Entrevistas

MC Guimê revela desejo de cantar com baiana e se diz incomodado com foco dado ao uso da maconha

Fenômeno do funk ostentação em todo o Brasil, o MC Guimê concedeu entrevista ao Bahia Notícias durante passagem em Salvador para uma apresentação no Salvador Fest. Na oportunidade, o artista falou sobre o poder de penetração do funk fora do eixo Rio-São Paulo, revelou com qual artista da Bahia tem vontade de fazer uma parceria musical e salientou se incomodar com o foco que a mídia dá em suas entrevistas, sempre destacando a declaração de que usa maconha diariamente. Não deixe de ler!

Veja mais

Frase da Semana

Solange Almeida

“Rala sua mandada”

Solange Almeida, cantora do Aviões do Forró, rebatendo uma seguidora que a ofendeu no Instagram.

Veja mais

Segunda, 06 de Agosto de 2007 - 08:04

Confira a lista dos artistas simpáticos e antipáticos!

por Rafael di Luca

O portal do Leão Lobo elaborou, através de uma pesquisa, uma lista dos artistas que – segundos os fotógrafos – são mais ou menos suscetíveis à serem fotografados. Entre as mais "difíceis" na opinião destes profissionais que trabalham em busca de melhores flashes estão: Jô Soares, Luana Piovani, Sandy, Luciano Huck, Marcos Pasquim, Otávio Müller e João Gordo. Já entre aqueles que são justamente o contrário e nunca fazem tempo ruim com a imprensa estão: Ivete Sangalo, Adriane Galisteu, Bruno Gagliasso, Claudinha Leitte, Angélica, Karina Bacchi, Hebe Camargo, Wanessa Camargo, Marcos Caruso, Grazi Massafera, Eva Wilma, Junior Lima, Reynaldo Gianecchini. Ainda de acordo com os paparazzi, há também aqueles famosos que são tímidos e, por isso, muitas vezes aparentam ser antipáticos, mas na verdade apenas não fazem questão dos holofotes. Ainda assim, param para fotos, respeitando o trabalho destes profissionais. A lista dos tímidos traz os nomes de Lázaro Ramos, Taís Araújo, Débora Falabella, Denise Fraga e Murilo Benício.


Comentar

   

Histórico de Conteudo

Enquete

Qual a atração mais esperada do Salvador Fest 2014?

Colunistas

Luis Ganem

Colunista

03/09/2014 - 16:17

O que o entretenimento espera do próximo governador?

O mercado artístico e cultural tem reclamado muito de certo amadorismo no que tange a logística de shows e eventos no estado. Sendo que alguns fatores são sempre preponderantes para essa reclamação. Seja pela falta de espaço próprio para o desenvolvimento do segmento como casas de shows e um novo e moderno centro de convenções, seja pela falta de investimentos das autoridades para com a classe, o fato é que insatisfações como esta fazem com que o mercado, que vive somente contando com o Parque de Exposições agropecuárias ou então um ou outro local improvisado, tenha realmente razão para reclamar do declínio dos grandes eventos em geral que deixaram de vir para a Bahia.

14/07/2014 - 14:30

Pós-copa, uma recessão anunciada!


Veja mais