF-DF) à Justiça Federal para arquivar as investigações sobre as "pedaladas fiscais". No entendimento do procurador Ivan Marx, os atrasos nos pagamentos a bancos públicos não representam operação de crédito, e, portanto, não configuram crime de responsabilidade. “Vários fatos surgiram ao longo desse período. Um deles muito importante foi essa proposta de arquivamento que Ministério Público Federal fez. O procurador afirmou que efetivamente não é operação de crédito. É a tese que a gente tem defendido”, afirmou Cardozo.
Quinta, 28 de Julho de 2016 - 20:20

Trem do metrô realiza primeiro teste na linha 2

Trem do metrô realiza primeiro teste na linha 2
Foto: Amanda Oliveira/GOVBA
A linha 2 do metrô passou pelo seu primeiro teste na tarde desta quinta-feira (28). Por volta de 16h, um trem fez o percurso da Estação Acesso Norte 2 em direção à Estação Detran. Com 12 estações, a linha 2 deve chegar ao aeroporto até o final de 2017. A estação Detran deve ficar pronta em agosto deste ano. Seis terão integração com os terminais de ônibus: Acesso Norte, Rodoviária, Pituaçu, Mussurunga, Aeroporto e Lauro de Freitas. “Quando a linha 2 do metrô entrar em operação, mais pessoas serão beneficiadas com um sistema de transporte confortável, pontual e seguro, melhorando a mobilidade e também a qualidade de vida dos soteropolitanos, que é o objetivo do Governo do Estado", afirmou o secretário de Desenvolvimento Urbano, Carlos Martins. Até a linha 2 entrar em funcionamento, novos testes deverão ser realizados.
Indicado de Jucá para Eletrobras foi demitido de Furnas no primeiro governo Dilma
Foto: Lula Marques / Agência PT
O novo diretor de Distribuição da Eletrobras, Luiz Henrique Hamann, foi demitido da diretoria financeira de Furnas no primeiro governo da presidente afastada Dilma Rousseff (PT). Hamann foi indicado para a estatal pelo senador Romero Jucá (PMDB-RR). De acordo com o colunista Lauro Jardim, Hamann era servidor da Eletronorte desde 1981 e foi demitido da diretoria de Furnas na leva em que também foram dispensados os comissionados ligados ao deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ), Henrique Alves e Valdir Raupp. Segundo Delcídio do Amaral relatou em delação premiada, foi essa tentativa de limpeza de Dilma, no começo do primeiro governo, que afastou a petista do ex-presidente da Câmara. Hamann voltou ao setor elétrico em 2013, como presidente da Companhia Energética de Roraima (CERR), quando a empresa estava sendo transferida para a Eletrobras.
Partida Bahia realiza primeira roda de conversa neste sábado
Foto: Divulgação
O núcleo baiano do partidA (clique aqui e saiba mais), movimento criado pela filósofa Márcia Tiburi para estimular a presença feminina na política, realiza sua primeira reunião neste sábado (30), das 14h às 17h, na Faculdade de Economia da Universidade Federal da Bahia (Ufba). “A proposta é refletir porque as mulheres não estão na política partidária e expor os números da participação feminina na política local e nacional em um quadro comparativo com outros países para o debate. O partidA convoca as mulheres para a discussão por meio das redes sociais — em Salvador, a página no Facebook foi criada pela professora e jornalista Nadja Vladi. O grupo já tem a adesão de outras mulheres, como a atriz Daiane Nascimento, a artista Thalita Andrade e a produtora cultural Lara Carvalho. A roda de conversa busca fomentar a formação de uma bancada feminista com forte representatividade na política local”, explica o grupo, em nota. Durante o encontro, mães ou responsáveis terão a disposição um espaço infantil. Na roda de conversa deste sábado (28), estarão em debates questões como os problemas dos órgãos e políticas voltadas para mulheres em Salvador, o número de pré-candidatas até agora e a possibilidade de formar uma bancada feminista na política local.  
Oficialização de candidaturas à prefeitura de Alagoinhas é destaque em Municípios
Foto: News Infoco / Max Haack / Ag. Haack / Montagem BN
O DEM e PT realizarão convenções no dia 5 de agosto (sexta-feira) para oficializar seus candidatos a prefeito nas eleições municipais de Alagoinhas, Litoral Norte e Agreste Baiano. Os democratas homologarão o nome de Joaquim Neto, enquanto os petistas escolherão deputado estadual Joseildo Ramos para representar a legenda. Leia essa, e outras notícias, na coluna Municípios!
Juazeiro: Município é o 3º do país que mais gerou empregos no 1º semestre, diz Caged
Foto: Reprodução / Festival da Sanfona
Juazeiro, Sertão do São Francisco, foi o terceiro município do Brasil que mais fez contratações com carteira assinada no primeiro semestre de 2016. De acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), foram registradas 3.887 oportunidades de emprego com carteira assinada nos seis primeiros meses desse ano. A cidade só fica atrás de Franca (SP), com 6.102 admissões, e Cristalina (GO), com 4.096 contratações. Em entrevista ao portal G1, o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo do município, Carlos Neiva, salientou que apesar da predominância do setor de serviços (que representa 60% do Produto Interno Bruto), o número de empresas no Distrito Industrial do município passou de 38 para 76 nos últimos anos. "Essa dinamização da matriz econômica é responsável pelo avanço local", opinou. 

Histórico de Conteúdo